Hannibal – 3×12 – The Number of the Beast is 666

hannibal1

Imagem: Arquivo Pessoal/Janyne Bibs

Continua após as recomendações

 

No episódio anterior, quando Hannibal pergunta ao Will o que ele vê quando olha para a esposa após o ataque,  Will “desconversa”, mas nesse episódio ele  se abre e fala tudo para Bedelia, que sempre mita quando o assunto é Will X Hannibal. Tentei parafrasear todo esse diálogo, mas foi impossível de tão perfeito e surreal que foi mostrado. Will confessando a Bedelia que sempre pensa na esposa morta do mesmo jeito que as outras vítimas. Que pensa nele matando todas elas. É, no final das contas Hannibal conseguiu o que queria, mesmo que (não tão) indiretamente.

Continua após a publicidade

Que Bedelia só fala verdades, isso todo mundo já sabe, certo? Mas acho interessante essa curiosidade do Will a respeito do relacionamento dela com Hannibal. Parece mais que tem ciúmes. EITA! E quando ela joga na cara (mais uma vez!) que o #HANNIGRAM é real, deixa Will um pouco confuso e pensativo.

-Is Hannibal in love with me?

-Could he daily feel a stab of hunger for you, and find nourishment at the very sight of you? YES

A resposta para as três perguntas: SIM! Obrigada Bedelia, por esclarecer algo que todos os #Fannibals já sabiam, menos o Will.

“Will, the lamb of God… The lamb is becoming a lion.” A definição do Jack a respeito de uma comparação do Hannibal a respeito dos acontecimentos e como isso vai afetar o futuro do Will. Achei interessante essa analogia, visto que o livro seguinte da quadrilogia é o ” The Silence of the Lambs”. Amo o ar de superioridade do Hannibal quando fala com Jack, que jura que é mais inteligente que ele, e sempre está errado. O único que consegue chegar próximo é o Will, e sempre dá no que dá, não é? Vários corpos espalhados.

hannibal 2

Imagem: Arquivo Pessoal/Janyne Bibs

Não tem como descrever as cenas do Francis versus Red Dragon. É uma coisa tão íntima, real e bem representada, que chega a ser bonito de se ver, mesmo com toda a bestialidade envolvida. Richard Armitage está de parabéns mais uma vez e sempre ( se é que você me entende).

Jack, Alana e Will, armam um plano para tentar fazer o Francis atacar Will. Plano esse que é composto de Will+Frederick (seria Alana, mas pela primeira vez ela foi inteligente e passou a vaga para ele),+Freddie, juntos em uma entrevista para denegrir a imagem do Fairy Tooth/Great Red Dragon. Partindo do pressuposto que certamente esse plano não vai dar certo, já que Jack+Alana+Will não é uma matemática inteligente, Frederick foi sequestrado pelo Francis, teve o seus lábio enviados para Hannibal, que fez uma linda refeição com ele (ugh!), e ainda foi ateado fogo, ainda vivo para simular o mesmo destino que “Freddie teve”, para tentar enganar Hannibal.

Mas ao menos Francis deixou ele vivo, para culpar Will. já que tudo teve a ver com a foto que eles tiraram para o jornal que eu  não tinha visto relevância daquela mão do Will, mas como alguns fatos estão além do meu entendimento em Hannibal (vide alguns diálogos filosóficos que eu fico????), foi a ignição para começar o plano do Francis contra tudo que foi falado sobre ele.

Sabendo que o fim está próximo (literal e metaforicamente), Francis sequestra Reba e conta a ela quem ele realmente é.

E que venha o último episódio. Melhor presente de aniversário que a NBC poderia me dar. Uma depressão!

OBS.: Hannibal ensinou como apreciar um lábio como se fosse espaguete. Très chic! The Cannibal is back <3

OBS2.: Como não rir com o sarcasmo demoníaco do Hannibal sobre os ex-héteros lábios da Alana que “ele já provou”?

OBS3.: Bedelia, todo o meu amor por você sempre.

 

 

Tags Hannibal