Crítica: 6×08 de Chicago Med indicou volta de Natalie e Will

Crítica Chicago Med 6x08

Volta de casal em Chicago Med?

Ai ai, Chicago Med… Não cometa os mesmos erros, por favor! Em um episódio que trouxe um novo médico para agitar a trama, também tivemos um ensaio do retorno de Natalie e Will. E isso é algo que eu realmente não quero.

Continua após as recomendações

Risco pessoal

Neste oitavo episódio, a mãe de Natalie sofreu um colapso, decorrente de um problema no coração. Então, ela acabou indo para o Chicago Med, onde foi tratada pelo Dr. Marcel.

Mas lá, ela acabou gerando o maior climão, porque ela, obviamente, ainda tem um apreço por Will e pelo relacionamento que ele tinha com a filha. Só que ela não fazia ideia que Natalie e Marcel estavam juntos, e a coisa ficou bem constrangedora.

Continua após a publicidade

Will, claro, não deixou de estar presente para a ex-sogra, só que Marcel ficou visivelmente incomodado. E, quando Marcel indicou uma cirurgia para a mãe de Natalie, Will se contrapôs sobre o fato, indicando o estudo clínico que ele está participando.

Marcel cresceu para o lado de Will, mas ficou visível que eles ainda têm uma conexão – tanto por parte de Natalie quanto por parte de Will. Mas ambos estão empenhados em seguirem separados.

Não sei, mas para mim eles ainda vão voltar a ficar juntos. Eu só espero que se de fato isso acontecer em Chicago Med, que os roteiristas saibam trabalhar a relação deles, em vez de ficarem perdendo tempo com bobagens e brigas. Ao mesmo tempo, também gosto de Crockett, e acho que ele faz um bom par com Natalie. Quem será que fica melhor com ela, hein?

Novo médico

Além disso, neste episódio, tivemos a chegada do novo médico da emergência, o Dr. Dean Archer, interpretado pelo excelente ator Steve Weber.

Ele tem um passado com o Dr. Choi – foi seu superior no exército -, que agora será um subordinado. Só que ele já chegou notando problemas no hospital, e não teve medo de explanar para Ethan. Acredito que com a chegada dele, a cobrança de si mesmo para o Dr. Choi será ainda maior. Mas acho que essa dinâmica que o Dr. Archer trouxe foi ótima. Estávamos precisando desse frescor na série.

Imagem: Divulgação

Destinos decididos

Este episódio também serviu para traçar o futuro de alguns personagens. Maggie e Ben, por exemplo, acabaram perdendo Augie – o irmão biológico dele foi até Chicago e, com isso, a família que o adotou quis levar Augie para que eles crescessem juntos.

Como Maggie e Ben ainda não tinham oficializado a adoção, eles acharam melhor deixar o garoto ser levado – embora Maggie tenha lutado contra essa ideia. Uma pena, pois ela daria uma excelente mãe. Mas quem sabe eles se dediquem a cuidar de uma outra criança em breve?

Já o Dr. Charles quase perdeu a filha. Ela estava para se mudar para o Arizona, junto com a mãe, que conseguiu a guarda legalmente. Mas o médico criou uma conexão com a filha, e ele teve de lutar para mostrar isso para a ex. Era uma conexão recíproca, que a filha também sentia.

No fim, o Dr. Charles precisou jogar no ventilador o fato da garota ter engravidado e escondido da mãe, mas ao menos serviu para que ambas decidissem o melhor: ela vai ficar em Chicago com o Dr. Charles. Só espero que essa relação continue boa e Charles permaneça empenhado em cuidar da filha. Ela faz bem para o médico, e boas histórias podem sair daí…

No próximo episódio, veremos mais do Dr. Archer, colocando suas asinhas de fora. Será que ele vai criar confusão na emergência?

E você, o que achou deste episódio de Chicago Med? Deixe nos comentários e, igualmente, continue acompanhando as novidades do Mix de Séries.

Nota do Episódio8.5
Crítica do episódio 6x08 de Chicago Med, intitulado ""Fathers and Mothers, Daughters and Sons", exibido nos EUA pela NBC.
8.5