House: vai um Vicodin aí?

Antes de eu conhecer o mundo do download, eu era uma moça correta que assistia regradamente suas séries na tv a cabo. Por isso, minhas quintas-feiras a noite começavam as 19h com Friends na Warner, depois passava as 20h pra CSI Las Vegas no AXN, as 21h tinha Supernatural na Warner de novo, as 22h era vez de Ghost Whisperer na Fox e terminava na Universal, as 23h, assistindo House. Sim, sem julgamentos sobre meu vício, obrigada. Mas eu aguardava tão ansiosamente esse dia pra poder ver tudo que eu mais gostava e a televisão era minha, não tinha choro.

Continua após as recomendações

 

Fonte: wallpaperhi

Continua após a publicidade

                                                 Imagem: Divulgação/Fox

Como sempre convivi com ambiente hospitalar por ser a profissão da família, eu tinha uma apreço MUITO especial com House M.D.. Ele mostrava um lado todo mais técnico e louco que eu sabia que era parecido MAS NÃO TANTO com a vida real. Afinal, vocês lembram dos tratamentos megaousados que o House fazia e que sempre davam certo? Então, não é sempre assim né (ahahaha). Mas o que importa é que essa série ganha de todas as outras no quesito ~hospital~ (na minha vida). Criada em 2004 (sdds), o seriado foi muito aclamado e recebeu vários prêmio, incluindo dois Globos de Ouro. Criado por David Shore e exibida pela Fox nos Estados Unidos e pela Universal Channel aqui no Brasil, ela foi daquele tipo de série que criou uma aura tão grande em volta de um ambiente, que eu conheço várias pessoas que entraram na área da medicina por pura influência.

Ver o Sr. Little tirar sorrisos e arrancar palpitações em meio a uma convulsão e outra, com certeza mudou a vida de Hugh Laurie. E a nossa também. Mas falando agora sobre a história em si: em uma alusão a Sherlock Holmes e seu fiel amigo Whatson, o seriado conta a história de um infectologista viciado em remédios para dor. Isso o deixa super-ranzinza e bem rabugento até com seus pacientes, quem dirá com Cuddy, seu eterno amor e CHEFE. Sempre com suas fortes opiniões e temperamento autodestrutivo, ele conta com a companhia e o toque de humanidade de Wilson, seu bestie. Com diagnósticos dificílimos e com um olhar clínico que ninguém mais tem, cada episódio encontramos algum paciente tendo um treco que se resolve até o fim da cena, mas numa visão macro a gente acompanha a rotina dos médicos e de como eles convivem um com o outro em meio a um clima tão pesado como é o de hospital. Personagens icônicos como Chase (atualmente faz Chicago Fire, Jesse Spencer), Dra. Cameron (nossa querida Emma de Once Upon a Time), 13 (Olivia Wilde lindíssima) entre tantos outros nos apresentaram todas as dificuldades de relacionamentos que podem acontecer tanto na vida de médico como de qualquer outro ser humano.

Foram oito temporadas cheias, só a 4ª (a mais emocionante e o ep de season finale que mais chorei na minha vida) que possui metade dos episódios porque foi bem na época da greve dos roteiristas, mas terminando a jornada em 2012, deu tempo de House ter fãs inigualáveis. Box com camiseta, com pastinha personalizada, frases citadas até hoje, com toda certeza esse foi um seriado que trabalhou bem sua economia afetiva e teve uma influência muito grande na vida dos seus telespectadores.

E pra mim deixa muita muita muita saudade, afinal, a gente nunca sabia qual a próxima (genial) artimanha que Dr. House ia armar! (nunca esquecendo da vez que ele estourou os canos de um banheiro e a sala toda de operação desabou andar abaixo!) <3

 

Equipe Mix

Equipe Mix

Perfil criado para realizar postagens produzidas pela equipe do Mix de Séries.

7 comments

Add yours
  1. Ana Maria De Oliveira Fernande
    Ana Maria De Oliveira Fernande 11 julho, 2014 at 00:25 Responder

    sdds House, sdds Cuddy, sdds Foreman, Cameron, Chase,Taub, Thirteen,Wilson, Kutner, Amber (Cutthroat Bitch)…

    sdds série médica boa, não essas porcarias de hoje em dia (cof cof Grey’s Anatomy, cof cof)

  2. Avatar
    Douglas Couto 11 julho, 2014 at 16:37 Responder

    House um dos melhores personagens all time. Ainda tem um monte de episódio que ainda não vi, isso é meio reconfortante pra mim kkkk

  3. Avatar
    Luana Siebra Andrade 12 julho, 2014 at 20:17 Responder

    House <3. Era uma daquelas séries que o tempo passava voando a cada episódio! Os dois ultimos episódios da 4a temporada foram lindos :))

  4. Avatar
    Aliandra Souza 13 julho, 2014 at 15:42 Responder

    House ocupa um lugar muito especial na minha estante de séries!!! O cara era sensacional! Aqui em casa todo mundo assisti e eu sempre paro para ver um pouquinho!!

Post a new comment