Crítica: 3×17 de The Good Doctor trabalha duras realidades

Critica The Good Doctor 3x17

The Good Doctor atravessou a razão e a emoção

Assistindo a este episódio de The Good Doctor, eu lhe pergunto: vai me dizer que você nunca esteve na mesma situação de Shaun? Você nunca quis acreditar que um relacionamento daria certo, quando a outra pessoa claramente estava na negativa?

Isso é algo necessário a qualquer um para realmente poder crescer e amadurecer. E Shaun precisou passar por isso.

Tudo bem que as atitudes de Lea não são as melhores neste momento. Ela não destruiu apenas um, como milhares de corações que acreditavam que os dois poderiam dar certo. Mas nossa função aqui não é ser juiz e sim fomentar discussões e pensamentos.

Acredito que os instantes finais, com a conversa entre os dois, serviu como um ponto interessante de esclarecimento. Uma vez que Shaun percebeu a verdade, ele já foi direto para sua zona de conforto. Colocou tudo de acordo com seus princípios e voltou a linha da estabilidade de sua vida. Será mesmo?? Só saberemos isso com sua reação nas próximas semanas. As vezes ele utiliza desse tremendo fora e foca no seu trabalho.

Continua após a publicidade

As vezes ele busca uma nova chance com Carly, o que eu não acredito ser a melhor jogada por agora. No meio de um mar de possibilidades, The Good Doctor nos mostrou que o sonho de muitos ainda está muito distante. Não será dessa vez que Shaun Murphy terá estabilidade emocional…

Imagem: ABC/Divulgação

A calmaria no meio do furacão

O mais curioso de observar em nosso protagonista é o modo como ele lida com seus pacientes. Shaun já percebeu que as melhores resoluções cirúrgicas vem em sua mente no meio de uma confusão de ideias sobre sua vida. Dessa vez não foi diferente… Contudo, ele foi além e inventou uma cirurgia. São em momentos como esse que vemos a arte imitando a vida de maneira excepcional. Quem convive próximo a pacientes autistas sabem bem como sua capacidade criativa e intelectual consegue se expressar de forma muito superior.

A resolutividade do caso foi perfeita e o modo com que chegaram na conclusão cirúrgica também. Na verdade, tivemos dois casos interessantes e curiosos por aqui. A forma com que Lim lidou com a situação de seu paciente pode não agradar a muitos. Acredito que, apesar de tudo, ela foi racional em sua decisão final. O garoto ainda tinha uma vida inteira pela frente e não sabemos dos riscos de uma doação assim tão repentina. Acho que o material desse caso ainda tem como render em um episódio futuro, seja culminando na morte do paciente ou não.

Será que o shipp já era??

Falando de casos que tem repercussões em momentos futuros, o que dizer sobre Claire. Já estava preparado pro grande momento que ela iria se abrir com Melendez… Todavia, deve permanecer a amizade no momento. Ele faz bem pra ela e é curioso ver essa relação. Não podemos colocar de lado um possível interesse futuro, mas, no momento, nos contentamos com uma amizade bonita.

Nem acredito que já estamos quase no final de temporada. O vídeo promocional do próximo episódio (abaixo) nos mostra como Shaun vai lidar com seu coração partido. Claro que o drama vai tomar conta e as coisas não serão tão simples como imaginamos…

Nos vemos na próxima review. Um abraço e até lá!!

Nota do Episódio8.5
Review do décimo sétimo episódio da terceira temporada de The Good Doctor, exibido nos EUA pelo canal ABC, intitulado "Fixation".
8.5
Lucas Franco

Lucas Franco

Mineiro, Escorpiano, 20 Anos, Estudante de Medicina. Direto do Arkham Asylum para o Mix. Eterno fã de Chuck, E.R. e Friends (RIP). Por entre as madrugadas vive a dualidade dos estudos e das séries. No Mix, escreve as reviews de Quantico, The Good Doctor e Legends of Tomorrow.

No comments

Add yours