Crítica: 17×17 de Grey’s Anatomy foi um final com esperança

Grey's Anatomy peca em sua season finale

Crítica Greys Anatomy 17x17

Confusa, a season finale de Grey’s Anatomy não tinha cara de season finale, mas sim de um episódio qualquer. Com muitas histórias se misturando, o episódio parece que foi feito às pressas. Muitas questões ficaram mal resolvidas enquanto que, outras, parecem ter sido um final satisfatório para alguns personagens. A verdade é que esta season finale de Grey’s Anatomy poderia ter sido melhor escrita.

Continua após publicidade

Tive a leve impressão que os roteiristas estavam totalmente perdidos e sem rumo. Por mais que tenha sido gratificante e emocionante ver nossos amados médicos recebendo a primeira dose da vacina da C 0 V I D sabemos muito bem que a pandemia não acabou.

Continua após a publicidade

Está certo que a vacinação já é um passo para a cura, porém, tive a sensação que os roteiristas quiseram deixar claro que o vírus fora vencido, o que, de fato, ainda não aconteceu. Além disso, a história do episódio ser contada por meses me soou um pouco confusa e apressada. Eu realmente estava ansiando por ver Meredith Grey como a nova Richard Webber e acabei um pouco decepcionada.

Continua após publicidade

Reviravoltas

Embora o episódio tenha sido um pouco confuso, algumas coisas conseguiram se encerrar de forma épica. Uma delas foi o relacionamento entre Teddy e Owen. Depois de uma enorme montanha russa de idas e vindas, Owen aproveitou o natal para pedir sua melhor amiga em casamento. O pedido foi bonito e trouxe esperanças para o casal, porém, não dá para negar que isso acabou ofuscando o momento de Link.

Não sei se foi o fato da Teddy ter contraído C 0 V I D ou se Owen acordou para a vida, o que eu sei é que os roteiristas deram um jeito de consertar as burradas que fizeram com os dois na temporada passada. Se eles viverão felizes para sempre, isso só os próximos capítulos de Grey’s Anatomy responderão.

Continua após publicidade

E eles não foram os únicos que tiveram sua segunda chance. Jo finalmente conseguiu a guarda da pequena Luna. Ela lutou por ela e foi capaz de vender sua parte no hospital só para dar um lar para a pequena garota. Entretanto, a grande reviravolta do episódio foi Jo pedir para Link ser o pai adotivo de Luna. Isso não só mexeu ainda mais com o relacionamento dele com Amelia, como trará grandes consequências para todos eles.

Assuntos inacabáveis

Enquanto Jo lutava pela guarda de Luna, Maggie teve que aguardar até abril deste ano para dizer sim para Winston. Tudo porque a família deles disseram que os dois mereceriam um casamento perfeito e com muitos convidados. E eu preciso confessar que ri com a cara dos noivos quando a avó do Winston e o pai adotivo de Maggie interromperam o primeiro casamento.

Cena da season finale de Greys Anatomy
Imagem: ABC/Divulgação

Além disso, eu até gostei de deixarem esse mistério no ar de quando eles iriam, em fim, subir ao altar. Porém, o plot ficou perdido no episódio e em nenhum momento os roteiristas tocaram no assunto até o dia D.

Se não bastasse tudo isso, ainda tivemos o desprazer de ver a rejeição de Amelia com o lindo pedido de casamento de Link. Eu já imaginava que viria um tsunami para os dois, só não esperava que fosse acontecer desta maneira. Amelia você perdeu a grande chance de ser feliz e isso eu não consigo aceitar.

Meredith Grey continua sendo o sol de Grey’s Anatomy

Se existe algo concreto nesse episódio de Grey’s Anatomy é que Meredith Grey é única. A sua insistência em salvar a enfermeira trouxe momentos inesquecíveis nessa season finale. Mer é brilhante e a sua força contagia a todos. Não é atoa que mereceu os aplausos nesse episódio. Além de salvar a enfermeira, nossa amada médica brilhou nessa temporada.

E digo mais: é graças a sua teimosia e insistência em salvar vidas que Meredith Grey continua sendo o sol do seriado. Por mais que a cirurgia tenha sido arriscada, não havia outra médica que pudesse fazer o impossível. Só eu vibrei com a conquista dela?

Aconteça o que acontecer, Grey’s Anatomy não é Grey’s Anatomy sem Meredith Grey. Durante essas dezessete temporadas, perdemos personagens queridos e nos despedimos de tantos médicos, entretanto, uma coisa é certa: Meredith é a essência do seriado. Diante disso, não dá para negar que os roteiristas poderiam ter escrito uma season finale melhor e com cara mesmo de uma season finale. Em suma, se algo funcionou nesse último episódio da temporada, foi a merecido destaque para Meredith Grey.

E vocês, o que acharam do episódio? Deixe nos comentários e, igualmente, continue acompanhando as novidades do Mix de Séries.

Quem eu sou? Eu sou uma em um milhão: escritora nas horas vagas, seriadora de coração, cinemática de plantão e amante da literatura. Divertida, alto astral e bastante bem humorada. Só não achei ainda minha outra pessoa. Ah, música faz parte da minha vida.