Crítica: The Walking Dead: World Beyond traz “novo ar” para franquia

Crítica: Um novo modo de viver The Walking Dead no 01x01 de World Beyond

No último domingo, após o episódio final da série principal, uma nova perspectiva se iniciou dentro do universo dos mortos-vivos

Já conhecemos o mundo cruel que é viver em The Walking Dead, tanto pela série mãe ou pelos eventos de Fear. O fato é que aqui temos uma trama completamente inédita (World Beyond) e uma comunidade intacta aos eventos do apocalipse.

Localizada próximo de Omaha e com mais de 9 mil sobreviventes, a Colônia Campus é apenas uma das três cidades que formam a aliança dos três. Além dela existe a República Civil, com sua localidade desconhecida e outra base em Portland.

Já vimos isso em algum lugar…

Vale ressaltar que a comunidade possui a CRM (República Civil Militar), a mesma que resgatou Rick Grimes de helicóptero e que também apresentou Isabelle para Al em Fear TWD. A história em World Beyond, no entanto, gira em torno das irmãs Bennet: Iris (Aliyah Royale) e Hope (Alexa Mansour).

Tudo começou de maneira trágica. No início do apocalipse, Hope viu sua mãe Kari (Christina Marie Karis) ser assassinada brutalmente, o que de certa forma reflete em sua personalidade um tanto rebelde. O episódio já começa com a garota escapando escondida para visitar o túmulo da mãe.

Continua após a publicidade

Ao mesmo tempo conhecemos Iris, que aparenta ser o oposto da irmã. Diplomática, segue todas as regras da comunidade, mas tenta lidar com o conflito de sonhar sempre que é um dos “vazios” (nome como chamam os zumbis em World Beyond). A menina até mesmo teve consultas com uma psicóloga em sua comunidade.

Crítica: Um novo modo de viver The Walking Dead no 01x01 de World Beyond

Imagem: AMC / Divulgação

O sumiço de Leo é um mistério

Alguns eventos estranhos como Leo Bennet (Joe Holt), um importante cientista e pai das meninas estar desaparecido é o que movimentou a trama inicialmente. Ele constantemente se comunicava com Iris usando um Fax e um Bip, mesmo que isso seja contra as regras da severa comunidade.

Contudo, quando as protagonistas receberam a mensagem de que seu pai não está bem, decidiram agir para, de alguma maneira, ajudá-lo. É aqui que outros personagens começam a ganhar sua importância. Em um primeiro instante, a líder Elizabeth (Julia Ormond) é quem pode ter maiores informações sobre o rapaz, embora Hope e Iris não confiem muito nela.

Conhecemos também Felix (Nico Tortorella) e Huck (Annet Mahendru). Felix é o tutor de Iris dentro da comunidade e um habilidoso guerreiro, assim como Huck, que dá aulas de luta para Hope. Silas (Hal Cumpston) e Elton (Nicolas Cantu) vêm para fechar o time. Silas é um garoto com um passado misterioso e Elton é um rapaz inteligente que gostaria de descobrir como é o mundo antes de morrer.

Eles não sabem o que vão encontrar pela frente…

Com um mapa entregue por Elizabeth com a possível localização do pai, Hope e Iris – que encontrou sua psicóloga zumbificada – decidiram fazer uma viagem para Nova York para encontrá-lo. Silas e Elton resolvem acompanhá-las e, sabendo do ocorrido momentos mais tarde, Felix e Huck partem também para encontrá-los.

Assim se inicia a perigosa aventura de The Walking Dead: World Beyond, que possuirá apenas duas temporadas. Ao que tudo indica, vamos entender mais sobre a comunidade que levou Rick de seu grupo e os motivos que o fizeram ficar tanto tempo afastado.

Além disso, já é interessante ver a relação entre as irmãs e como a história entre Hope e Elton continuará, já que ela atirou na mãe do garoto, após ver sua mãe ser baleada pela mulher. E também os motivos pelos quais a CRM liquida a Colônia Campus momentos após a fuga dos quatro.

Quais foram suas primeiras impressões sobre a série e quais são as suas teorias a respeito da CRM e Rick Grimes? Acompanhe o Mix de Séries para descobrir mais sobre The Walking Dead: World Beyond!

  • Além disso, siga nossas Redes Sociais (InstagramTwitter, Facebook).
  • Baixe também nosso App Mix de Séries para Android no Google Play (Download aqui) e fique por dentro de todas as matérias do nosso site.

Nota do Episódio7.5
Review do primeiro episódio da primeira temporada de The Walking Dead: World Beyond, da AMC, intitulado "Brave".
7.5
Avatar

Rodrigo Sodre

Rodrigo é um rapaz que cresceu, mas manteve todas as alegrias da infância consigo. Aos 25 anos, é formado em Jornalismo e joga videogame desde quando usava fraldas. Apaixonado por zumbis, começou a se interessar pelo gênero quando viu a primeira intro de Resident Evil 2. Hoje é fã fiel de The Walking Dead e continua jogando, lendo, vendo filmes e séries.

1 comment

Add yours
  1. Avatar
    Luiz Cunha 19 outubro, 2020 at 15:47 Responder

    para quem acompanha TWD ha 10a, e iniciou FEAR TWD, acredito que teve uma decepção com esse spin off.. pelo menos para a parcela da “velha-guarda” dos que já tem mais de 30 pelo menos.. vi o primeiro e segundo episódio, e sinceramente, não me animei.. praticamente uma versão muito “teen”, nada à acrescentar na franquia. Duvidando muito de melhorar isso ai….. vou ficar no FEAR mesmo que tá bem melhor que a 3ª e 4ª temporada…

Post a new comment