Crítica: 9×10 de Chicago Fire mostrou que Casey pode ser babaca

Crítica Chicago Fire 9x10

Momentos de tensão no drama sobre bombeiros

Um episódio de fortes emoções em Chicago Fire. A nona temporada tem testado o emocional dos espectadores, e mais uma vez vimos Casey no centro da história. Mas, enquanto ele passa por um drama pessoal, que o leva à momentos intensos, também percebemos que ele pode ser babaca.

Continua após as recomendações

Dores de Casey ficam mais intensas: ele corre risco de morte?

Como mostramos na resenha do episódio passado, levantamos a hipótese de que Casey corre risco de morte. Ele bateu a cabeça durante um chamado e agravou uma lesão que já havia sofrido.

Só que Casey está receoso em contar para alguém sobre sua lesão, uma vez que o laudo anterior apontou que, se caso ele tivesse uma nova lesão, ele poderia ser forçado a se aposentar.

Continua após a publicidade

Mas as coisas estão intensas para o Capitão.

Neste episódio, por exemplo, as dores de Casey agravaram. E, em certo momento, ele até ficou comprometido no chamado. Mas quem notou isso foi Gallo, que ficou preocupado com o que viu.

Nessa parte, Casey mostrou que pode ser realmente um babaca. Isso porque, quando Gallo foi conversar com o seu Capitão, para saber se estava tudo bem, acabou levando um “chega para lá” de Matt. Aliás, Casey falou para Gallo fazer apenas seu trabalho e não ficar “tomando conta dele” durante um chamado.

Imagem: Divulgação.

Poxa, essa doeu!

Achei bem babaca a posição de Casey com Gallo, principalmente por ser um subordinado. Mas, depois, Gallo voltou a conversar com Casey e disse que é impossível ele fazer seu trabalho, sem que possa confiar no seu Capitão. E isso despertou a atenção do personagem.

Problemas de saúde

Acontece que Casey está realmente preocupado com sua condição. Ele sabe que pode ser algo grave, e isso implicará na sua carreira. Mas Gallo chamou a atenção para ele, porque caso não descubra ou encare a verdade, ele poderá colocar o batalhão todo em risco.

Espero que além de se redimir com Gallo, Casey encare a verdade. O final deu a entender que ele está criando coragem, uma vez que foi até o Dr. Halstead para conversar. Embora não tenha entregue que o problema é com ele, já foi um passo.

Só espero que, como eu disse na review passada, que a série não exclua Matt aposentando-o. Ou pior: o mate. Já pensou, Chicago Fire matando Matt Casey? Choro só de pensar!

Batalhão agitado

Além disso, neste episódio, tivemos um turno bem agitado. Brett, por exemplo, trabalhou com Violet, enquanto buscava alguém para ocupar a vaga de forma permanente. No entanto, ela não conseguiu encontrar alguém à altura. Mas Violet, na verdade, estava ali, e é bem eficiente. Até que Sylvie acabou fazendo o convite e, embora achou que paramédica não fosse aceitar, ela se prontificou na hora.

Brett, na verdade, ficou em dúvida sobre por que teve tantos parceiros, nos últimos anos, que acabaram sempre saindo. E Casey deixou claro para ela que Brett os inspirou a ser melhor, evoluir e alcançar voos. Então, ela está acertando na sua função de mentora. Acredito, assim, que a dinâmica de Brett e Violet poderá ser incrível. Vou torcer para isso.

Chicago Fire 9x10

Imagem: Divulgação.

Enquanto Stella encontrou sua inspiração para ser uma líder, também tivemos Mouch percorrendo seu sonho musical. E, entre uma piada e outra de Hermann com The Voice, a lição que ficou é que eles precisam se apoiar em todos os momentos.

Para completar, um chamado envolvendo sabão em pó inflamável agitou a busca de Severide e Casey para que chamados em lavanderias acabassem. Foi tudo muito intenso e entreteve do início ao fim.

O que vem por aí?

Aparentemente, Chicago Fire resolveu abandonar a história sobre o relacionamento de Casey e Brett – por ora. Mas estou realmente preocupado com o estado de saúde de Matt.

Mas, no próximo episódio, teremos destaque para a nova dupla, com Brett e Violet, em um caso que envolverá até a Chicago PD. Estou animado!

E então, você está gostando dessa temporada? Deixe nos comentários e, igualmente, continue acompanhando as novidades do Mix de Séries.

 

Nota do Episódio9
Crítica do décimo episódio da nona temporada de Chicago Fire, intitulado "One Crazy Shift". Casey foi um babaca? Revelamos com spoilers!
9