Grey’s Anatomy falará sobre violência doméstica na nova temporada

Jo and Alex
Imagem: Hypable

 

Continua após publicidade

Quando a décima terceira temporada de Grey’s Anatomy estrear o telespectador não será confrontado apenas com o futuro de alguns personagens, mas também com uma temática extremamente importante e latente na sociedade mundial – a violência doméstica.

Continua após a publicidade

Para quem assistiu aos últimos episódios do ano anterior, deve se lembrar que Jo (personagem de Camila Luddington) recusou a proposta de Alex (Justin Chambers) por confessar que ela já era casada e que seu nome sequer era Jo Wilson, pois fugiu de um marido abusivo.

Continua após publicidade

“Eu não acredito que pensei em desenvolver coisas como – ‘Ah, nós vamos fazer a história de violência doméstica como um problema'”, disse Shonda Rhimes à revista Entertainment Weekly. “Senti que essa era a hora certa de contar a história de Jo, principalmente no contexto do amadurecimento do Alex que está num momento de transição daquilo que ele era para o que ele será,” completou.

“Eu amo ela [Jo] como alguém que conseguiu se reinventar,” continuou. “Eu também gosto dela por ter superado coisas muito, mais muito ruins e ter dado continuidade a sua vida. Ela é uma sobrevivente. E essa ideia de que ela está seguindo em frente com um relacionamento é muito interessante. O fato de Alex bater em outra pessoa para descontar sua frustração, é um pouco problemático,” sinalizou Shonda.

Continua após publicidade

“Meredith sofreu um ataque violento no ano passado e superou grande parte daquele trauma. Essa ideia de que mulheres são constantemente tratadas dessa forma é problemático pra mim, mas também é muito interessante ter a possibilidade de contar a história de Jo desta perspectiva de alguém que largou seu passado, e pode esbarrar em tudo aquilo novamente,” concluiu a produtora.

Assim como no Brasil, o número de violência doméstica nos Estados Unidos é impressionante. De acordo com dados divulgados pelo The Huffington Post, de 2001 até 2012 11.766 mil mulheres foram assassinados pelos seus companheiros, o que é caso o dobro de americanos mortos na guerra do Afeganistão durante o mesmo período. Além disso, segundo o American Psychological Association três mulheres são assassinadas todos os dias pelos seus companheiros nos Estados Unidos.

Grey’s Anatomy retorna na ABC na quinta-feira, 22 de setembro. No Brasil a série é exibida pelo Canal Sony, mas não há informações de quando a nova temporada será exibida.

Fonte: Entertainment Weekly e The Huffington Post

Catarinense e bacharel de direito. Escrevo sobre entretenimento desde 2010, mas comecei com política internacional depois da campanha americana de 2016. Adoro uma premiação e um debate político, mas sempre estou lendo ou assistindo algo interessante. Quer saber mais? Me pague um café e vamos conversar.