Estudo revela que 78% de personagens do Oriente Médio em séries são terroristas

Imagem: USA

Continua após as recomendações

EUA discutem diversidade nas séries de TV

A representatividade e a inclusão são práticas em ascensão na indústria do entretenimento. Cada vez mais temos visto personagens de diferentes etnias, orientações sexuais e identidades de gêneros nas séries de TV e streaming.

Mas diante de tanta diversidade no mundo, esse progresso ainda parece pequeno. A representação de personagens do Oriente Médio na ficção é um exemplo claro de como ainda há muito a ser mudado.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

De acordo com um estudo realizado por uma organização de advogados de Hollywood, a MENA Arts Advocacy Coalition (MAAC), 78% dos personagens do Oriente Médio e do Norte da África apresentados em séries de TV americanas entre 2015 e 2016 foram retratados como terroristas, espiões, soldados ou ditadores.

Segundo o Deadline, a pesquisa analisou mais de 242 séries exibidas em canais abertos, fechados e serviços de streaming entre os dois anos apontados.

Personagens não estereotipados podem combater preconceito

O estudo apontou ainda que apenas 1% dos personagens regulares em séries de TV norte-americanas são descendentes do Oriente Médio ou do Norte da África (os quais eles se referem como “MENA”), enquanto esse grupo étnico representa 3,2% da população dos EUA.

Das 242 séries estudadas, apenas 20 possuíam atores dessa etnia em seu elenco regular. A pesquisa também chamou atenção para o fato de que 63% dos personagens MENA falam com sotaque, reforçando o estereótipo de que eles são estrangeiros e não cidadãos americanos.

Para Nancy Wang Yuen, uma das criadoras do estudo, “esses estereótipos podem ter efeitos prejudiciais na percepção do público. Personagens MENA mais complexos e relacionáveis podem combater sentimentos e políticas antimuçulmanos”, ressaltou.

Atores de descendência do Oriente Médio que se destacam na TV

A análise também reconheceu alguns exemplos de boa representação na TV. Em Mr. Robot, o protagonista Elliot Anderson é interpretado por Rami Malek, que é de descendência egípcia. A atriz Necar Zadegan tem descendência iraniana e interpreta uma advogada em Girlfriend’s Guide to Divorce.

Alguns personagens famosos são interpretados por atores descendentes do Oriente Médio e você nem sabia: a Zoey Johnson (Yara Shahidi) de Black-ish da ABC, Rogelio (Jamie Camil) de Jane the Virgin e o Enzo (Michael Malarkey) no The Vampire Diaries.

Continua após a publicidade

Apesar dos passos pequenos, Hollywood parece está disposta a correr atrás desse prejuízo. Há, inclusive, uma série sobre uma família do Oriente Médio com superpoderes em desenvolvimento na ABC. A Netflix também encomendou sua primeira série original árabe, que deve ir ao ar em 2019.

Leia mais notícias sobre séries de TV, aqui no Mix de Séries

Nenhum comentário

Adicione o seu