Grupo Católico “critica” indicação de SMILF ao Globo de Ouro

Imagem: Showtime/Divulgação

Continua após as recomendações

Uma das grandes surpresas apresentadas pela lista de indicados ao Globo de Ouro de 2018 foi SMILF, mas um grupo católico emitiu uma nota logo em seguida para a indicação. As informações são do The Hollywood Reporter.

O Presidente da Liga Católica para Direitos Religiosos e Civis, Bill Donohue, disse em nota –

Continua após a publicidade

Muito pela aprovação da Showtime, as mulheres são tratadas como brinquedo sexuais em Hollywood por magnatas e atores. Com efeito, deleita-se na exploração sexual de mulheres, tanto que usou um termo que predadores sexuais usam – Single Mothers I’d Like to F*** (Mães Solteiras Que Eu Gostaria de Transar). Que vai pelo acrônimo, SMILF.

Essa série distorcida elevou o nível ha algumas semanas atrás quando sugeriu que a Virgem Maria fora estuprada a dar a luz. Na última noite (domingo, 10), trouxe um padre homossexual acolhendo um bêbado sexualmente. As mulheres são objetificadas, o cristianismo é ridicularizado e a homossexualidade é retorcida. Não me surpreende que SMILF foi indicada ao Globo de Ouro como o ‘melhor show de comédia. Eu não sei o que Hollywood mais gosta – convidar homens a ver mulheres como prostitutas ou humilhar o cristianismo.

Mais uma coisa. Hollywood tem um problema com sexismo – ele gostam de tratar mulheres como sujas, seja nas telas ou na vida real – mas não têm tolerância contra racismo. Isso explica o porquê uma série batizada de SBMILF (sendo ‘B’ para negros [em inglês, black]) nunca seria aceitável.

Vale lembrar que essa não é a primeira vez que grupos religiosos se “opõe” a uma série. Antes mesmo de Lucifer estrear, o grupo evangélico One Million Moms reivindicava o cancelamento (ou o boicote) do drama por “incentivar” as práticas do demônio. Mais recentemente, o Parents TV Council (mais conhecido como PTC) pediu para que a Fox cancelasse The Mick e renovasse Last Man Standing já que a comédia de Tim Allen era mais “apropriada” para o telespectador familiar.

Quanto a SMILF, vale ressaltar que assim que a série estreou rapidamente se tornou favorita dos críticos conquistando uma avaliação de 71% no Rotten Tomatoes e já foi renovada para segunda temporada. Ainda não há previsão de estreia no Brasil.

Avatar

Bernardo Vieira

Catarinense e estudante de direito. Escrevo sobre entretenimento desde 2010, mas comecei com política internacional depois da campanha americana de 2016. Adoro uma premiação e um debate político, mas sempre estou lendo ou assistindo algo interessante. Quer saber mais? Me pague um café e vamos conversar.

No comments

Add yours