Jane the Virgin – 2×06 – Chapter Twenty-Eight

Jane-the-Virgin-2x06

Imagem: Banco de Séries

 

Eu pensando que depois de Britney Spears a série iria pegar um pouco mais leve, e me trazem essa delícia de episódio! Não teve nenhuma participação especial, mas também não precisou disso, porque foi tudo ótimo!

Continua após a publicidade

Estava na maior curiosidade para saber o motivo de Nadine ter apontado aquela arma para Michael e mandado ele dirigir sem informar o rumo. O engraçado é que foi pura pegadinha, e o narrador mostrou isso daquela forma espetacular que só ele sabe fazer. Na verdade, o próprio Michael ligou para Nadine na intenção dela ajudá-lo a encontrar Sin Rostro, então o policial (que perdeu o distintivo) não está em perigo como imaginávamos.

Já que Michael sumiu do mapa por uns tempos, Rafael foi quem se beneficiou no meio dessa história toda. O melhor é que o indivíduo aqui passou o episódio inteiro torcendo para o #TeamRafael, isso porque na semana anterior estava explodindo de alegria por tudo indicar que Jane iria mesmo escolher Michael. Vai entender, ? Meio difícil manter uma opinião firme com o pessoal pegando firme para nos fazer ficar torcendo para ambas as partes.

A cada semana Jane percebe que sua vida jamais vai voltar a ser como antes e nesse episódio vimos a jovem tentar seguir com sua Pós-graduação, mesmo com tudo que está acontecendo em sua vida. Foi hilário ver ela se desdobrando em trinta partes para tentar agradar o tal orientador, o que no começo foi totalmente sem sucesso. Depois ter que sair de casa e ficar longe de Mateo pela primeira vez, não foi algo muito fácil de fazer, mas ela seguiu com a tentativa de continuar seguindo seus sonhos.

Rafael foi quem surpreendeu bastante no meio disso tudo. O rapaz fez um excelente trabalho cuidando do filho tão bem, e talvez tenha sido por isso que ficou impossível de não torcer para Jane dar uma nova chance para ele. No final, deu a entender que ela realmente está disposta a isso, já que aceitou sair num encontro com ele. Então fiquei aqui, torcendo para que dê tudo certo.

Já disse que estou cada vez mais apaixonado por Petra nessa temporada? Então, a cada semana a personagem melhora, e esse episódio foi o que mais gostei dela até aqui. Comentei na semana passada que acharia bem bacana uma amizade entre ela e Jane e foi exatamente o que aconteceu dessa vez. Claro que as duas não se tornaram amigas de infância, mas rolou vários diálogos bem bacana, com direito até mesmo a um convite para o Thanksgivin. E o fato dela estar grávida de gêmeos, gente, como não amar?

P.S.: A mãe de Petra voltando em cena foi ótimo. Fiquei curioso para saber qual o novo segredo que ela está escondendo.

P.S. 2: Também queria um convite para sentar naquela mesa junto com os Villanueva, tem jeito?

P.S. 3: Que raiva daquele ‘colega’ de estudos de Jane que está roubando a história dela. Como assim, gente?

Avatar

Lucas Santtos

Já tem seus vinte e tantos anos, formado em administração. Seriador por amor nas horas vagas e nas não tão vagas assim. Apaixonado eternamente por One Tree Hill e The O.C. e enfiando cada vez mais séries na lista, mesmo sem ter mais espaço. No Mix escreve as reviews de Jane the Virgem, MixAudiência e comentários sobre The Voice US, The Voice AU, The X Factor UK e American Idol!

No comments

Add yours