Crítica: Desfecho incrível marca o grande retorno The Good Doctor em 2019

Imagem: ABC/Divulgação

Procure um episódio com ensinamentos melhor do que este e falhe miseravelmente. Que aula meus amigos!! De paciência, de humildade, de olhar para o outro em sofrimento e se ver nele. Esta dupla de episódios dez e onze nos trouxeram grandes surpresas. Dra Lim, uma das maiores preocupações de dezembro, sobreviveu. Durante todo o processo de urgência que fomos apresentados, momentos de tensão vieram a tona. Pelo menos, quase tudo terminou bem…

The Good Doctor sabe muito bem destruir sentimentos!!!

Digo quase tudo porque Glassman está passando por uma barra. Embora não concorde em nada com a decisão de deixar Shaun fora do seu real diagnóstico, pois a recidiva de um tumor não é uma coisa simples, entendo que o protagonista não consegue lidar com muita pressão de uma vez e a notícia poderia abalar seu psicológico. Entretanto, ele merecia muito saber a verdade e acho que Lea não conseguirá esconder isso dele muito tempo.

Nossos residentes surpreenderam positivamente pela serenidade que conduziram aquela loucura. Shaun em seu primeiro parto e ainda trabalhando com um protocolo de reanimação neonatal foi uma aula excelente. Pra quem é da área foi incrível rever os passos e associar ensinamentos. A pressão no caso de Park foi ainda maior, pois teve que fazer o procedimento tão as pressas que acabou gerando complicações fatais. Foi curioso ver a chegada da sua ex-mulher no final e o apoio que ela deu. Achei bem interessante essa adesão de um plot ao personagem, uma vez que ele ainda estava meio apagado.

Continua após a publicidade

Imagem: ABC/Divulgação

Às vezes quem a gente menos espera…

Mas quem surpreendeu mesmo foi Reznick. A residente mau caráter se mostrou uma pessoa muito humana e competente. Como comentei na última review, me lembrou até o clássico quadro de Izzy e Danny em Grey’s Anatomy. Ela teve que ter pulso firme para encarar a morte de seu paciente admirador e ainda cuidar de Lim. Seu raciocínio impressionante do uso de ECMO foi crucial para manter a estabilização da preceptora.

Agora, se você quer ver emoção, aguarde o próximo episódio. The Good Doctor sabendo encaixar bem seus plots. Depois do surto, eles tem que encarar as consequências das medidas desesperadas. Como toda boa promo, ficamos curiosos sobre o que vem a seguir. Logo abaixo vocês podem conferir um pouco mais e aguardo vocês aqui na próxima semana. Até lá…

Lucas Franco

Lucas Franco

Mineiro, Escorpiano, 20 Anos, Estudante de Medicina. Direto do Arkham Asylum para o Mix. Eterno fã de Chuck, E.R. e Friends (RIP). Por entre as madrugadas vive a dualidade dos estudos e das séries. No Mix, escreve as reviews de Quantico, The Good Doctor e Legends of Tomorrow.

No comments

Add yours