Crítica: Big Little Lies traz problemas para personagens no episódio 2×04

Episódio definiu rumos para Big Little Lies

Em mais uma semana, Big Little Lies nos agracia com atuações lindas e problemas chegando. Como já disse, a vida dessas mulheres se entrelaça cada vez mais.

Preciso dizer que gosto muito da interação entre elas, Bonnie e Jane, Renata e Madeleine, Celeste e Jane. Todas elas se encaixam melhor quando interagem juntas, não só em reuniões na escola.

Em “She Knows“, Mary Louise mostrou a que veio na série. Nossa vilã icônica agora assumiu quem realmente é, tanto para Celeste como para Jane. O tapa que ela levou de Celeste foi merecidíssmo. O modo como ela vem tratando a nora é claramente abusivo, mostrando de onde foi que Perry veio.

Entretanto, Jane também está sendo encurralada por ela. O confronto das duas no apartamento foi bom, mas Jane titubeou ao declarar seu apoio pela Celeste. O relacionamento dela com Corey é leve e isso é muito bom. O fato de ela ter se aberto durante a festa talvez demonstre um progresso da personagem. O que é imprescindível!

A Jane do começo de Big Little Lies não tem mais espaço na história atual

Sem dúvidas, Renata continua brilhando. Laura Dern dá um show na personagem, e a audiência de falência foi ótima. A reação dela ao ter que entregar sua aliança, ver tudo aquilo que era seu porto seguro se dissolver… A última festa de Amabella foi notória, que era sua intenção. Renata perdeu tudo e quis comemorar o aniversário da filha adiantado, pois não sabia se teria condições de comemorar depois. Uma pena que quem chamou a atenção mesmo foi a mãe de Bonnie.

Bonnie já não está em uma maré boa, ainda viu sua mãe sofrendo um AVC. Estou atenta com a visão dela, ela viu a filha se afogando? Se suicidando? Ou morta por outra pessoa? Engraçado que ela teve o AVC ao tocar na Renata. Será que ela tem algo a ver com isso? Só sei que Bonnie está no seu limite e desconfiando que Mary Louise saiba do que aconteceu realmente.

Contudo, Madeline está enfrentando sua própria batalha. Gostei dela confrontando Ed e dando um ultimato. É um momento delicado para ambos, mas acredito que irão se resolver. Além disso, Maddie ficou sentida pelas outras a culparem por terem mentido para a polícia.

A razão da mentira é compreensível, mas a verdade, ainda mais nesse caso, era a melhor opção

Imagem: HBO/Reprodução

Quem também tocou nossos corações foi Celeste. Ela está se afundando cada vez mais e agora corre o risco de perder os filhos. A instabilidade da personagem é nítida. O que foi aquele cara surgindo do nada? Sinceramente, achei forçado! Qualquer um, em plena consciência, teria tido a decência de esperar as crianças saírem. Mas foi o fim ele aparecendo sem camisa, pelo amor.

Celeste estava completamente fora de si e ficou mais ainda com a afronta de Mary Louise. Preciso dizer que é mais que necessário que a Celeste tome as rédeas da situação, afinal, confiou demais na pessoa errada. O pior é que a chance dela perder a guarda das crianças é grande, se levarmos em consideração tudo que tem ocorrido.

Nota: Renata e Gordon voltando de Uber foi sem palavras.

Nota 2: Chloe chamando a mãe de instável é 100% real.

Nota 3: Bonnie não sabe mesmo ser criminosa, gente. Ela surtou vendo a detetive no hospital.

Nota 4: Ed e Nathan, eu não aguento mais!

As histórias continuam se desenvolvendo, mas às vezes parece que em sentidos diferentes. O que está ficando nítido é que as relações estão se estreitando, uma desconfiança, um desacordo, parecem criar forças…

O episódio foi muito bom, mas podia ser melhor, sem dúvidas. No meu ponto de vista, a série tem um elenco fortíssimo, mas que não está sendo aproveitado 100% pelo roteiro. E vocês, o que estão achando? Dá pra concorrer com a primeira temporada?

Confiram a promo do próximo episódio e nos vemos em breve. Espero que com outro tapa daqueles na Mary Louise, até lá!

Nota do Episódio9
Review do quarto episódio da segunda temporada de Big Little Lies, da HBO, intitulado "She Knows".
9

Share this post

Gabriela Scampini

Paulista, estudante de Direito e geminiana. Apaixonada por livros e séries, mesmo sem ter tempo pra nenhum dos dois. No Mix, escreve a coluna #MixAudiência, além das reviews de American Crime Story, Black Mirror, Chicago Fire e The 100.