Iron Fist – 1×12 – Bar the Big Boss

Imagem: Reprodução Netflix

Ok, Iron Fist não é uma série ruim. Não confundam isso com ser uma das melhores já feitas pela Netflix, pois também seria uma grande mentira. Apenas está sendo fraco a forma como as tramas estão sendo desenvolvidas para que possam convergir em algo eletrizante. O início de “Bar The Big Boss”, ou “parar o grande chefe” prometia algo mais sombrio, mais voltado para calamidades mesmo. Mas essa promessa não foi cumprida e no final das contas tivemos mais do mesmo que temos visto desde a première.

Primeiro, a abstinência de heroína faz Ward ficar loucão. Quem o salva é justo alguém do Tentáculo, Bakuto, para sermos mais exatos. O preço da liberdade é alto e Ward está disposto a pagar. Mal sabia ele das consequências de suas inconsequências (louco isso, não?). As cenas seguintes funcionaram muito bem, sem enrolação, mas não houve tempo para digerirmos tudo que estava acontecendo ali. Imagina a Joy então? A sua cara de espanto toda ensanguentada foi uma das melhores, se não a melhor, expressão que já vi da atriz desde a primeira vez. Foi muito boa e muito convincente.

Continua após a publicidade

Imagem: Reprodução Netflix

Mais um episódio de enrolação. Preste bem atenção e reflita. Se tivéssemos pulado do capítulo 10 direto para o 13 não teríamos perdido nada de importante e isso é péssimo. Nem mesmo as lutas da Collen, que sempre salvam o dia, foram suficientes. Aliás, seu embate com Bakuto foi bem estranho. Abaixei cinco segundos para ver uma mensagem e ele já havia acabado. Resta saber como ele voltará dos mortos, já que óbvio, o Tentáculo poderá trazer ele de volta. Aí sim, poxa, teremos uma versão dele mais perverso que é atualmente e um ser sem alma para tocar terror nessa adaptação que deixa em aberto muitas coisas que os fãs esperavam.

Danny e Collen provam, de novo, ter química na telinha. Vejo que existe verdadeiro sentimento ali, por mais que retratado, talvez, de forma secundária. Algumas das cenas entre eles, devo concordar, podiam ser preenchidas de melhor forma. Faltou explicar melhor o passado dos personagens e explorar as motivações que levaram cada um a chegar onde está. Quem sabe isso seja feito em algum outro momento.

Volto a falar: não podemos julgar a série por falta de cenas de ação. O personagem principal não tem tantos embates assim. Nem terminei de assistir, mas estou satisfeito com o que nos foi entregue. Algo muito ruim tem de acontecer na season finale para me fazer mudar de ideia. Torçam comigo para que isso não ocorra. Nos vemos amanhã!

Equipe Mix

Equipe Mix

Perfil criado para realizar postagens produzidas pela equipe do Mix de Séries.

No comments

Add yours