Jane the Virgin – 1×22 – Chapter Twenty-Two [Season Finale]

Jane-the-Virgin-1x22

Imagem: TVEquals

Continua após as recomendações


 

E nossa virgem favorita encerra sua primeira temporada muito melhor do que eu esperava. Estava preparado para mais um episódio normal e delicioso de Jane, realmente acreditava que nesse episódio veríamos a personagem dar a luz ao seu filho, mas não esperava que fosse ser tudo tão intenso dessa forma.

Continua após a publicidade

O episódio foi realmente excelente! Já no começo vimos Xiomara e Rogelio se preparando para a viagem a Vegas, onde iriam se apresentar. Claro que Xio estava toda preocupada com a possibilidade de Jane entrar em trabalho de parto justamente no momento em que estivesse fora, mas a jovem tentou da melhor maneira tranquilizar sua mãe para viajar tranquilamente.

Já pode dizer que fiquei aqui, shippando muito Michael e Jane naquela cena em que o policial vai até a casa dela levar o jantar? Não adianta, esse é o casal da série e não vou sossegar enquanto não ver os dois voltando a ficar juntos. A sequência de cenas foi muito fofa com direito ao alarme falso das contrações e Jane correndo pro hospital pensando que tinha chegado a hora.

Uma pena que não adiantou nada, já que nos minutos seguintes jogaram um banho de água fria e ficou claro que no final das contas Jane vai terminar mesmo com Rafael. Pelo menos ele contou toda a versão pra ela sobre o porque de ter terminado o namoro e ela acabou ficando ainda mais brava por ter mentido. Pensei que correria para os braços dele novamente, mas para minha felicidade não foi o que aconteceu.

Agora Jane entrando em trabalho de parto justamente no meio da entrevista foi espetacular. Com toda certeza vai conseguir a vaga de estudo depois daquilo. Melhor ainda foi ela voltar de ônibus pra casa e por pouco não dar a luz ao bebê ali mesmo. Toda a galera tentando ajudar e fazendo com que ela chegasse no hospital o mais rápido possível foi lindeza de se ver.

Quando já estava quase na hora veio o momento do episódio que foi impossível não derramar algumas lágrimas. A cena do parto foi maravilhosa, ainda mais com a esperada chegada de Xiomara depois de quase não conseguir voltar pra casa. Melhor ainda foi a revelação do nome escolhido: Mateo Gloriano Rogelio Solano Villanueva. Como não amar?

A sacanagem ficou claro, pela cena final. Eu pensando que a temporada iria terminar toda linda daquela forma me enganei bonito. Eles tinham que fazer uma sacanagem daquela? Imagina só o sofrimento de Jane quando descobrir que seu filho foi sequestrado? Pior ainda quando chegarem na conclusão de que foi por Sin Rostro. Foi o baita gancho que ficou para a segunda temporada, então já deixo claro que estou implorando para estrear logo.

Durante o episódio também tivemos a revelação de um novo esperma de Rafael que foi encontrado na clínica. O que será que Petra vai aprontar, já que fez questão de se passar como esposa dele novamente e foi até lá buscar? Será que vai usar em si mesma para engravidar do rapaz? Mais uma pergunta que ficou para a próxima temporada.

Só sei que foi uma delícia acompanhar a série ao longo desses 22 episódios. Jane The Virgin foi uma grata surpresa que eu não estava esperando e também gostei muito de comentar semanalmente com vocês por aqui. Até a segunda temporada!