Legends of Tomorrow – 1×02 – Pilot (Part 2)

377296

Imagem: Banco de Séries

 

E aqui estamos novamente para mais um episódio recheado de emoções, cenas de ação, referências e participações especiais. Legends of Tomorrow já vem, nesta continuação, com seu foco em matar o vilão principal: Vandal Savage. E não foi por falta de tentativas e oportunidades que eles não conseguiram, mas sim porque ainda devem ajustar toda essa novidade de trabalho em grupo. E como sempre, alguém tem que sofrer as consequências dos erros de nossos heróis, Gavião Negro já está morto, mas obviamente que não será por muito tempo.

E vejam só que pontinha especial nosso querido Gunther Damien Darhk resolveu fazer neste episódio. Depois do sumiço em Arrow essa semana, ele apareceu nos nossos queridos anos 70, como um comprador de armas nucleares. Para completar ainda mais a cena, temos o vendedor que não poderia ser ninguém menos que Vandal Savage e boa parte do time disfarçados como uma organização, para capturar o vilão. O melhor de tudo nessa cena? Ver todos lutando loucamente em um armazém infestado de bombas atômicas, com o Nuclear e o Onda Térmica esquentando as coisas por lá.

Continua após a publicidade

377252

Imagem: Banco de Séries

“Burn, baby, burn. Disco Inferno”. E foi com o sucesso de The Trammps nos anos da brilhantina que pudemos conhecer o glorioso Martin Stein jovem. As cenas de flerte do rapaz com Sara e ver eles fumando maconha na universidade foi com certeza o ápice cômico do episódio. Com todo o problema de alterar o futuro, eles tentaram ser o mais cautelosos possíveis e meio que conseguiram, do jeito deles.

Voltando o foco para Vandal Savage, outra parte do time vai atrás da adaga que matou nossos gaviões pela primeira vez, e por incrível que pareça estava na casa de quem? Não era de Raimundo Nonato, e sim de Vandal Savage. Por entre as confusões para recuperar a adaga, os mais perspicazes puderam perceber uma referencia feita a Prison Break, quando Ray menciona que Snart (que interpretou Michael Scofield) passou toda sua vida preso. Por consequência da invasão a casa de Savage, o vilão acaba fazendo eles de reféns.

O time então é chamado por Vandal e pela 207ª vez há uma luta entre Khufu, Chay-Ara e o vilão. Dessa vez, o pobre príncipe egípcio levou a pior e foi morto, mas por ser um dos personagens principais, já deve estar de volta em um ou dois episódios seguintes. Chay-Ara está ferida e eles agora decidem sobre o que devem fazer com o time, e assim como no primeiro episódio, todos se veem dispostos a acabar com o vilão e salvar o futuro para se tornarem lendas.

No meu ponto de vista, a série já sai na frente de Arrow e Flash por ser dinâmica e divertida ao mesmo tempo. Ela soube pegar as melhores qualidades das séries do arqueiro e do velocista e juntar em uma série só. Os personagens são excelentes, e como de costume, já gostamos mais de uns e menos de outros. Pode não ser uma aclamação mundial, mas tenho certeza que pelo tempo que estiver no ar, Legends of Tomorrow tentará de tudo para manter a qualidade de seus personagens e de sua história. E que venham mais episódios e fight scenes para nós…

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=QBS1YtPTnNU[/youtube]

Lucas Franco

Lucas Franco

Mineiro, Escorpiano, 20 Anos, Estudante de Medicina. Direto do Arkham Asylum para o Mix. Eterno fã de Chuck, E.R. e Friends (RIP). Por entre as madrugadas vive a dualidade dos estudos e das séries. No Mix, escreve as reviews de Quantico, The Good Doctor e Legends of Tomorrow.

No comments

Add yours