Criadora de Grey’s Anatomy está fazendo oito novas séries para a Netflix

Imagem: MasterClass/Divulgação

Você não leu errado. Sim, são oito novas séries…

Se Shonda Rhimes for questionada se já está preparando algo para a Netflix, ela definitivamente pode falar que sim. Isso porque foi revelado que a mente por trás de Grey’s Anatomy está desenvolvendo nada menos que oito novas séries para a plataforma de streaming através da sua produtora Shondaland.

Os títulos de Shonda Rhimes receberão o selo Original Netflix, e serão distribuídos exclusivamente pela plataforma. A autora fechou um acordo milionário no ano passado, e então deixou a ABC para produzir conteúdos apenas para a Netflix.

Abaixo você confere algumas informações sobre as novas séries de Shonda Rhimes.

Série ainda sem título, criada por Shonda Rhimes. Baseada no artigo da Revista New York, “Como Anna Delvey enganou o Partido Popular de Nova Iorque.”. “Manhattan faz uma nova amiga, como nenhuma outra. Mas ela é o material que os sonhos americanos são feitos, ou ela é a maior vigarista de Nova York? É um golpe se você gosta de ser enganado?

The Residence, baseada no livro de não-ficção de Kate Andersen Browder. Ela oferece “uma descrição clara e precisa dos funcionários da residência da Casa Branca e das diferenças nas vidas do andar de cima e no andar de baixo que compartilham com as Primeiras Famílias em uma das casas mais famosas da história“.

Continua após a publicidade

Série ainda sem títuloadaptado pelo produtor executivo de Scandal, Chris Van Dusen, que servirá como showrunner. “Baseada na série de livros best-seller de Julia Quinn, a série irá revelar as vidas brilhantes, ricas, sexuais, dolorosas, engraçadas e às vezes solitárias das mulheres e homens no mercado matrimonial da alta sociedade de Londres, conforme contada pelos olhos da poderosa família Bridgerton.”

The Warmth of Other Suns, baseada no livro premiado de Isabel Wilkerson, adaptado por Anna Deavere Smith (Nurse Jackie, The West Wing). “Esta série inovadora acompanha a migração de décadas de afro-americanos que fugiram do sul de Jim Crow em busca de uma vida melhor no Norte e no Ocidente entre 1916 e 1970.”  adaptar.

Pico e Sepulveda, de Janet Leahy (Mad Men). “Situado na década de 1840, tem como pano de fundo o mais surreal e sensual do então estado mexicano da Califórnia. A série acompanha o fim de uma era idílica, enquanto as forças americanas ameaçam a brutalidade e a guerra na fronteira para reivindicar essa terra de tirar o fôlego.”

Reset: Minha luta pela inclusão e mudança duradoura, com base no livro de memórias de Ellen Pao “detalhando sua vida e carreira, incluindo o processo que ela trouxe contra seu ex-empregador que provocou intenso escrutínio da mídia, sacudiu o Vale do Silício com o seu núcleo de meninos e pressagiou o movimento Times Up ”.

Sunshine Scouts, criado pela escritora/atriz Jill Alexander. “Nesta série de meia hora sombriamente cômica, um desastre apocalíptico poupa um grupo desorganizado de garotas adolescentes em um acampamento para dormir, que deve então reunir suas habilidades de sobrevivência para resistir às consequências e garantir que todos o resto da humanidade cumpram a Lei Sunshine Scout.”.

Continua após a publicidade

Hot Chocolate Nutcracker, um documentário que “oferece um olhar de bastidores para a premiada releitura do clássico balé“ The Nutcracker ”, de Debbie Allen.

Eu queria que a novo Shondaland fosse um lugar onde nós expandíssemos os tipos de histórias que contamos, onde meus colegas criativos e talentosos pudesse prosperar e fazer seu melhor trabalho e onde nós, como equipe, chegamos ao escritório todos os dias cheios de emoção”, disse Rhimes em uma declaração.

Ted [Sarandos] e Cindy [Holanda] e todos na Netflix foram parceiros incríveis em fazer isso acontecer. Esta é a Shondaland 2.0 ”.

Ainda não há previsão de estreia para as novas séries.

Leia mais: Saiba mais detalhes sobre a primeira série criada por Shonda Rhimes para a Netflix

Anderson Narciso

Anderson Narciso

Mestre em História, apaixonado por mídias, é o editor responsável e idealizador do Mix de Séries. Eterno órfão de Friends, One Tree Hill e ER, acompanha séries desde que se entende por gente. No Mix é editor de colunas e de notícias, escreve a coluna 5 Razões e resenha a série Gotham.

1 comment

Add yours

Post a new comment