Crítica: 3×15 de The Resident mostrou o lado bom e o ruim no hospital

Critica The Resident 3x15
Imagem: Divulgação.

Quem é quem em The Resident é ressaltado

The Resident está incrível, e talvez em um de seus melhores momentos. Durante toda a jornada deste ano, a história da série tem conseguido mesclar muito bem o drama pessoal dos personagens com os conflitos do hospital.

Continua após publicidade

Após ter dado foco na demissão de Conrad, e nos problemas do pai de Nic, tinha chegado a vez do Dr. Bell ganhar destaque.

Continua após a publicidade

No último episódio, o suplemento financiado pelo médico passou a ser o principal suspeito de uma contaminação de pacientes que chegaram no Chastain. E com o tempo correndo, Bell ficou perdido, sem saber se dava continuidade ao projeto, ou abortava por conta da suspeita.

Continua após publicidade

A evolução de Bell em The Resident

Não é a primeira vez que falo isso nas resenhas de The Resident, mas é incrível ver a evolução de Randolph. O personagem começou como um baita vilão, médico irresponsável, e que só pensava no dinheiro. Agora, é um exemplo a ser seguido.

Frente a possibilidade do suplemento ser o causador da infecção, Bell chamou Conrad para ajudá-lo na investigação. Não preciso nem dizer que amo quando os dois trabalham juntos. Antes, inimigos, agora eles se respeitam e já se ajudaram várias vezes.

Continua após publicidade

A situação ficou crítica quando um paciente morreu, e Bell estava pronto para apertar o botão vermelho. Ele estava disposto a abrir mão de tudo, mesmo tendo a opção de culpar sua sócia – livrando assim sua culpa no cartório. Mas ele agora faz o certo, e se fosse preciso desistir do suplemento, ele estaria disposto. A ponto de expor toda verdade, no entanto, Conrad acabou descobrindo a real razão da infecção: uma reação a um tecido jeans, comprado por lojas on-line, que também revenderam o suplemento de Bell.

Na verdade, a roupa, entrando em contato com um reagente durante o carregamento de seu transporte, pode ter causado tudo isso. Tudo isso causou um alívio não só em Bell, mas também no público. Isso porque vimos que o personagem melhorou e muito.

Agora, aparentemente, ele gostou de ir na televisão para falar sobre medicina. Conrad, no começo da série, já havia cantado essa pedra. Será que teremos um médico celebridade, da televisão, dentro de nossa trama? Acho que seria bem legal.

Alguém pare o Dr. Caim

Mais uma vez, o Dr. Caim colocou a vida de pacientes em risco. Tudo isso para mostrar a acionistas o seu novo centro de tratamento.

Acontece que o local ainda estava em construção, com pouquíssima estrutura. Nic chegou a alertá-lo, uma vez que ela tinha uma aproximação bem forte com a paciente. Mas ele nem ligou. Por muito pouco, não tivemos uma morte por imprudência.

Está na hora de alguém detê-lo nesta série, e para já. Achei que quando Conrad voltasse para o hospital, isso se tornaria uma prioridade para ele. Mas aparentemente, ele deixou essas questões de lado. Ainda estou torcendo para uma junção de Randolph com Conrad, para que esse médico imprudente seja derrubado de uma vez por todas.

E então, o que você tem achado da temporada de The Resident? Deixe nos comentários. Além disso, continue acompanhando todas as novidades das séries, diariamente, aqui no Mix de Séries.

Confira o vídeo promocional do próximo episódio – que será exibido nos Estados Unidos apenas no dia 03 de março.