Game of Thrones – 4×04 – Oathkeeper

got4x4

Imagem: HBO/Divulgação

Continua após as recomendações

Olá pessoas! Game of Thrones sempre foi uma série muito polêmica, não é verdade?! Então vamos começar logo a review de mais um episódio que causou falatório por aí?!

Continua após a publicidade

O episódio desta semana começa em Meereen, onde Verme Cinzento e Missandei, interpretados pelos atores coadjuvantes, Jacob Anderson e Nathalie Emmanuel, pela primeira vez, protagonizam uma cena própria. Destaque para os excelentes atores.

Daenerys, após libertar os escravos de Meereen, observa do alto os mestres sobreviventes acorrentados. Ela acaba lembrando de todas aquelas crianças pregadas em pedaços de madeira, marcando as milhas, ao longo da estrada. Sor Barristan aconselha misericórdia, mas nossa querida Dany quer fazer justiça e, assim, os mestres são crucificados. Uma das melhores frases do episódio é esta lição dada por Khalessi: “…responder injustiça com justiça!”

Outro momento ótimo foi o encontro dos irmãos regicidas. Adorei este nome, poderiam até formar uma banda hahaha! Brincadeiras à parte, Jaime e Tyrion tiveram uma conversa sincera, com cumplicidade nitidamente explícita. Eles poderiam fazer mais cenas juntos, foi excelente!

Mas o tanto que foi calorosa a cena de Jaime com Tyrion, a cena com Cersei foi fria. Cersei está chateada. Cersei é louca. Ela ainda acha que Tyrion matou Joffrey. Jaime tenta convencê-la de que Tyrion é inocente, mas, mais uma vez, Cersei é louca. Cersei pede ao seu irmão para ele caçar Sansa e trazer sua cabeça; porque é óbvio que Sansa (“sonsa”) tinha envolvimento na morte de Joffrey; quando eu penso em Sansa (“sonsa”) uma das primeiras coisas que me vem a cabeça é uma mente criminosa….ah, me poupe Cersei! Já estamos cansados com a sua loucura! Favor ir se tratar!

Finalmente, o mistério da morte de Joff foi desvendado. Olenna Tyrell admitiu fazer parte do plano para matar o rei e Mindinho entrega sua parceria com os Tyrell. O veneno, que foi colocado no vinho de Joffrey, estava dentro de uma pedra no colar de Sansa. Quem diria, hein… Vovó Olenna, além de matar o rei, dá conselhos para a neta agarrar o futuro (ela é dez!). Margaery, como uma boa ouvinte, encontra Tommen no meio da noite. Mas só eu acho Tommen novo demais para ela? Sei que ela quer garantir o posto de rainha, mas seria conveniente esperar um pouco, não?! O menino ainda é uma criança!

Já Sansa, quer entender por qual motivo Baelish se envolveu no assassinato do rei. Mindinho praticamente diz que mantém as pessoas confusas, mas que foi um gesto de boa vontade para os novos aliados (Tyrell). Mais uma vez, Mindinho deixa perguntas no ar: de que lado ele está? O que ele quer afinal? Ele apenas diz que não quer amigos como ele… Confundindo, deste jeito, nem eu, cara!

game-of-thrones-oathkeeper

Imagem: HBO/Divulgação

Outro ponto alto do episódio foi Jaime Lannister surpreendendo a todos com seu ato de bondade. Ele dá sua espada de aço valiriano para Brienne em troca da busca e proteção de Sansa. Brienne aceita e, em seguida, é apresentada ao seu novo parceiro de viagem, Podrick. Ri demais com a carinha dele. Brienne é contra a ideia de um companheiro de viagem, mas eu acredito que durante uma noite solitária na floresta, Brienne vai aprender os verdadeiros benefícios de ter Podrick por perto…hahaha. Antes de partir, ela nomeia sua espada de Cumpridora de Promessas, ou Oathkeeper, que é o nome do episódio. O dever de Jaime com Catelyn Stark será cumprido!

Ao norte, na Muralha, o que me chamou atenção foi um novo recruta na Patrulha, Locke. Achei ele familiar… e não é que ele é aquele que cortou a mão do Jaime, um dos homens do Rosse Bolton! Será que Jon Snow vai descobrir que ele é um infiltrado?! Será que Jon Snow vai encontrar Bran no Norte?

Na Fortaleza de Craster, Bran, Hodor e os Reed foram capturados. E que dó que eu fiquei do Hodor; indefeso em meio aqueles brutamontes! Os rebeldes da Patrulha da Noite descobrem que um dos capturados é Bran Stark e Jon Snow é seu irmão. Eu não sei o que eles pretendem fazer a seguir, mas não acho que vem coisa boa por aí…

Por último, a cena mais polêmica, para quem leu os livros, dos Caminhantes Brancos. Todos já imaginávamos o destino dos bebês de Craster, mas ninguém ainda sabia o que acontecia com os bebês afinal de contas. Cena assustadora, com uma música de suspense ao fundo, e um White Walker petrificando o bebê apenas com um dedo. Chocante!

Muitos leitores das Crônicas de Gelo e Fogo criticaram as últimas cenas, pois nada disso ainda foi citado nos livros. Mas aí que chegou o momento: o seriado está dando spoilers dos livros! É, é,.. e você aí, fã da série, achou que sempre levaria spoilers dos leitores. Pois é, agora todos estão no mesmo barco, leitores e não leitores. Chegou aquele momento que a adaptação rompe a linha com a obra original. Mas eu até que curti cenas surpreendentes assim. E foi uma excelente jogada dar dicas do próximo livro, Os Ventos do Inverno, enquanto o nosso querido George não termina de escrevê-lo. Agora, ninguém mais está imune aos spoilers! Todo o púbico pode se surpreender com os próximos capítulos. Ótima abordagem dos diretores! Espero que tudo dê certo ao final de toda esta longa história!

E Westeros que se cuide, pois os Caminhantes Brancos estão formando um grande exército!

2 comments

Add yours
  1. Avatar
    João Victhor Sales 2 maio, 2014 at 14:03 Responder

    Eu já tava gritando pro Bran incorporar o Hodor e se virar no Jiraya, muita dó!
    A cena final foi BOOOM na cara de todos, eles sabem como chocar e como se fazer de assunto durante toda a semana, incrível.

    • Avatar
      Paula Reis 4 maio, 2014 at 19:46 Responder

      Jiraya hahahaha…tadinho do Hodor!Também curti muito tudo, João!
      E não tem como falar pouco de GoT, eu até que tento! rs

Post a new comment