A Garota da Moto – 1×01 – A Fuga [SERIES PREMIERE]

a-garota-da-moto-1x01

Imagem: Banco de Séries

 

Depois de muita espera, o SBT finalmente lançou a série A Garota da Moto, que logo em seus primeiros minutos, já mostrou para que veio. A atração já começa com uma sequência de ação, e depois mostra o porquê da perseguição contra Joana, a protagonista da série.

Esse primeiro episódio acabou servindo mais para introduzir os personagens, e focar sobre o passado da motogirl. Ela já mostrou ser uma pessoa de atitude, que não dá o braço a torcer, além de ser capaz de tudo para manter seu filho, o pequeno Nico. A boa e velha questão sobre ser mãe solteira, algo totalmente comum em nossa sociedade, é abordada de forma gritante.

Continua após a publicidade

Uma coisa que não entendi ainda, mas que com certeza deverá ser explicado de forma sucinta, é como Duda antes de morrer, incluiu o filho, que duvidou que fosse seu, no testamento. Com certeza isso será abordado, já que veremos uma linha de flashbacks, com narrações e fatos presentes. Afinal de contas, é bom ter o conteúdo do que aconteceu no passado apresentado aos poucos, justamente para ter o dinamismo na medida certa, e tendo mais motivos para prender o público.

Imagem: Banco de Séries

Imagem: Banco de Séries

Os núcleos paralelos mostraram que virão para dar um toque de leveza à série, mas os personagens secundários ainda não cativaram. Acho que os motoboys, amigos da Joana, têm tudo para se destacar, mas o pai da protagonista com aquela mulher que trabalha com ele ainda não me ganhou, e muito menos Val, chefe da personagem, já a achei totalmente desnecessária.

Fiquei intrigado com dona Laura, a misteriosa mulher que segue os passos de Joana e chega a se aproximar dela. Não sei dizer bem ao certo, mas no começo eu pensei que ela fosse aliada à grande vilã da história, mas já me enganei legal. Pelo visto, ela tem ligação direta com Duda, e seu papel na história vai ser justamente fazer de tudo para proteger Nico de sua maquiavélica madrasta.

Por último, eu não poderia deixar de falar de Bernarda, a vilã que já mostrou não estar nenhum pouco para brincadeiras. Eu já gostei dela logo de cara, pois ela é falsa, dissimulada, sociopata, ambiciosa e extremamente cruel. Tanto é que, para ter toda a herança do seu falecido marido, ela é capaz de mandar matar o filho dele. É claro que foi ela quem o envenenou, e estou ansioso para exibição do flashback sobre isso. Mas nada já me deixou tão ansioso, quanto o encontro das duas, que com certeza vai render e muito.

A Garota da Moto é uma produção que de primeiro instante mostra ter capacidade de prender o público, mesmo pecando em alguns excessos, mas se saiu aquém das minhas expectativas. Aposto sim em seu sucesso, e essa é a chance do SBT em investir em séries nessa faixa de horário, logo após suas novelas infanto juvenis, que são sinônimos de grande audiência.

Eduardo Nogueira

Eduardo Nogueira

Administrador apaixonado por séries e música, sou fã assumido de Friends, e tenho guilty pleasure pelas séries da CW. No Mix sou editor de reality show, cobrindo atrações do gênero como as franquias The X Factor , The Voice, American Idol, entre outros. Faço também reviews das séries Mom, Supergirl, The Good Place, Scream, Fuller House e da brazuca A Garota da Moto. Além disso, deixo vocês sempre atualizados com as nossas Bolhas de Cancelamento, e também escrevo as colunas de Elenco e Teu Passado Te Condena. No tempo que me sobra faço um café para as visitas, rs. Ufa!

No comments

Add yours