23×08 de Law & Order: SVU acerta com caso dúbio e impactante

Para alguns, quanto mais complicado pior. No caso de Law & Order: SVU, quanto mais difícil, melhor.

Nightmares in Drill City, Law & Order: SVU
Imagem: Virginia Sherwood / NBC)
Continua após publicidade

Nesses vinte e três anos de Law & Order: SVU, não há nada que a série já não tenha abordado e/ou tratado. Lembro me que este roteiro já comentava questões importantes antes mesmo delas serem relevantes. Mesmo assim, somos surpreendidos em alguns momentos.

Continua após publicidade

A história deste episódio, por exemplo, é uma dessas situações. O acerto vem no instinto do drama em explorar narrativas dúbias e carregadas de áreas cinzentas. A abordagem vem com maturidade, seriedade e equilíbrio. O telespectador é quem sai ganhando.

Em Nightmares in Drill City, Carisi (Peter Scanavino) evoca a Unidade de Vítimas Especiais para que lhe ajude numa investigação de homicídio. A razão é que uma das testemunhas (ou seria vítima? Cúmplice quem sabe?) dá sinais de abuso. O problema é que, com o progredir da investigação, nada é o que parece. Todos os envolvidos podem ser vítimas ao mesmo tempo que demonstram condutas criminosas. É complicado. Além disso, o caso pode fazer ou quebrar a carreira ascendente do Carisi. Será que ele dará conta?

Continua após publicidade
Continua após publicidade
Nightmares in Drill City, Law & Order: SVU
Imagem: NBC / Divulgação

Quanto mais complicado, melhor

Um dos meus ícones e ídolos é Nancy Pelosi. Atual presidente da Câmara dos Estados Unidos e representante da cidade de São Francisco em Washington D.C.. Pioneira, lendária, assim como uma das legisladoras mais eficientes da história do país também é uma frasista excepcional. Em 2017, quando sua liderança era questionada, ela disse: “Eu prospero em meio a competição”. Realmente. Tanto que foi eleita ao comando da Câmara meses depois com o voto dos “críticos”.

Leia também: Fãs de Law & Order SVU estão surtando após novo trailer

Minha introdução serve para lembrar que Law & Order: SVU compartilha da mesma qualidade de Pelosi. Quanto mais complicado e difícil, melhor. O roteiro sabe, como ninguém, como abordar questões complexas sem perder a qualidade. Não fica chato, tampouco complicado de entender. Você acompanha o desenvolvimento a evolução dos personagens e percebe as variáveis em questão. Não somos induzidos a nada, tanto que o final é aberto. Tal qualidade faz de Law & Order: SVU uma das séries mais importantes e fundamentais nesses tempos.

Continua após publicidade
Nightmares in Drill City, Law & Order: SVU
Imagem: NBC / Divulgação

Uma ponte para o retorno de Law & Order?

Um ponto que me chamou atenção foi a insistência no futuro de Carisi. Diante do retorno de Law & Order no próximo ano, acredito que não é coincidência que sua carreira tenha sido tão evidenciada. Não tenho bola de cristal. Tampouco gosto de ficar no jogo de teorias conspiratórias. Contudo, não se deve ignorar a ideia de uma ponte entre SVU e a série original no intuito de impulsionar seu (re)lançamento no próximo ano.

Continua após publicidade

Algo na linha do que foi feito entre Station 19 e Grey’s Anatomy. Lembro que Ben Warren (Jason George) largou a medicina para ser bombeiro. Boa parte do elenco do drama jurídico original está confirmada para retornar. Nesses tempos, eu ressalto, não devemos descartar a possibilidade de surpresas. Além disso, Law & Order: SVU está precisando (e muito) de uma chacoalhada criativa na estrutura do seu elenco. Sendo assim, espero que meu pensamento esteja correto. Por isso, fique ligado no Mix de Séries para mais.

Continua após publicidade

Nota: 4/5

Continua após publicidade

Continua após publicidade