Crítica: Episódio 2×07 de Star Trek Discovery marcou a primeira aparição do Spock adulto

Imagem: CBS/Divulgação

Depois de muita espera, Star Trek Discovery apresentou a versão adulta de Spock em um episódio eletrizante

Ainda que a versão criança do personagem tenha aparecido na temporada, o Spock adulto finalmente deu as caras em Star Trek Discovery. Desde o início da segunda temporada, a série vem preparando terreno para esse momento.

Embora o personagem pareça estar quase perdido internamente, Michael mostrou conhecer bem o irmão. Mais até do que a própria mãe. Enquanto Amanda queria apenas proteger o filho, Michael queria, ao mesmo tempo, salvá-lo e desvendar o grande mistério.

Fendas Temporais

Nesse episódio, Discovery abordou o conceito de fendas temporais. E, por mais, que o tema não seja inovador no gênero de ficção científica, nem sempre é fácil de ser abordado com qualidade. E a série conseguiu.

Todo o plot envolvendo a missão de Pike e Tyler nas fendas foi eletrizante. A ideia de estar viajando, quase que sem controle, pelo tempo é incrível. Além disso, vale ressaltar a dinâmica dessa dupla inesperada.

Tyler é um personagem que ainda busca sua recolocação na série. Desde a guerra, o ex-membro da Discovery luta pra entender sua dualidade interna. Ao colocarem ele junto com Pike pareceu estranho de início. Só ao final do episódio que parece que a dupla finalmente funcionou.

Ainda compartilho da opinião de que o personagem poderia ter seu destino selado no final da guerra. Ou, ao menos, ter ficado com os Klingons. Acredito que a continuidade do personagem se dê mais pela chance de retomar o par romântico com Michael do que por outra coisa.

Talos IV

No final do episódio, Michael descobre que a sequência numérica repetida por Spock era a coordenada ao contrário para o planeta Talos IV.

Embora o planeta só tenha aparecido em 3 episódios da série original, sua aparição em Discovery é muito importante. O planeta foi o cenário do primeiro episódio piloto da série dos anos 60, o famoso “The Cage”.

No episódio, que foi descartado, a USS Enterprise parte para o planeta Talos IV depois de receber um pedido de ajuda. Lá eles são apresentados aos Talosianos, que usam o sinal de corro para atrair os tripulantes da Enterprise.

Ainda não se sabe como o planeta será abordado em Discovery. Mas assim como a participação de Pike e a aparição da Número Um, essa temporada é um deleite aos fãs mais fervorosos da série.

Continue acompanhando as reviews e notícias da série aqui no Mix de Séries.

Share this post

Matheus Ronconi

Paulista, nerd, viciado em séries e fã do Rei Leão e do Homem-Aranha. No Mix escrevo sobre The Big Bang Theory e Star Trek: Discovery.