Crítica: Episódio 6×06 de The 100 foi repleto de mistérios e incertezas

Após cinco episódios de pura tensão e adrenalina, o episódio “Memento Mori” de The 100 trouxe uma certa calmaria. Tudo isso, para compreendermos e assimilarmos o que vem sendo esta sexta temporada.

Uma escolha pela imortalidade

Imagem: CW/Divulgação

Logo nos primeiros minutos do episódio, já é possível responder ao questionamento que fiz na review anterior. Seria Murphy capaz de trair seus amigos pela ideia da imortalidade? Sim, meus amigos, vemos que ele está ainda mais adepto a ideia de seguir Josephine em sua empreitada de transformar todos em sangue da noite.

Apenas um comentário sobre Murphy, nunca mudará! Desde o começo da série, ele esteve distante. Sem um vínculo afetivo completo com nenhum personagem, nem mesmo Emori. Isso porque o relacionamento dos dois vive de inconstâncias e desacertos. Certamente, veremos mais disto em breve, basta ela descobrir de que lado ele está.

Novas alianças e mistérios

Outra questão que havia sido deixada em aberto era a de Octavia, que se escondera da tempestade no final do episódio passado. E, de baixo da terra, retornou com a ajuda de Diyoza. Porém, uma anomalia instalou-se nela. Segundo Xavier, esta anomalia tem uma mensagem a ser passada, porém nada foi explicado a fundo. Ainda.

Nem mesmo houve avanço na caçada de Diyoza por Gabriel. Ela apenas preocupou-se em ajudar Octavia e, com isso, tivemos uma maior aproximação das duas com Xavier. Seria uma excelente ideia as exiladas juntarem-se ao outro lado, que até então torço para que sejam menos piores que os Primes.

No meio às andanças de Octavia e Diyoza pela floresta, conseguimos perceber o quão peculiar é esta floresta. Com seiva de árvores milagrosas, tempestades impiedosas e muito mais… De fato, esta lua é bem diferente do que estamos acostumados na Terra.

Descobertas

Raven, por sua vez, descobriu que seu mais novo amigo Ryker é um Prime. E, enquanto tentava extrair todo o possível sobre as proteções de Sanctum, expôs sua insatisfação sobre as práticas usadas ali. Quando soube que o corpo usado por Ryker era o oitavo e que o jovem moço ali não passa de um idoso de 206 anos, ela extrapolou suas emoções. Portanto, deixou claro que o que os Primes chamam de milagre, imortalidade e sacrifício em prol de um bem maior é conhecido por outro nome de onde viemos. Sim, assassinato.

Seria uma excelente ideia vermos um Prime arrependido, ou pelo menos pensando de outro modo sobre suas práticas depois de obter uma opinião de fora? Pois cá entre nós, 206 anos é tempo, ?

Aproveitando que expus minha decepção com Murphy como personagem, preciso admitir que esperava mais de Abby e/ou Maddie no quesito Clarke. houve diversas interações das personagens desde que Jo ocupou o corpo de Clarke. Mas nada foi descoberto pelas mais próximas a ela. Dessa forma, os sinais foram totalmente ignorados e tudo ficou sem importância. Acreditei que neste episódio iríamos ver como nossa protagonista é única e não pode ser imitada. Pelo menos não por aquelas que a amam e a conhecem tão bem. Mas não foi bem assim…

“Lembre-se de que você vai morrer”

Quando Bellamy revela o que houve com Clarke, vemos o luto nos olhos dos personagens e isso me parte o coração. Dessa forma, por alguns minutos, fiquei incrédula pensando que não haveria mais jeito de Clarke retornar. Porém, nos últimos minutos, vemos ela através do sono de Josephine. E uma fagulha de esperança reascendeu.

Será possível que Clarke vença a batalha para ter seu corpo de volta? Acredito que não há como obter ajuda desta vez e tudo dependerá apenas dela. Além disso, se ela retornar, seria o fim da ideia da imortalidade dos Prime?

Imagem: CW/Divulgação

Maddie, por sua vez, não aceita bem a morte da mãe, deixando transparecer sua ira quando pede ajuda a Sheiheda para destruir Sanctum e matar todos. Começaremos uma nova guerra no novo lar?

Um episódio dramático que serviu de ponte para muitas questões, porém deixou ainda mais incertezas. Basta agora esperarmos para ver o que vem por aí!

Siga ligado no Mix de Séries que semana que vem tem mais The 100!

 

Nota do Episódio8.5
Crítica do episódio 6x06 de The 100, Memento Mori.
8.5
Tags The 100

Share this post