Empire – 3×11- Play On

Imagem: tvafterdark/Divulgação

Continua após a publicidade

Olha, eu sinceramente queria acreditar que Empire tem salvação, mas dadas as circunstâncias e os acontecimentos, não tenho mais como defender. “Play On “ foi exatamente igual a tudo que vimos até agora, uma trama arrastada.

Tinha comentado na review anterior o resgate dos plots antigos e o quanto merecíamos histórias amarradas e desenvolvidas. Parece que ninguém nos escuta, parece que ninguém assiste para entender o quão cansativa Empire está. Lee Daniels, migo, por favor vamos rever tudo.

Voltando ao episódio, tivemos o retorno de Tariq tentando, mais uma vez, fazer com que alguém na face da terra entregue Lucious. A escolhida da vez foi Anika, logo agora que as coisas estavam dando certo para a moça. Ai, gente, coitada! Quando tudo está caminhando bem, sempre aparece algo para estragar. Anika meteu o pé e deixou Bella com Hakeem. Talvez agora Tiana tenha algum destaque cuidando da baby Lyon.

Queria saber quando Jamal vai aprender a não confiar em Lucious? Entra episódio, sai episódio e Jamal mais uma vez é feito de trouxa. Custava ter apagado os arquivos como Cookie disse? Não, jamais! “Vou deixar aqui e esperar meu pai roubar, não só a música, mas minha amiga também.”  Tory passou para o outro lado da força muito mais rápido do que imaginei. Que ela seria corrompida por Lucious, isso não era novidade, mas assim na cara dura? Esperava pelo menos mais uns dois episódios a frente.

Andre virar gangster tinha me convencido até uma semana atrás. Assistindo ‘Play On’ percebi que isso está servindo apenas para enrolar. Assim como a investigação de Tariq, que já está rolando tem onze episódios e NADA foi resolvido. Saudades de Empire quando a narrativa fazia sentido, quando as coisas estavam ligadas, quando os fins justificavam os meios.

A impressão que tenho é de que está sendo montado um arco muito grande em torno do plot de Andre e sabemos que o fim será frustrante. Torço para uma reviravolta daquelas, mas no fundo meu coração sei que só quem bota fogo é Lucious Lyon.

Por fim, nem todo brilho, glamour e música estão conseguindo sustentar uma história que não está firme, que não convence, que não prende. Os Lyon vão ter que se reerguer mais uma vez, se quiserem manter a Empire em pé.

Tags Empire
Renata Ribeiro

Renata Ribeiro

Publicitária, Alagoana e arretada!

No comments

Add yours