Game of Thrones – 6×08 – No One

Imagem: HBO
Imagem: HBO
Imagem: HBO/Divulgação

[spacer size = “20”]

Continua após publicidade

A temporada estava indo tão bem, até que nos foi apresentado o frustrante episódio “No One“. Esperava tanto deste episódio que parece que a decepção foi maior. Acredito que um dos mais fracos de toda série, sem acrescentar muito a trama. Foi pura enrolação!

Continua após a publicidade

O título se refere à Arya – Ninguém -, que aliás foi que a “salvou” o episódio, mas mesmo assim com muitas falhas em seu núcleo. Falarei dela depois. Teve bastante bate-papo, cenas engraçadinhas, mas nada muito relevante. Vamos então aos núcleos propriamente ditos.

Continua após publicidade

Brienne chegou em Correrio e teve uma conversa bem política com Jaime – os interesses deles são confrontantes. Mas até que eles conseguiram lidar com a situação. Só faltou um beijinho no final hehehe. Eu shippo!

Edmure Tully continua preso e Jamie foi ter uma conversinha com ele. Foi bom, pois deu mais espaço para o personagem aparecer. Tully disse o que pensa, mas mais que isso, teve que escutar as divagações de Jaime, a declaração de amor por Cersei e a comparação dela com Catelyn Stark, sua irmã. De quebra, ainda ouviu ameaçar seu filho. Tenso! Logo, ele se viu obrigado a adentrar no castelo e permitir que a tropa Lannister também entre. O Peixe Negro poderia ter muito bem fugido, como fez no Red Wedding, mas optou por lutar desta vez. Uma pena que a luta e sua provável morte não foi mostrada. Foi bem frustrante. Já Brienne e Podrick “fogem”, com a permissão do Jamie, como combinado, com direito a tchauzinho e tudo. Hahaha.

Continua após publicidade

Um núcleo que teve mais relevância no episódio foi o de Porto Real. Finalmente Cersei escolhe a violência e contraria o que o primo – gatinho – Lancel ordena. Ele solicita que Cersei vá até o Alto Pardal, mas ela finalmente vira Cersei e bate o pé. Também com o Montanha do lado, até eu rsrs. Ele mostrou bem o que acontece quando querem obrigar a moça a fazer o que ela não quer. Foi bem pesada a cena. Brutal!

Mas, infelizmente, cenas fortes com o Montanha teremos que contentar com isso, pois não teremos mais o Clegane Bowl, que seria a luta entre os irmãos Clegane. 🙁 . É porque Tommem, totalmente manipulado, declarou que não vai ter mais julgamento por combate. Logo, Cersei não poderá usar o Montanha e deverá ser julgada por altos septões. Tommen praticamente condenou a mãe à morte. Esse menino é alienado demais! Não curti nem um pouco.

Continua após a publicidade
O MIX DE SÉRIES atingiu 10 milhões de visitas mensais e vamos ensinar tudo que aprendemos nessa caminhada! Aumente o tráfego do seu site com técnicas avançadas de SEO.
Faça seu pré-cadastro aqui!

Uma coisa curiosa foi o que Qyburn comentou com Cersei, que o rumor dos passarinhos está se confirmando. O que seria este rumor? Algo contra o Alto Pardal? Ou algum plano de Cersei, como jogar fogo vivo pela cidade, ou alguma loucura do tipo?

Em Meereen, as coisas foram bem sem graça. Os navios de Astapor começaram atacar e Daenerys finalmente chegou. Falando assim parece que foram grandes acontecimentos, mas não. Foi tão bizarra a chegada da Dany, meio do nada, mostrando só de longe o dragão indo embora, que fiquei esperando algo acontecer…

Já o Cão de caça conseguiu dar um pouco o ar da graça novamente e matou os caras que massacraram seus “amigos”. Foi legal sabermos que aqueles eram traidores, pois a Irmandade Sem Bandeiras não mata inocentes. Cão como sempre muito violento – cenas fortes com o machado. Bom foi ver Beric Dondarrion, aquele que já renasceu não sei quantas vezes. O papo dele com o Cão foi bem legal, com sarcasmos, mas ao mesmo provocando um ao outro. Por fim, os traidores foram enforcados e rolou assunto até de Catelyn. Olha ela sendo citada novamente no mesmo episódio. Será que tem chance da Lady Stoneheart aparecer nesta temporada? Temos muitos indícios, hein?! Para quem não leu os livros, ela é a ressurreição da Catelyn, mas ela renasce tipo um zumbi e bem vingativa. Bem diferente do Jon que voltou  normal. Ela quer matar todos, principalmente os Frey, e acaba virando líder da Irmandade. Seria muito massa se ela aparecesse. A expectativa dos fãs está bem alta, ainda mais agora com estas citações frequentes.

Imagem: HBO
Imagem: HBO/Divulgação

Por último, vamos a Braavos, onde o plot mais esperado decepcionou um pouco. Todos os fãs criaram mil teorias do que podia estar acontecendo com a Arya e, principalmente quem a salvaria. Até Syrio Forel, o professor dela foi cotado (eu citei ele na última review). Acontece que viajamos demais e a hipótese mais sem graça foi o que aconteceu. Podemos concluir que alguns fãs merecem o cargo de roteirista da série, porque o pessoal da HBO está sem criatividade.

Após muitas facadas, Arya foi esperar no armário alheio até que alguém a salvasse. A ajuda veio da moça que ela salvou no teatro. A atriz cuidou da nossa Stark, mas logo foi morta pela Criança Abandonada – bem previsível. Mesmo ferida, Arya incrivelmente sai correndo, fazendo parkour pela cidade. Rolou uma perseguição bem forçada e lenta, vamos combinar. Um milagre ela ter sobrevivido. Depois, ela fica encurralada, sua espada aparece e ela deixa a Criança no escuro. Até aí eu estava achando tudo bem forçado, e olha que torço pela Arya. Mas o final me surpreendeu com a inteligência dela lutar no escuro, já que ela foi cega. Logo, lutou melhor e matou a menina. Uma pena que perdemos a luta.

Posteriormente, na Casa do Preto e do Branco, Arya colocou o rosto da menina na parede e teve um discurso interessante com Jaqen H’ghar. Ele diz que ela está pronta, mas ela não quer saber, ela é Arya Stark e vai voltar para Westeros. Adorei esta parte e deu um orgulho de ver como esta personagem está mais confiante e madura. Jaqen parece até que gostou, porque nem teve interesse em matá-la. Que coisa, hein?!

Um final tão legal, tinha necessidade de fazer esta perseguição bizarra, esta forçação de barra? O roteiro poderia ter sido melhor construído. Houve também muita economia de cenas, como a luta da Arya, a chegada da Dany com o dragão, a luta e a morte de Peixe Negro… Foi bem bizarro eles economizarem tudo isso, pois o episódio ficou fraco, parecendo novelão, segurando tudo para o final da temporada, quando as coisas acontecem todas de forma corrida. Uma pena. Espero mesmo que o episódio da batalha, que será o próximo, surpreenda mais.

[spacer size = “20”]

Obs.: Deu para rir um pouco da conversa do Bronn com o Podrick sobre mulheres. Os quietinhos escudeiros são os mais perigosos KKKKK.
Obs. 2: Tyrion, Missandei e Verme Cinzento tomando vinho e fazendo piadas também foi divertido. Mas Tyrion ficou tão apagado nesta temporada. Varys nem se fala, vai sumir agora que foi buscar reforços.

[spacer size = “20”]

A promo do tão aguardado episódio 9 dá a entender que será puramente sobre a Batalha dos Bastardos, promete ou não promete?

[spacer size = “20”]

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=eOzsR8Pk3TE[/youtube]