Crítica: Why Women Kill é uma das mais divertidas séries novas no streaming

Crítica Why Women Kill

Why Women Kill, nova série do criador de Desperate Housewives

De tempos em tempos, o mundo conhece uma série diferente de toda as outras. Linguagem própria, estilo irreverente. Assim foi o fenômeno Desperate Housewives. Sucesso do canal americano ABC, a série ficou no ar por oito anos e contava a divertida (e sinistra) rotina de quatro amigas do subúrbio americano.

Continua após as recomendações

Por ter um estilo tão próprio, a narrativa de Marc Cherry deixou saudade depois do seu final em 2012. Anos depois, o mesmo autor nos presenteia com Why Women Kill (Por que mulheres matam). Novamente com a temática do mundo feminino, o autor recria seu famoso estilo de narrativa abordando de forma leve assuntos para lá de pesados na sua nova antologia.

Estrelado por um elenco de primeira – Lucy Liu, Ginnifer Goodwin, bem como Kirby Howell-Baptiste –, a série que chegou recentemente no Brasil fala sobre as vidas e intrigas de três mulheres que viveram, em décadas diferentes, na mesma casa. Histórias assim, frequentemente, caem no erro de criar uma certa disparidade de interesse entre as diferentes linhas do tempo. Geralmente, nos decepcionamos com linhas desinteressantes dividindo tempo precioso de tela com outras mais chamativas.

Continua após a publicidade

Aqui, esse desafio é superado com sucesso. As três décadas – anos 60, 70 e o tempo presente – têm personagens carismáticos e histórias próprias de seu tempo, aproveitando de forma irônica os desafios que cada época oferece para seus habitantes.

Imagem: Divulgação.

Trama engraçada com temática sangrenta

O nome pode enganar. O foco da trama de 10 episódios aqui é a sagacidade de suas protagonistas. Cada uma delas corresponde a um estereótipo do seu tempo e pode ser julgada de cara pelo público. Contudo, basta alguns minutos da trama para perceber a força que cada uma carrega em si, essa é a trama de Why Women Kill.

Ainda assim, os personagens masculinos não são preteridos. Muito pelo carisma dos seus atores – principalmente Jack Davenport com seu Karl –, os homens, mesmo muitas vezes no papel do errado da história, não despertam reprovação do público. Pelo contrário.

Uma das belezas dos produtores feitos para streaming, com suas temporadas bem menores do que a TV aberta está acostumada, é o maior orçamento evidente. Aqui, os cenários e a ambientação falam alto. As fortes cores nos anos 60 e 80 criam uma versão visualmente cômica das respectivas épocas. As roupas, exageradas, não negam o tom da série. O público também não deve ficar surpreso: isso é uma comédia, mesmo que seus episódios cheguem à quase 60 minutos.

Em sua reta final, a série toma um tom mais sério, mais inédito para o autor. Mesmo assim, é com leveza que encerra seus episódios e entrega, de fato, o que o título propõe. À sua maneira, como o público deve imaginar. Da mesma forma, ao terminar a temporada, o telespectador só pode lamentar o fato da série não ter uma segunda temporada com os mesmos personagens cheios de carisma e com histórias interessantes – mas já tem segunda temporada garantida, com novo elenco e personagens.

Título

Para os bons fãs de Desperate Housewives, que sentem falta de sua história leve e envolvente. Da mesma forma, para os bons fãs de Once Upon a Time, que sentem falta do carisma sem fim de Ginnifer Goodwin nas telas. Para os bons fãs de séries: uma boa opção para uma semana mais divertida de maratonas.

Por Que Mulheres Matam além de nos entregar ótimas histórias – três pelo preço de uma –, nos traz alguns bons pensamentos sobre o que achamos certo e errado. Não tem como perder!

E você, conferiu Why Women Kill no Globoplay? Deixe nos comentários e, igualmente, continue acompanhando as novidades do Mix de Séries.

  • Além disso, siga nossas Redes Sociais (InstagramTwitter, Facebook).
  • Baixe também nosso App Mix de Séries para Android no Google Play (Download aqui) e fique por dentro de todas as matérias do nosso site.
Nota da temporada9.5
Why Women Kill chegou ao Globoplay no Brasil e dessa forma explicamos porque esta é uma série que merece ser maratonada pelos fãs.
9.5

1 comentário

Adicione o seu
  1. Avatar
    Nicole 31 janeiro, 2021 at 17:17 Responder

    Amei!! Inicialmente parecia uma série morna e previsível, mas mostrou-se bem feita, ritmada e de uma comédia dramática incrível! Deliciosa do início ao fim!

Post a new comment