Crítica: 2×05 de Big Little Lies entrega ótimas atuações e uma vilã desprezível

O novo episódio de Big Little Lies focou sua atenção principalmente em Bonnie e Celeste

Nessa semana o plot principal de Big Little Lies se desenvolveu e parece que teremos novidades na investigação da morte de Perry.

Madeleine buscou ajuda para o relacionamento com o Ed, mas ainda não foi o que resolveu. Gostei dos dois conversando e tentando se entender, ele chorando junto com a filha foi triste. Maddie acabou não tendo tanto destaque no episódio, mas acho que eles vão acabar se acertando. Pena que o Ed está cada vez mais trouxa e parece que vai fazer besteira.

Renata teve seu próprio dilema quando foi retirada da reportagem de mulheres poderosas. É triste vê-la passando por isso quando lutou tanto para construir tudo que tem. Mas gosto de como ela está mais “leve”. Ela brincando com Amabella na piscina e rindo, foi puro amor.

Cenas assim trazem toda leveza e realidade para a série

Enquanto isso, Bonnie tinha seus próprios problemas para resolver. Com a mãe no hospital, ela começou a relembrar o passado. E, aparentemente, ela sofria abuso da parte da mãe, enquanto o pai fechava os olhos. Parece que ela também conseguiu “enxergar” ela se afogando, o que me preocupa muito. Acredito que Bonnie está perto de se entregar à polícia, mas não sei de que forma fazer isso sem prejudicar todas as amigas.

Imagem: HBO/SpoilerTV/DIvulgação

Inclusive, o namorado de Jane foi visto fora da delegacia. Será que Corey está trabalhando disfarçado, ou estava só passando por lá? Vou ficar decepcionada se for a primeira opção, Jane está se abrindo com ele e tentando seguir em frente. A cena dela desabando e ele a consolando foi tão triste, não é justo tirarem esse casal de mim. Além do mais, Ziggy tem se dado bem com Corey, ainda mais depois de tudo que soube do seu pai verdadeiro.

O mais engraçado é que Perry morreu, mas ainda continua causando problemas. Os gêmeos defendendo Ziggy foi super fofo e o menino merecia apanhar mesmo. A ocasião deu um pretexto para que Jane e Celeste juntassem os filhos e passassem um dia leve com os meninos.

Nem tudo são flores

Infelizmente, nem tudo é perfeito e Mary Louise não gostou disso. A megera está dedicada a tirar os filhos de Celeste e vai lidar com a ira de todo mundo. Estou louca para alguém meter a mão nela de novo, não vou mentir! Mas a nora está muito abalada e receio que talvez bote tudo a perder se não se controlar. Acredito que a advogada está agindo pensando nisso.

A audiência pela guarda vai mexer com os ânimos de todos e eu estou atenta com o que pode acontecer. Além de tudo, parece que em breve teremos novidades sobre o assassinato, não acham?

Nota: Eu simplesmente não suporto mais a Mary Louise, gente. Essa mulher está acabando com a paciência de todo mundo!

Nota 2: A mãe da Bonnie sussurrando “kill me” foi estranho demais.

As atuações continuam maravilhosas, como marca registrada de Big Little Lies. A história dessa temporada está mais séria e constante do que a anterior. Assim, temos a impressão de que tudo está mais parado, até porque não temos todo aquele suspense em cima de um crime, só temos as consequências dele.

Confiram a promo do próximo episódio e nos vemos em breve. Até!

Avatar

Gabriela Scampini

Paulista, estudante de Direito e geminiana. Apaixonada por livros e séries, mesmo sem ter tempo pra nenhum dos dois. No Mix, escreve a coluna #MixAudiência, além das reviews de American Crime Story, Black Mirror, Chicago Fire e The 100.

No comments

Add yours