Damon Lindelof fala sobre a última temporada de The Leftovers

 

Continua após publicidade

Depois de gravar a primeira temporada no norte do estado de Nova York e a segunda numa pequena cidade do Texas, a HBO resolveu levar a produção do último ano de The Leftovers para a Austrália. Mas por quê? De acordo com o showrunner, Damon Lindelof, “a Austrália está no final do mundo geograficamente e nosso show é justamente sobre o final do mundo de uma forma sentimental.”

Continua após a publicidade

“Também há algo relacionado ao cinema australiano – original, antigo e espiritual – parece algo que serve exatamente para The Leftovers, se são so filmes de Mad MaxWalkaboutWaking Fright e os filmes do Peter Weir,” completou. Lindelof está mantendo o segredo sobre os últimos episódios, mas ele sinaliza que Kevin inicialmente planejava fazer uma visita lá embaixo com alguns personagens, mas nem todos seguirão a aventura.

Continua após publicidade

Assim que chegar, o pai problemático de Kevin, que pode ou não estar recebendo mensagens de Deus, o coloca numa situação inesperada. “É como O Poderoso Chefão. Marlon Brandon sempre disse ao seu filho Michael, “Eu não quero esse negócio para você,” mas em todas as vezes que acontece algo de errado, Michael está lá. Então Senior está no meio de tudo e acaba levando Kevin,” disse Damon.

Apesar de ter apenas oito episódios encomendados para a jornada final, o telespectador pode esperar parcelas que serão responsáveis em focar determinadas histórias num único personagem. O ritmo da temporada, explica Lindelof, também darão a ideia de que a série está evoluindo para um ato final. “Apesar de existir algumas ideias bem doidas, nós queremos construir algo conclusivo,” disse. “Eu quero me beneficiar do fato de que quando a nossa audiência assistir ao primeiro episódio da terceira temporada, eles saberão que é o começo do fim. Você não quer que sinta como um epílogo, mas um clímax.”

Continua após publicidade

“É um processo muito cuidadoso de construção da história porque nós não queremos frustar os telespectadores,” diz Lindelof em referência ao final traumático de Lost e toda a polêmica criada posteriormente. “Uma coisa é dizer, “Eu darei para você essa caixa com um presente dentro e você nunca poderá abri-la – quem vai aceitar o presente? Nós estamos constantemente tentado modelar e cumprir as promessas que fizemos. E não é suficiente dizer que nós nos importamos com esses personagens e não com a mitologia deles. Eu penso, entretanto, que no mundo de The Leftovers a palavra “mitologia” não significa necessariamente a mesma coisa de LostWestworldStranger Things ou True Detective. Essas séries já criaram suas próprias verdades. Nós não queremos frustrar a audiência, mas The Leftovers joga nas suas próprias regras e continuará a fazer assim.”

The Leftovers estreia sua terceira temporada nos Estados Unidos em abril de 2017. No Brasil, a HBO ainda não definiu uma data de lançamento, mas você pode conferir quais serão as novidades para a emissora por aqui clicando no link.

Continua após a publicidade
O MIX DE SÉRIES atingiu 10 milhões de visitas mensais e vamos ensinar tudo que aprendemos nessa caminhada! Aumente o tráfego do seu site com técnicas avançadas de SEO.
Faça seu pré-cadastro aqui!

Fonte: Entertainment Weekly