Crítica: Episódio final de Criminal Minds teve fortes emoções

Critica Criminal Minds Final
Imagem: CBS Divulgação

Chegou a hora: é o fim de Criminal Minds

Criminal Minds se despediu após 15 temporadas, e a série encerrou os trabalhos com um episódio duplo recheado de nostalgia. Com um elenco que teve mudanças ao longo dos anos e histórias cheias de suspense, seria difícil não recordar das temporadas anteriores nas horas finais.

Continua após publicidade

Mas antes da inevitável despedida de David Rossi, Emily Prentiss, Tara Lewis, JJ, Spencer Reid, Matthew Simmons, Luke Alvez e Penelope Garcia, muita coisa aconteceu.

Continua após a publicidade

Como foi o final da série? Descubra abaixo!

Continua após publicidade

O começo do fim

Em Face Off, seguimos os rastros de Everett Lynch. Enquanto repensava sobre sua vida, Rossi teve uma conversa em flashback com Gideon – quando jovem – fazendo referência à época em que trabalhavam juntos. A essa altura a equipe pensou na possibilidade de Lynch esteja à procura de seu pai. Com isso em mente, Garcia consegue rastreá-lo e não surpreende quanto ao fato de estar com novas vítimas.

Entretanto, a mãe de Lynch estava em liberdade condicional e chegou até o pai de seu filho antes dele, mas suas atitudes indicaram que ela planejava algo maior. Lynch chegou a fazer contato com Rossi, que insistiu em ir a seu encontro na tentativa de fazê-lo se render. Mas como Lynch tinha uma carta na manga, conseguiu despistar Rossi e seguir com seu plano.

Continua após publicidade

Lynch se reencontrou com sua mãe, mas a equipe da SWAT acabou cercando o local. Reid sinalizou para que a equipe entrasse no local, quando ocorre uma explosão.

Com uma baixa de seis agentes após o ocorrido, Prentiss perdeu a chance de ser promovida como consequência. Na volta para casa, a equipe ficou visivelmente abatida com o resultado, mas seguiu acreditando que Lynch está morto.

Continua após a publicidade
O MIX DE SÉRIES atingiu 10 milhões de visitas mensais e vamos ensinar tudo que aprendemos nessa caminhada! Aumente o tráfego do seu site com técnicas avançadas de SEO.
Faça seu pré-cadastro aqui!

Reid chegou em sua casa e ainda não acreditou na morte Lynch, mas  percebeu que existia a possibilidade do mesmo ter escapado. Antes que algo pudesse ser feito, o agente desmaia deixando o desfecho para o último episódio.

Encerrando a trajetória de Criminal Minds

Em And In The End acompanhamos a manhã seguinte. Enquanto Reid continua desmaiado, a equipe vai trabalhar e Rossi manifesta em se aposentar. A equipe estava reunida para o trabalho, no momento em que Garcia concluiu que Lynch não estava entre as vítima após ter sido feita perícia no local.

Rossi ficou receoso com a notícia temendo que as famílias dos membros das equipe pudessem estar na mira de Lynch, sendo oferecida proteção policial. Após as novidades, JJ e Garcia vão até o apartamento de Reid, pois estavam estranhando o sumiço do agente. Ao encontrarem Reid desmaiado, rapidamente tomam as providências para que ele seja levado ao hospital.

Em seu inconsciente, Reid faz uma viagem ao seu passado, onde caminha por uma jornada pelos anos de trabalho no BAU. Nessa viagem vemos flashbacks das temporadas passadas, personagens antigos como Hotchner, Morgan, Gideon e Strauss. Reid reencontra seu primeiro amor, Maeve Donovan, que de certa forma o faz querer seguir em frente e despertar. E Reid finalmente acorda.

Com as boas notícias sobre Reid, a equipe focou novamente em Lynch, que conseguiu entrar na casa de Rossi fingindo ser um agente. Com Krystall em perigo, Rossi e a equipe pensaram em um plano.

Chegando à uma pista de pouso, Rossi fez um apelo para que Lynch o leve no lugar de Krystall. Ele entra no jato com Lynch mas consegue escapar. É quando Lynch abre fogo contra a equipe que dispara no jato e, quando o tanque de combustível está vazando, JJ o acende e tudo explode. É o fim do vilão (ainda bem, não?).

O desfecho

Um mês após, a equipe se reuniu na casa dos Rossi para se despedir de Garcia, que deixará a equipe para seu novo emprego numa instituição sem fins lucrativos. Rossi voltou atrás em se aposentar, e agora que Garcia não faz mais parte da equipe, Luke aproveitou para convidá-la para jantar. Um momento bem fofo no fim.

O saldo que faço, após esses 15 anos é de que a série estava na hora de acabar. Os casos estavam ficando repetitivos, mas eu sentirei falta. Criminal Minds fez parte da minha vida, fez parte da época em que comecei a gostar desse tipo de série, e sentirei falta das maratonas em tardes chuvosas e da curiosidade de ver um episódio novo. Sabemos agora como a história termina, mas esses personagens continuam fazendo seu trabalho no BAU, com algumas mudanças mas continuam. Pelo menos em nossas mentes.

Do que você vai sentir mais falta na série? Foi o final que você esperava? Deixe nos comentários. Também comente sobre que série começará a acompanhar agora, e quais gostaria de ver resenhas aqui no nosso site.

Obrigada por acompanhar nossas resenhas de Criminal Minds aqui no Mix de Séries e até qualquer hora!