Crítica: Superman & Lois tem estreia nostálgica e emocionante

Crítica Superman & Lois

Superman & Lois é a mais nova aposta da The CW

Depois de muita espera, Superman & Lois enfim está entre nós. A série estreou recentemente na emissora americana The CW, e tem a grande missão de dar continuidade ao legado de sucesso do Arrowverse.

Continua após as recomendações

A história mostra uma versão nunca vista do homem de aço e de sua amada, Lois Lane. Diferente de outras adaptações dele, tanto na TV quanto no cinema, essa nos apresenta uma versão mais família. Agora Clark está casado com a mulher da sua vida, no entanto pai de dois adolescentes gêmeos.

Quem acompanha as demais séries do Arrowverse, sabe perfeitamente que no último crossover, da Crise das Infinita Terras, os acontecimentos finais alteraram muitas coisas. Uma delas interferiu justamente na vida do casal, que antes disso descobriram que teriam um filho, mas depois veio esse plot twist.

Continua após a publicidade

A vida de Lois e Clark

Os minutos iniciais nos leva a uma nostalgia única, quando mostra o começo da trajetória de Clark, tais como sua chega à Terra, a morte do pai adotivo e sua entrada ao Planeta Diário. Na minha opinião, essa abordagem foi bem objetiva, sem firulas. Acho que se eles fizessem muitos detalhes sobre uma história que já estamos carecas de saber, talvez já afastaria muita gente nos minutos iniciais.

Depois do rápido recap, somos então apresentados a Jonathan e Jordan, os gêmeos adolescentes, que são totalmente opostos em tudo. O primeiro citado é o típico garoto popular, artilheiro do time de futebol americano. Em contrapartida, o outro garoto é mais retraído, com problemas de socializar e tem que tomar remédios.

Achei essa abordagem de Jordan bem interessante e necessária em tempos como esse. A saúde mental é algo valioso, e os roteiristas acertaram com isso. Ponto!

Lois e Clark continuam trabalhando no Planeta Diário, mas agora precisam conciliar a profissão com a criação dos garotos. Isso foi outra coisa que curti como foi abordada, pois mostrou que a vida deles tem suas adversidades, mesmo tratando-se do casal mais simbólico do Universo DC.

O último adeus e o início de um ciclo

Um dos pontos altos desse episódio foi, com certeza, a morte de Martha Kent. Eu já estava todo choroso quando mostrou a morte de Jonathan, a revelação de Clark à Lois, o pedido de casamento e tudo mais. Não estava preparado para essa despedida, entretanto, de uma forma racional, essa perda se fez necessária.

No funeral, nos deparamos com a família Kent indo rumo a Smallville. Como amo toda vez que as histórias de Superman acabam nos levando ao início de tudo! Novamente, a nostalgia rolou forte, primeiramente, com a fazenda, que sim, é a mesma da saudosa série estrelada por Tom Welling. Outro ponto foi a aparição de Lana Lang, agora casada e mãe de duas filhas. Eu gostei da interação de Clark com seu primeiro amor, assim como a maturidade de Lois com isso.

A filha mais velha da personagem, Sarah, foi quem acabou se sobressaindo mais. A garota, que já conhecia os gêmeos de um verão que passaram com a avó, agora mostrou-se mais conectada a Jordan. Entretanto, um incidente no celeiro da família Kent deu início a um ciclo interessante.

Clark chegou para salvar os filhos e, no que aparentava ser um acidente fatal, fez com que ambos saíssem ilesos. É claro que desde o começo algo já me dizia que um deles teria herdado os superpoderes do pai. Com esse acontecimento, atrelado à morte de Martha, Clark se viu na condição de contar ou não a verdade sobre seus poderes a eles.

Logo depois do incidente, ambos descobrem a nave que trouxe o pai à Terra. Até a nave eles aproveitaram de Smallville, e eu pirei loucamente quando ela apareceu em cena. Com isso, não tinha mais como esconder a verdade.

Imagem: The CW/Divulgação

A verdade sobre os poderes de Clark e de um dos gêmeos

É claro que tanto Jonathan quanto Jordan reagiriam mal com a revelação do pai deles, isso é um clichê bem previsível. Não sei vocês, mas tal reações me chocou a nível zero, francamente.

O filho mais problemático do nosso homem de aço foi o que reagiu mais negativamente com a revelação, e logo procurou consolo nos braços de Sarah. Esse envolvimento dos dois muito me lembrou daquele vai e vem inicial de Clark e Lana em Smallville, pois assim como aconteceu na outra adaptação televisiva do Superman, a garota desejada também namora. Porém, diferente do pai, Jordan foi mais ousado e conseguiu roubar o beijo da amada já no primeiro episódio.

Por não saber que Sarah namorava, Jordan se meteu numa grande enrascada com o namorado da garota. Quando Jonathan entrou em cena para defender o irmão, logo me bateu a dúvida se realmente era ele quem possuía os poderes do pai. Logo no começo, eu apostava nele para que sim, mas me enganei lindamente.

Em contrapartida, acho interessante essa questão de Jordan ter herdado os poderes de Clark, pois lidar com essa novidade pode também ajudá-lo a enfrentar seus problemas psicológicos. Eu aposto que não será fácil, que no começo o garoto enfrentará mais barreiras para absorver tudo isso, mas, com o passar do tempo e com a ajuda de sua família, tudo possa se encaixar.

Superman em ação

Por mais que o piloto tenha uma duração estendida e focada no lado humano de Clark, é claro que seu alter ego apareceria em algum momento. No meio ao luto da perda de sua mãe, o protagonista teve que lidar com uma nova ameaça detectada pelo sogro.

Falando no pai de Lois, ele como sempre continua tosco. Ele apontando o dedo para a filha, sobre as “consequências” dela ter se casado com Superman foi totalmente desnecessário. Só espero que isso não acabe virando uma crise no casamento deles futuramente.

O que vem aí?

Superman & Lois nos trouxe um piloto coeso e com uma qualidade indiscutível. Tudo foi armado nos mínimos detalhes e eles souberam segurar a história tranquilamente. Com referências a outras adaptações televisivas de sucesso do homem de aço, tais como Lois & Clark Smallville, a série tem tudo para ter vida longa, e aposto alto minhas fichas que terá.

É cedo dizer isso, mas acho que Jordan em algum momento assumirá o legado do pai e veremos o seu desenvolvimento para tal. Além disso, será algo bem família, com mais foco em Clark que em Superman, mas isso não quer dizer que veremos pouco do nosso herói, muito pelo contrário.

Imagem: Divulgação.

No final do episódio nos deparamos com o previsível. A ameaça do episódio era ninguém menos que Lex Luthor que, aparentemente, não será Jon Cryer, mas espero estar enganado perante a isso. Vale lembrar que Supergirl ainda não acabou, por mais que sua temporada final esteja em fase de produção. Trocar o ator antes disso será um baita tiro no pé.

Outro ponto que espero e muito é a abordagem de outros vilões do universo Superman, tais como Metalo, Zod, entre outros. Ah sim, para finalizar, que essa mudança da família Kent de Metropolis para Smallville não atrapalhe o casamento de Lois e Clark, já não basta o olho gordo do General Lane.

Eu amei esse piloto de Superman & Lois, e vocês? Deixem nos comentários e, igualmente, continuem acompanhando as novidades do Mix de Séries.

  • Além disso, sigam nossas Redes Sociais (InstagramTwitter, Facebook).
  • Baixem também nosso App Mix de Séries para Android no Google Play (Download aqui) e fiquem por dentro de todas as matérias do nosso site.
Nota do Episódio9.5
Review da estreia da série Superman & Lois, a nova aposta da emissora americana The CW, dentro do bloco Arrowverse. Crítica com spoilers.
9.5