Derivado de Grey’s Anatomy com bombeiros não terá personagens da série original

Imagem: ABC/Divulgação
Imagem: ABC/Divulgação

[spacer height=”20px”]

Continua após publicidade

À medida que Scandal adentra em sua sétima e última temporada, a ABC tem olhado para outra série de Shondaland, a fim de encontrar uma substituta para o já consagrado TGIT.

Continua após a publicidade

Em maio a emissora anunciou que iria produzir uma série derivada de Grey’s Anatomy sobre bombeiros, sem a necessidade de um piloto para avaliação. Em meio as comparações com Chicago Fire, que possui uma série médica derivada, desde então, os fãs começaram a se perguntar como seria o elo entre as séries e o quebra-cabeça começa a ser montado.

Continua após publicidade

De acordo com o THR, mesmo em estágios iniciais, já sabe-se que nenhum personagem de Grey’s Anatomy irá migrar para os spin-off, contendo a série personagens novos – o que elimina a ideia de que Jason George iria para a nova série com seu personagem Ben.

“As discussões estão acontecendo há um tempo. Antes até desta temporada. Shonda nos disse que teve essa inspiração para algo que fazia sentido, o que foi bastante recente”, disse o presidente da ABC Studios, Patrick Moran. “Nós falamos sobre os elementos da Grey’s Anatomy que parecem ressoar com a audiência – narrativa emocional, conexão humana profunda, um ambiente de alto risco e mulheres fortes e capacitadas – e esses elementos serão transferidos para o spin-off“.

Continua após publicidade

Este será o segundo spin-off de Grey’s Anatomy, que introduziu Private Practice ainda quando estava na terceira temporada. A série sobre a Dra. Addison durou mais de 100 episódios, tendo sido finalizada em 2012. Enquanto isso, Grey’s Anatomy avança para a 14ª temporada e aproxima-se de ultrapassar E.R. – Plantão Médico como o drama médico mais longo da TV.