Crítica: 17×09 de Grey’s Anatomy ressuscita o passado de Teddy

17X09 de Grey's Anatomy

Série mostra uma outra Teddy

Antes de mais nada, quero elogiar os roteiristas de Grey’s Anatomy pela difícil tarefa em escreverem uma boa história no meio de uma pandemia. Nesse episódio, os roteiristas deixaram um pouco de lado a história da C 0 v i d para focar na Teddy Altman. Desde que DeLuca morreu, a médica vem agindo estranho.

Continua após as recomendações

Primeiro foram as alucinações com o ex-médico e, agora, seu passado voltou para assombrá-la. Acredito que não esteja sendo nada fácil para os médicos do Grey Sloan Memorial lidarem com tantas mortes e, em especial, com a morte de DeLuca. Porém, não dá para negar que quem mais sofreu com tudo isso foi justamente a Teddy.

A forma como ela vem enfrentando tudo isso me assusta, pois essa mulher já passou por tantas coisas e nunca ficou tão desnorteada como ficou agora. Eu sei que a pandemia e a morte do DeLuca puxaram esse gatilho para que seus traumas surgissem de tal maneira que foi impossível dela controlar. E o mais interessante nisso tudo foi ver o seriado abordando de uma outra forma o TEPT (transtorno do estresse pós-traumático).

Continua após a publicidade

Se não fosse a Amelia…

Quem realmente se perdeu por completo em Grey’s Anatomy foi Owen Hunt. Desde que Cristina Yang saiu do seriado, o médico vem cometendo bobagem após bobagem. A verdade é que peguei um ranço pelo personagem tremendo. E se não fosse pela brilhante intromissão de Amelia, talvez Owen nunca fosse acordar para a vida.

Amelia em Greys Anatomy

Imagem: IMDB

Sim, meus caros, finalmente Amelia abriu os olhos do seu ex sobre os problemas que Teddy vem passando. Não que eu concorde com todo o lance da traição da Teddy e Tom com o Owen, porém, não dá para negar que, nesse momento, Teddy precisa mais dele do que nunca e, por isso, uma trégua seria muito bem-vinda.

Eu amei a Amelia nesse episódio e preciso confessar que ela está carregando essa temporada nas costas. Quem diria que um dia Amelia Shepherd daria uma lição de moral tão gostosa em Owen?

Passado de Teddy versus Meredith em coma

Enquanto Teddy se perdia em seus traumas, Meredith, mesmo em coma, continuava fazendo o que mais sabe fazer: ser o sol no meio da tempestade. Eu simplesmente amei tudo isso, pois remeteu muito aos primeiros anos de Grey’s Anatomy.

Nós precisávamos saber um pouco mais sobre o passado de Teddy, sobretudo num momento em que a protagonista está em coma. Entretanto, não dá para negar que a presença da Meredith poderia ter sido ocultada.

Sei lá, talvez os roteiristas estão insistindo muito em focar na Mer em coma que se esquecem de que o seriado pode muito bem trazer momentos marcantes, mesmo sem a sua presença.

Mesmo que tenhamos visto o passado de Teddy, achei que faltou algo que deixasse episódio inesquecível. E talvez o grande problema seja nessa insistência em focar demais na Meredith e sua praia.

E preparem seus lencinhos, pois o próximo episódio parece ser bastante emotivo!

Confira o vídeo promocional do próximo episódio de Grey’s Anatomy.

E você, o que achou do episódio? Deixe nos comentários. Além disso, não deixe de acompanhar todas as novidades do mundo das séries aqui no Mix de Séries.

Nota do Episódio8.5
Review do nono episódio da décima sétima temporada da série Grey's Anatomy, intitulado de "In My Life", da ABC.
8.5