Dancing Brasil, semana 8: Troca de duplas marca noite sem eliminação

Imagem: Youtube/Reprodução

Continua após as recomendações

Essa semana o Dancing Brasil teve uma dinâmica diferente. Marcando uma noite sem eliminação – uma vez que a temporada perdeu dois participantes antes do previsto, a competição organizou uma forma de “preencher o vazio”, afim de alcançar os 13 episódios previstos.

Sem a presença de Jaime Arouxa – que não pôde participar do episódio por conta de um compromisso, a atriz Adriana Garambone substituiu o jurado com toda sua simpatia.

Continua após a publicidade

Assim, houve uma troca de casais, onde as estrelas tiveram de dançar com outro técnico. Claro, foi interessante de assistir e provou que os competidores estão ali para topar qualquer surpresa. Mas, obviamente, houve uma quebra na dinâmica e isso jogou alguns favoritos para a classificação lá embaixo.

A MELHOR DA NOITE
Jade e Paulo

Que apresentação maravilhosa! Como a Fernanda mesmo disse, foi um Jazz lírico, que encantou a todos. Jade vem perdendo sua timidez a cada semana, e sua simpatia faz a gente torcer por ela. Sua parceria com o Paulo rendeu super bem, trabalhando bem todas as ferramentas que a ginasta tinha a oferecer. Ao som de “Love On The Brain”, o que dá para fazer é embarcar na coreografia e agraciar a nota máxima da noite.

A SEGUNDA MELHOR
Leo e Bárbara

Um show a parte, não sabíamos se era uma mistura de Broadway com Bollywood. Limpo e técnico, Leo se superou esta semana. Foi uma coreografia divertida e gostosa de assistir. Uma pena que o Leo é bem inconsistente, e semana sim apresenta algo fantástico, semana outra apresenta algo fraco. Ele precisa é encontrar um equilíbrio.

MERECEM DESTAQUE
Mika e Dani

Dançar Hip Hop ao som de “Shape of You”? Mika conseguiu muito bem e agitou a todos da plateia. Uma apresentação que merecia até uma nota maior! Prova de que Mika é um dos participantes que mais evoluiu.

A PIOR DA NOITE
Maytê

O Jazz predominou. Desta vez, com uma pegada street, Maytê infelizmente não conseguiu empolgar a ninguém. Passos sem graça e frios, o charme de Maytê merece mais. Não creio que tenha sido um problema dela, mas talvez de Teo, que já tem demonstrado uma limitação forte na hora de coreografar e talvez seja o problema de sua parceira original.

ZONA DE RISCO

Não houve eliminação e as notas desta semana serão somadas à da semana que vem. Porém, três casais tiveram notas baixíssimas e a estrela do par precisa ficar alerta na semana que vem. São elas:

Bianca, com 26 pontos.
Maytê, com 25 pontos.
Sheila, com 25 pontos.

Será que alguma dessas três, que já foram favoritas, rodará na semana que vem?

Por Anderson Narciso

2 comentários

Adicione o seu
  1. Avatar
    Fernando Costa 23 maio, 2017 at 20:20 Responder

    eu AMEI a da sheila, socorro! Pra mim merecia ter tido melhores notas, já que a proposta não era o sapateado em si, mas sim encaixa-lo de alguma forma kkk Graças a Deus a mudança não foi permanente, maytê e paulo formam uma ótima dupla!

Post a new comment