Grey’s Anatomy – 13×18 – Be Still, My Soul

Imagem: Arquivo Pessoal

O que são meras lágrimas diante de um episódio inesquecível como este? Chorei como fazia tempo que não chorava em Grey’s Anatomy. Desde a morte de Derek, nenhum episódio me fez ficar apreensiva como fiquei nesse. Foi impossível não torcer para que a mãe da Maggie se curasse e cair aos prantos quando Maggie teve a consciência de que estaria se despedindo da mãe em breve. Foi um episódio bastante emocional e Ellen Pompeo arrasou na direção, mas o grande destaque foi para Kelly McCreary (Maggie) que arrasou na interpretação da sua personagem.

A maneira como Maggie lutou pela mãe foi um pouco egoísta, mas compreensível. Eu já perdi entes queridos e sei que se pudesse faria o impossível para salvá-lo, mesmo que isso significasse machucá-lo mais ainda. Teve momentos que senti vontade de bater nela por estar sendo insuportável com Meredith, mas depois o chororô tomou conta de mim e, quando eu menos esperava, estava torcendo para que Maggie tivesse razão. A cena em que ela vê sua mãe morta foi de cortar o coração e eu caí nos prantos ao ver Maggie chorando.

Continua após a publicidade

Lutar contra um câncer é algo complicado e deve ser piorar ainda quando você é médica e não pode fazer nada. Por mais que Maggie tivesse seus amigos ao seu lado, ela estava sozinha sofrendo. Quem conhece o seriado sabe muito bem que Meredith já perdeu muitos entes queridos e já passou por situações parecidas, talvez seja por isso que, hoje, ela esteja mais forte e pode separar o lado pessoal do profissional. Mesmo que Maggie a afastou, Meredith estava ao seu lado incondicionalmente. É tão bonito ver o quanto elas se completam e as cenas entre as irmãs (Maggie, Meredith e Amelia) foram lindas. Quisera eu ter irmãs assim.

Outra parte bonita do episódio foi ver Richard deixando de lado sua briga com Bailey para tentar salvar a mãe adotiva de sua filha. É claro que os dois não iriam trabalhar juntos inicialmente, principalmente quando ainda existe uma mágoa no ar, mas o fato dele conversar com ela e querem fazer uma trégua foi lindo. A amizade dos dois sempre foi algo invejável e ver esses dois brigando por causa da Shondanás é de cortar o coração de qualquer um. Só espero que essa trégua seja para sempre e que Bailey perceba o quanto foi injusta com seu mentor.

PS: Nem preciso falar que essa história toda envolvendo Meredith e Riggs já deu o que tinha que dar. Shonda, parta para outra, por favor! Os fãs agradecem.

Avatar

Gabriella Siggia

Quem eu sou? Eu sou uma em um milhão: escritora nas horas vagas, seriadora de coração, cinemática de plantão e amante da literatura. Divertida, alto astral e bastante bem humorada. Só não achei ainda minha outra pessoa. Ah, música faz parte da minha vida.

1 comment

Add yours

Post a new comment