Crítica: 6×15 de Chicago Med foi bom, pois não tinha como piorar

Crítica Chicago Med 6x15

Há esperanças para Chicago Med?

Chegamos finalmente a um episódio melhorzinho de Chicago Med. Até porque, como disse no título, realmente não tinha como piorar.

Continua após publicidade

Como venho apontando nas reviews das últimas semanas, tem sido extremamente torturante acompanhar Chicago Med e sinto muito por isso. Uma vez que eu adorava a série e sou um grande fã da Franquia Chicago. Nesse episódio, tivemos mais uma vez a quebra da ética médica, mas ao menos algumas histórias interessantes surgiram.

Continua após a publicidade

Uma nova chance

De longe, o caso mais interessante do episódio foi o de Ramona com o Dr. Charles. A garota, que tinha mostrado ser obcecada pelo psiquiatra, após fazer o mesmo com outro médico, retornou ao hospital. De início, ela aparentava estar bem, mas ainda necessitava de atenção em um nível além do profissional.

Continua após publicidade

Mas o Dr. Charles, sendo um ser humano incrível que é, conseguiu criar uma conexão com Ramona que a fizesse se abrir. Então, ela relatou que foi abusada sexualmente pelo pai na infância, e por um longo tempo. O que justifica seu comportamento e a fixação pela figura paterna que o médico pode representar.

Ramona acabou se sentindo vulnerável ao se abrir, e ela pensou em suicídio, rendendo uma cena bem forte no episódio, com o Dr. Charles tentando convencê-la não fazer isso. Ainda bem, ele obteve sucesso!

Continua após publicidade

Ao final, Dr. Charles conseguiu passar a confiança que ela precisava sentir, e a ajudou com uma instalação que trata de pessoas que sofreram com esses traumas.

Ainda bem que Chicago Med tem o Dr. Charles para salvar a série, porque ele é um dos melhores personagens da Franquia Chicago, e tem carregado a série nas costas.

Continua após a publicidade
O MIX DE SÉRIES atingiu 10 milhões de visitas mensais e vamos ensinar tudo que aprendemos nessa caminhada! Aumente o tráfego do seu site com técnicas avançadas de SEO.
Faça seu pré-cadastro aqui!

Mais um dia que falta ética no Gaffney Chicago Medical Center

Eu ainda torço por um episódio em que não aconteça uma atitude antiética dos médicos de Chicago Med. Dessa vez, coube a April passar por cima de protocolos e até mesmo da vontade do médico.

Ao trabalhar com o Dr. Marcel, ela se deparou com um caso de infecção pulmonar, depois de um transplante de pulmão. Marcel acreditou que fosse um erro dele, uma vez que o paciente testou negativo para a c 0 v i d, e o doador também. Só que April não se convenceu disso e, mesmo com Marcel pedindo para coloca-lo direto no aparelho, em busca de um novo pulmão, ela foi fazer uma análise para a vírus. E, para isso, ela acabou falsificando a assinatura do Dr. Marcel. Não sei quem foi pior: April fazendo isso, ou a técnica vendo ela fazer isso e aceitando para fazer o procedimento.

Crítica Chicago Med 6x15
Imagem: Divulgação.

Francamente… O episódio até acabou fazendo valer a ação de April, uma vez que o teste voltou positivo, e Marcel pôde ajudá-lo corretamente. Mas, gente, quanta bagunça nesse hospital. Isso vai sempre me incomodar, não tem jeito.

A mãe de Natalie está bem ruim…

Enquanto isso, Natalie paga pelos seus atos, e a medicação que ela deu de forma errônea para a mãe acabou complicando uma hepatite C que ela tinha, assintomática.

Will tentou intervir e ajudar, mas ele acabou contando para Sabeena, que ficou possessa. E com razão, né? Mas, nessa sucessão de erros, o fato de Will levar a culpa pelo ato estupendo que Natalie cometeu é ilógico para mim.

Imagem: Divulgação.

No final, Natalie acabou desabafando com Marcel, que acabou ainda a acalentando. Tudo bem, era a mãe dela e é uma situação muito delicada. Acredito que faríamos qualquer tipo de loucura para salvar nossos pais. Mas pesa muito o fato dela ser médica neste hospital.

Com isso, o destino da mãe de Natalie, dela mesma e do próprio Will estão bem indefinidos.

Chicago Med ensaiou um sinal de melhora, mas agora é tarde demais: salvar essa temporada catastrófica, faltando um episódio para o fim, é meio que impossível.

E então, o que você achou do episódio? Deixe nos comentários e, igualmente, continue acompanhando as novidades do Mix de Séries.