Critica: 3ª temporada de Ozark foi a mais tensa e dramática da série

Critica Ozark 3 temporada

Os riscos são ainda maiores nos novos episódios de Ozark

Quase dois anos depois que nos despedimos da família Byrde, Ozark retornou com novos episódios na Netflix. Mas para dar início ao novo ano é necessário lembrar alguns acontecimentos que levaram a história a este momento.

Continua após as recomendações

A segunda temporada focou na construção de um cassino para que Marty continuasse a pagar sua dívida e lavar dinheiro. A temporada é marcada por algumas mortes, como a do pai Ruth. Wendy começa a participar mais dos negócios do marido e a lavagem de dinheiro passa a ser um negócio de família quando seus filhos acabam se envolvendo. Darlene Snell, cada vez mais desequilibrada, executa o próprio marido. Ruth está cada vez mais envolvida com o crime e mais próxima de Marty. A advogada inescrupulosa do cartel, Helen Pierce (Janet McTeer) chega para trazer mais pressão. Wendy toma o controle da situação quando acaba com o plano do marido de fugir de Ozarks. O cassino é finalmente inaugurado e a família Byrde percebe que está presa na cidade e ao crime.

Quando a terceira temporada começa, seis meses se passaram. O cassino está em pleno funcionamento enquanto Marty e Wendy disputam quem está no comando da família. Wendy está muito mais ambiciosa e envolvida com os negócios, prova disso é sua aliança com Helen e sua aproximação com Omar Navarro, chefe do cartel mexicano. O casal está em desacordo quanto à expansão dos negócios e tudo se torna mais perigoso quando uma guerra entre os cartéis explode e Ben, o problemático irmão de Wendy, chega ao Lago de Ozarks trazendo drama e mais complicações.

Continua após a publicidade

Marty e Wendy já estão tão comprometidos que não há mais chance de salvação

Marty Byrde continua sendo o mestre na arte de lavar dinheiro para o cartel e Wendy passa sua frente nos negócios. Eles bem que se esforçam numa tentativa de terapia de casal, mas quando ambos subornam a terapeuta para tirar vantagem nas sessões, qualquer possibilidade de salvar o casamento é anulada. Trabalhar para o cartel é perigoso, e falhar não é uma opção. E como sempre, Marty encontra alguns problemas que acabam dificultando seu trabalho. Outra questão é que agora que Wendy está mais envolvida, a tensão entre o casal fica ainda maior. Cada um tem seu jeito de lidar com as complicações e nem sempre estão de acordo. Helen, a advogada do cartel Navarro, está mais participativa do que nunca e muito mais impiedosa. Sua vida pessoal ganha mais espaço ao explorar sua relação com os filhos e o ex-marido.

A narrativa de Ozark se expande ainda mais nessa temporada. Não bastasse o FBI fazendo uma investigação interna no cassino, uma guerra entre os cartéis torna tudo mais perigoso. A chegada de Ben (Tom Pelphrey), o irmão de Wendy, é uma das tramas mais importantes. O estado de sua saúde mental acaba comprometendo toda a família forçando Wendy tomar uma decisão difícil. Wendy não está preparada para chegada do irmão. Ele cria um laço com Ruth que muda tudo. E por falar nela, esta não foi uma temporada fácil para ela. Ruth se mantém como braço direito e quase uma terceira filha de Marty e Wendy. No entanto, depois de um evento traumático, ela começa a questionar até que ponto vai a lealdade dos Byrdes.

Considerações finais sobre a 3ª temporada de Ozark

A medida que os negócios aumentam, Marty e Wendy se esforçam para equilibrar o trabalho e a segurança familiar. Se Wendy pensa em expandir sua marca comprando novos cassinos, fazenda de cavalos e criando um fundação de caridade, Marty é totalmente contrário. Lavar dinheiro com uma agente no FBI dentro do cassino não é algo bom para os negócios. Principalmente se ela estiver pressionando Marty a aceitar um acordo judicial. Mesmo que o casamento de Marty e Wendy esteja a beira de um colapso, eles ainda são capazes de se proteger e encontrar formas criativas de superar os eventos que saem do controle.

Ozark sempre apostou em um tom mais sombrio, equilibrando drama e suspense. Em sua terceira temporada, a série mantém seu estilo visual e entrega um desenvolvimento satisfatório de seus personagens. O jogo de gato e rato de Marty e o FBI, as manipulações e reviravoltas já habituais marcam presença.

Definitivamente o desempenho de Laura Linney é sensacional. Wendy ganhou novas camadas, o que possibilitou a atriz levar sua personagem para novos lugares. A trama envolvendo o irmão de Wendy dá a oportunidade de Laura brilhar, principalmente nos últimos episódios. Jason Bateman continua entregando uma boa performance, principalmente nos momentos em que precisa reprimir suas emoções.

Basicamente estamos diante de duas pessoas que já estão tão comprometidas que não há mais chance de salvação. Marty e Wendy podem aproveitar pequenos momentos para lembrar que ainda são uma família, apesar de todo turbilhão. A pressão sobre Marty e Wendy depois desse final de temporada tende a aumentar ainda mais numa possível (e necessária) quarta temporada.

Mesmo com todas as dificuldades, até agora eles conseguiram permanecer unidos, mas até quando eles vão resistir? Veremos…

A terceira temporada, de 10 episódios, está toda disponível na Netflix.

 

Nota da Temporada9
Crítica da terceira temporada da série Ozark, produção original da Netflix que retornou após dois anos sem episódios inéditos.
9
Tags Ozark
Yuri Alves

Yuri Alves

Bacharel em Direito, fascinado pelo universo dos heróis e um viciado por séries e filmes. Um escritor a procura do meu espaço. Amante dos livros e da boa música. Adoro realitys. A série da minha vida , The OC. No Mix, sou responsável pelos textos de algumas séries como, Blindspot , Ozark, La Casa de Papel entre outras. Quando não estou no cinema ou maratonando uma série estou me aventurando na cozinha.

No comments

Add yours