Crítica: O foco continua nos relacionamentos nesse 12×05 de The Big Bang Theory

Imagem: CBS/Divulgação

Ainda sem empolgar muito, o quinto episódio da última temporada de The Big Bang Theory focou na amizade entre Howard e Raj, que anda conturbada ultimamente.

Uma amizade de volta

A amizade entre Raj e Howard tem sido um dos pontos fortes da série ao longo dos anos, sobretudo pela forma divertida como um interage com o outro. Mas tal amizade tem sido desgastada nos últimos anos.

Com a família de Howard crescendo e a aproximação de Stuart parece que Raj foi perdendo espaço. Além disso, os momentos divertidos juntos já não são tão mais comuns como antes.

Continua após a publicidade

E, para piorar, se não bastasse a diminuição dos momentos divertidos, aumentaram os momentos de tensão entre os dois. O motivo principal dos desentendimentos sempre foi um só: ciúmes. Tudo ficou mais intenso quando Bernadette engravidou e Raj, muitas vezes, ocupava o lugar de Howard no dia a dia da personagem. O ex-astronauta não gostava, claro. Afinal, o pai era ele e não seu amigo. Mas, é inegável que Raj sempre se mostrou um “pai” mais presente e dedicado do que Howard.

Por sua vez, Raj sempre demonstra medo de que seu amigo o ofusque de alguma forma. Não é de hoje que o astrofísico sofre com uma tremenda insegurança. Vale lembrar que no começo da série ele não conseguia sequer falar com uma mulher. E essa insegurança afeta sua relação com seu melhor amigo.

Como resposta a esse desgastamento de relação, o episódio mostrou uma reaproximação dos personagens. A cena final com os dois se abraçando nos faz voltar ao início da série e aos grandes momentos dessa amizade que já nos rendeu grandes momentos e boas risadas.

Sheldon e Amy com dificuldades

Do outro lado do episódio, temos Sheldon e Amy ainda tentando lidar com a ideia de trabalhar em conjunto.

Sheldon, mais uma vez, mostrou um dos seus piores lados. Tomar a decisão de pedir o afastamento de Amy do projeto dela foi extremamente egoísta. Apesar do personagem estar evoluindo socialmente, ele ainda tem um caminho imenso pela frente nesse quesito.

Ainda assim, essa parte do episódio nos rendeu momentos divertidos. As conversas entre Sheldon e outros membros da universidade sempre rendem momentos memoráveis, e a conversa com o reitor não foi diferente. Não deve ser nada fácil ser chefe de Sheldon.

Outro momento legal do episódio foi o sempre divertido sonho de Sheldon com o professor Proton. Sempre que o personagem aparece para aconselhar o nosso cientista, é certeza de risada. Além disso, não dormir com raiva é um ensinamento para todos nós. Obrigado, professor.

Por fim, acredito que Sheldon tenha aprendido sua lição. E espero que respeite mais a liberdade e as decisões de Amy.

Continue acompanhando as reviews e notícias de The Big Bang Theory aqui no Mix de Séries. Abaixo a promo do próximo episódio.

Avatar

Matheus Ronconi

Paulista, nerd, viciado em séries e fã do Rei Leão e do Homem-Aranha. No Mix escrevo sobre The Big Bang Theory e Star Trek: Discovery.

No comments

Add yours