Emmy 2018: quem deve ganhar o prêmio de Melhor Comédia?

A maior premiação da televisão está chegando. É hora de todas as grandes estrelas e mentes da indústria se reunirem para uma noite única, celebrando o melhor dos programas de TV.

O Mix não pode ficar de fora dessa. Por isso, vamos discutir sobre os indicados e quem pode levar a melhor nas principais categorias da festa.

Continua após a publicidade

Os indicados:

Atlanta

Barry

Black-ish

Curb Your Enthusiasm

Glow

The Marvelous Mrs. Maisel

Silicon Valley

Unbreakable Kimmy Schmidt

Quem deve vencer: Atlanta

Quem merece vencer: Atlanta ou The Marvelous Mrs. Maisel.

Atlanta não só é a melhor comédia do ano como uma das melhores séries exibidas nos últimos meses em qualquer gênero. Muitos são os fatores que lançam a produção como a favorita dentre as comédias: o primeiro ponto é a qualidade inquestionável, tanto técnica quanto narrativa. A segunda temporada de Atlanta é um elogiável constante de episódios excelentes. Não há altos e baixos como em Black-ish ou Barry, que perde pouco de sua força após o ótimo piloto. Na série do FX, a qualidade se mantém altíssima do primeiro ao último episódio.

O segundo ponto: diversidade. Atlanta é uma série estrelada por negros, feita por negros e em uma locação pouco explorada pelo audiovisual. Além disso, os roteiristas investem pesado em personagens femininos e em coadjuvantes, além de trazer uma bem-vinda diversidade em sua equipe – um dos melhores episódios da temporada é escrito por uma mulher, e foi, inclusive, indicado ao Emmy de Melhor Roteiro.

Terceiro: Atlanta é tem o nível exato de ousadia e “estranheza”. É como se fosse a Twin Peaks das comédias, mas mais acessível. É uma série que vai até o limite do aceitável e do entendível, mas sem passar a linha ou deixar as coisas muito confusas. Em outras palavras, permite que o público interprete e perceba todos os símbolos que utiliza. Ninguém sente-se idiota ou perdido nas tramas do programa, mas sim participante do que está sendo visto. Neste sentido, a vitória de Atlanta seria o passo ousado mais seguro que os votantes do Emmy podem dar.

Pra finalizar: Donald Glover. O ator, diretor, produtor, roteirista e músico é indubitavelmente um artista completo. A crítica o idolatra e o público o ama. Este foi o ano de Glover, e premiá-lo com o a estatueta máxima da categoria pode ser a coroação de uma carreira que cresce cada vez mais. Além disso, as próprias escolhas de Glover enquanto roteirista e produtor mostram o que talvez seja uma pessoa boa, justa, que é justamente o que a indústria precisa. Sim, Glover é a alma de Atlanta, o protagonista e grande responsável pela produção, mas ele sabe que deve e precisa reservar espaço para seus colegas de elenco. Todos têm chance de brilhar na série, e Glover entende que a qualidade do programa não vem só dele, o que prova uma sensibilidade e humildade importante para os dias de hoje.

Quem pode ameaçar a consagração, contudo, é The Marvelous Mrs. Maisel. A comédia da Amazon, criada por Amy Sherman-Palladino, era a favorita absoluta para o Emmy. Lançada no início do período de elegibilidade para o prêmio, Maisel perdeu um pouco de força ao longo dos meses. É possível que os votantes tenha esquecido do programa depois de tanto tempo. Além disso, o lançamento de uma sólida e impecável temporada de Atlanta praticamente tomou de assalto a estatueta do programa.

Por isso, espere uma noite divida entre Atanta Maisel, com ambas ganhando prêmios intercalados e igualmente importantes. Atlanta deve levar como Série, Ator e Roteiro, enquanto Maisel deve conquistar Atriz, Direção e alguma categoria de atores coadjuvantes. Ainda assim, é impossível garantir: ambas correm lado a lado nas categorias de Direção e Roteiro. O próprio Glover compete contra Paladino o Emmy de Direção, que deve ficar com a criadora de Gilmore Girls. Primeiro porque Donald já levou esta estatueta na edição passada, segundo que Paladino não deve levar outros prêmios e terceiro porque o trabalho de câmera realizado por Amy é excelente.

A categoria de Comédia, portanto, promete ser emocionante como há muito tempo não é. Nos últimos anos, os votantes sempre escolheram o caminho óbvio e fácil: ou Modern Family ou Veep. Com a ausência de ambas é chegada a hora de descobrir quem leva a melhor. A corrida é apertada. Faças suas apostas.

Matheus Pereira

Matheus Pereira

Gaúcho, estudante de jornalismo e viciado em séries. Tem séries pra assistir de mais e tempo de menos. Séries favoritas? Six Feet Under e Breaking Bad.

No comments

Add yours