Constantine – 1×12 – Angels And Ministers Of Grace

Constantine-1x12

No meio da crítica situação que Constantine se encontra atualmente, esse era um episódio que deveria prender mais o telespectador. Um plot que tinha tanto para se tornar algo eletrizante, mas que sinceramente me fez assistir o episódio até o fim com muito sacrifício.

Fomos apresentados a uma jovem chamada Taylor, que vai parar no hospital após sofrer uma “overdose”, mas que na realidade estava infectada pelas chamadas “veias negras”. A pedido de John, Zed decide averiguar a moça, mas antes dela morrer, a morena acaba convulsionando.

Em questão de segundos o foco do episódio se tornou único e exclusivamente dela, o qual dava para mudar o nome da série facilmente de Constantine para Zed. A partir desse momento tudo começou a ser uma encheção de linguiça sem fim. Chas sem funcionalidade alguma, John mostrando todo preocupado com a jovem, mas ao mesmo tempo disfarçando isso e a bonita só aguardando tudo se resolver. Falando nela, já não bastava aquele mistério todo envolvendo seu passado, agora esse tumor que apareceu na sua cabeça? Não está sendo fácil.

Continua após a publicidade

Constantine-1x12-No meio de tanta coisa dispersa, Manny foi o que se destacou mais. Após sua ira ao descobrir a doença de Zed, John decide então prender 0 anjo no corpo de um dos médicos que trabalham no hospital em que a personagem está internada. Esse foi um dos pouquíssimos momentos bons, pois vimos um lado dele jamais apresentado antes. Ele como humano conseguiu roubar a cena sempre que aparecia, principalmente na parte em que ele “tira o atraso”. Por mais episódios com momentos assim do anjo, caso a série seja renovada.

Até agora fiquei com milhões de pontos de interrogação na cabeça, perguntando qual a função do vilão desse episódio. Achei o tal médico tão fraco e caricato, que quase desliguei a TV antes do episódio chegar ao fim. Outro ápice interessante do episódio foi o encontro de Zed com o anjo, pois pela primeira vez alguém além do nosso protagonista conseguiu vê-lo. Se teve uma coisa que me irritou foi dela questionando sobre os dons dos poderes dela, que decidiu em não operar para a retirada do tumor como forma de “preço a ser pago pela magia”. Deu vontade de ir até a série e dizer: “minha filha, morre logo então cacetada!”

O penúltimo episódio da temporada, ou da série, não podia ter esse deslize, e na minha humilde opinião foi um dos piores já exibidos de Constantine. Agora é aguardar a season/series finale na sexta-feira 13. Até o momento o destino da série ainda é incerto, mas nos últimos para cá vem fortalecendo a notícia de que caso a NBC opte pelo cancelamento, o canal a cabo SyFy poderá adquirir os direitos de produção da segunda temporada, mas alterando seu nome para Hellblazer. Vamos aguardar as novidades.

#SaveConstantine

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=1VpXDzW1mOU[/youtube]

Eduardo Nogueira

Eduardo Nogueira

Administrador apaixonado por séries e música, sou fã assumido de Friends, e tenho guilty pleasure pelas séries da CW. No Mix sou editor de reality show, cobrindo atrações do gênero como as franquias The X Factor , The Voice, American Idol, entre outros. Faço também reviews das séries Mom, Supergirl, The Good Place, Scream, Fuller House e da brazuca A Garota da Moto. Além disso, deixo vocês sempre atualizados com as nossas Bolhas de Cancelamento, e também escrevo as colunas de Elenco e Teu Passado Te Condena. No tempo que me sobra faço um café para as visitas, rs. Ufa!

No comments

Add yours