Critica: Weitz e Zapata são alvos de investigação no episodio 4×06 de Blindspot

Imagem: NBC/Divulgação

Carreira de Reade ameaçada em Blindspot

A quarta temporada de Blindspot segue agitada. O sexto episodio teve dois plots centrais muito interessantes. Reade foi interrogado pela CIA após seu encontro com Zapata, e a equipe investigou um caso ligado a Weitz, o novo diretor do departamento. E é claro, a saga de Remi continua, e dessa vez parece que o jogo acabou para ela.

Primeiramente, Reade mais uma vez foi alvo de uma investigação interna, dessa vez por causa de Zapata. Ele não foi tecnicamente torturado, mas acabou liberando a senha de acesso. Sua sinceridade no interrogatório teve um preço alto. Para CIA seu envolvimento pessoal é um problema para o caso e o único jeito é afastar Reade do serviço.

De outro lado, Weitz, depois de todo discurso motivacional sobre trabalho em equipe, demitiu Reade a pedido da CIA, por ser considerado inapto para trabalhar devido ao caso de Zapata. Tudo não passou de uma jogada. Weitz deu a Reade a missão de capturar Zapata antes da CIA. Mas, quando chegar a hora, Reade irá seguir pelo caminho da razão ou emoção?

Além disso, toda investigação da equipe sobre uma possível traição de Weitz contribuiu para torná-lo parte da equipe. Mais uma vez o diretor do departamento guarda um segredo do resto da equipe. Então, cada um tem seu próprio jeito de lidar com essa situação já muito comum sobre uma possível traição.

Zapata viva ou morta!

Já a vida da ex agente não tem sido nada fácil. Ela está mergulhando mais e mais nos planos perigosos de Madeline. Apesar de ganhar a confiança dessa mulher misteriosa, o cerco está se fechando para ela. Agora Zapata é alvo da CIA e a missão é capturá-la viva ou morta. A substituta de Keaton chegou com cara de poucos amigos e mostrou que trabalha de forma bem diferente do seu colega de agencia. Claudia é fria e determinada e não vai poupar recursos para pegar Zapata.

Porém, o que isso tudo quer dizer? Ou minha teoria sobre Zapata está em missão pela CIA caiu por terra ou tudo é só uma jogada da CIA e na verdade Claudia faz parte do trabalho de Zapata. Ou vai ver Zapata realmente mudou de lado. Melhor começar a me acostumar com a ideia.

Fim de jogo para Remi

Remi está fingindo ser Jane por muito tempo. Finalmente, Kurt notou que existe algo de errado com sua mulher, e isso vai muito alem de sua doença. Ele sabe que ela está escondendo alguma coisa. Remi mesmo demonstrando carinho, suas atitudes são mecânicas e calculadas e Kurt não vê verdade em mais nada. Nesse episódio, a desconfiança ficou mais forte e ele decidiu seguir seus instintos.

Dessa forma, Remi está determinada a resgatar sua mãe, tanto é que está treinando o resgate em um galpão abandonado. O ponto fraco de Remi é seu ego. Ela está confiante que está conseguindo enganar seu marido, ou pelo menos estava confiante. O ponto fraco de Kurt é a doença de Jane. Remi sabe o quanto ele se preocupa com ela, devida sua saúde e o manipula sempre. Mas agora tudo parece ter mudado.

Finalmente, Kurt confronta sua esposa para saber o que está acontecendo e a trata como inimigo, o que faz lembrar o final da primeira temporada. O contraste entre as duas personalidades fica nítido. Remi parece demonstrar um certo alivio em não precisar mais fingir e também uma satisfação em finalmente poder acabar com Kurt. Portanto, essa colisão promete e o resultado pode ser devastador.

Até o próximo episódio!

Tags Blindspot
Yuri Alves

Yuri Alves

Bacharel em Direito, fascinado pelo universo dos heróis e um viciado por séries e filmes. Sou um escritor a procura do meu espaço. Amante dos livros e da boa música. A série da minha vida , The OC. No Mix, sou responsável pelos textos de algumas séries como, The Defenders, Dynasty, Blinspot , Ozark entre outras. Quando não estou no cinema ou maratonando uma série estou me aventurando na cozinha.

No comments

Add yours