Crítica: Meredith Grey toma uma grande decisão no 15×22 de Grey’s Anatomy

Imagem: IMDB

Episódio de Grey’s Anatomy é marcado por decisão de Meredith

O circo está se fechando e a nossa amada protagonista Meredith Grey se viu em maus lençóis quando sua filha mais velha pegou DeLucca fugindo no meio da madrugada. Tudo isso resultou em situações divertidíssimas e numa conversa fofa regada a muitos sorvetes e crianças curiosas.

Continua após publicidade

DeLucca está merecendo o papel de novo namorado da Me. Desde que ele apareceu em Grey’s Anatomy, o personagem foi evoluindo bastante. A prova disso tudo veio nessa temporada. Depois de perder muito espaço em cena para figurantes, DeLucca conseguiu retomar as rédeas e vem conquistando o público.

Continua após a publicidade

A cena dele no parto foi linda e já ascendeu uma faísca aqui para que ele e Mer tenham seu próprio filho. Isso poderia ser interessante e mostraria que a nossa amada protagonista, enfim, seguiu em frente. É claro que nada disso tirará o espaço que Derek Sherpherd tem na vida de Meredith Grey, mas já é um começo para que o seriado possa se encerrar com chave de ouro.

Continua após publicidade

Não é só Owen Hunt que precisa de terapia!

Um plot totalmente avulso foi o do Owen fazendo terapia. Sério, para quê isso? Ele pode ter perdido Amelia, que está cada vez mais ligada com Link, mas tem o Leo e, em breve, será papai. A vida dele virou essa montanha russa porque ele não soube administrá-la bem. Ok, sabemos que Owen Hunt vem tomando péssimas decisões desde que Cristina Yang saiu de Grey’s Anatomy.

Mesmo assim, as cenas dele fazendo terapia foram totalmente desnecessárias. O fato dele não saber o que quer da vida também vem me irritando e muito. Agora, o que foi a gota d’água foi ver Amelia pedindo para Peter sair fora e deixar Teddy livre para o Owen. Pelo amor de Deus! Se existe alguém que tem que cair fora, esse alguém é Owen Hunt. Eita personagem sonífero!

Continua após publicidade

E eu nem vou entrar na questão de que Jo anda enchendo a minha paciência. Uma coisa é ficar magoada com rejeição da mãe e saber que é fruto de uma violência doméstica. Outra é fazer todo esse drama porque não soube lidar com a verdade. Até Karev está se enchendo o saco e toda essa história dela trabalhar bêbada é muito ultrapassada! Jo Wilson Karev está precisando ouvir algumas verdades.

Novos rumos

Em plena reta final, pudemos perceber que nem sempre as coisas terminam como gostaríamos que terminassem. O erro que Nico fez foi gravíssimo e poderá resultar na sua expulsão do hospital. Justamente agora que estávamos in love com o (quase) casal Glasses Nico, os roteiristas aprontam uma dessas! Eu quase infartei com a maneira que ele tratou o Glasses. Poderíamos ter passado sem essa!

Se não bastasse tudo isso, vimos um Jackson agindo impulsivamente ao pedir para Pierce morar com ele. O casalzinho mais sem sal de Grey’s Anatomy está prestes a passar para o próximo passo no relacionamento e eu aqui só de boa tentando entender o porquê dos roteiristas insistirem tanto neles.

Em plena reta final, Grey’s Anatomy tentou fazer um episódio memorável, mas acabou errando feio. Tirando as cenas MerLucca e os dois casos médicos, esse episódio poderia muito bem ter sido excluído da temporada.

Com apenas três episódios para a season finale, ainda não sabemos o que acontecerá com os médicos do hospital mais amaldiçoado da TV. Uma coisa é certa: se continuar nesse ritmo, teremos sérios problemas com o andar da carruagem.