House of Cards – 4×07 – Chapter 46

House of Cards 4x07

Imagem: Arquivo Pessoal/Anderson Narciso

Continua após as recomendações

 

Frank Underwood está de volta como Presidente dos Estados Unidos e a corrida presidencial está só começando. A relação entre ele e Claire – sua nova aliada, estava longe de ser estável. Eles ainda permaneciam estranhos e a única coisa acertada era parceria política entre eles. Porém, ao longo do episódio, voltamos a ver aquele casal – que não é mais de fato um casal – que aprendemos a amar.

Continua após a publicidade

Uma nova ameaça surge ao país quando a Organização do Califado Islâmico – OCI – entra em pauta, não só na Casa Branca como também na campanha Will Conway, o republicano candidato a presidência que se torna o rival número de um de Frank, agora que Dunbar está fora da disputa democrática após sua renúncia.

A guinada na campanha de Frank começa aqui, mas os obstáculos são muitos. Foi interessante conhecer um pouco mais de Conway, o seu discurso, que por sinal é bem convincente, e sua família que faz questão de se identificar com o público e fazer vários posts no Instagram. Os Conway são uma face da juventude, liderando as pesquisas e sendo um forte inimigo que os Underwood precisam derrubar.

Frank tinha dois cenários a seguir, um com o uso da NSA e a vigilância doméstica a seu favor e o outro um ataque direto ao grupo – que é tomado como Plano A. Porém, após intensas reviravoltas, Francis acaba abortando a missão e partindo para o uso da NSA, o que não sabemos até onde será favorável.

O Presidente até já tentou dar uma denegrida na imagem de Conway, destacando o fato dele usar um sistema de dados chamado Pollyhop a favor de sua campanha, violando regras de financiamento. Porém, o Governador de Nova York se saiu muito bem, não só assumindo o uso do sistema, como utilizando-o de forma positiva para conhecer e se aproximar de seus eleitores, algo que segundo ele, o atual governo não faz.

Conway é sim um “rockstar” mas Frank também tem seu trunfo. Bem, não ainda, mas ao menos terá. Claire está se destacando ao estar por trás de uma nova lei que amplia a verificação de antecedentes em toda a transação de armas, incluindo a de feiras e internet. Ela toma isso como um ataque a propriedade ilegal de armas, e talvez será este um dos fatos que a levará como o principal nome a concorrer como Vice-Presidente.

A disputa está traçada e a briga deverá ser boa. O casal Underwood está realmente de volta (com destaque para os ensaios que ambos fizeram, um ajudando o outro a utilizar o cenário atual a favor deles) e o final do episódio deixou bem claro isso. Se eles irão destruir os Conway? Alguém ainda tem dúvidas?

Nenhum comentário

Adicione o seu