Lupin tem erro na Netflix que fãs não podem ignorar

Lupin erro fãs não podem ignorar

Artigo apontou grande erro

Lupin é um dos maiores fenômenos da Netflix. Não para menos, já se tornou a atração mais assistida internacionalmente da plataforma.

Continua após publicidade

A plataforma lançou o título em janeiro de 2021 e, quase que imediato, muitos fãs a compararam com Sherlock.

Continua após a publicidade

A primeira parte da série contém apenas cinco episódios, mas uma segunda parte irá estrear ainda neste primeiro semestre na Netflix. Com uma trama envolvente, a série atualiza o personagem clássico da literatura para os dias modernos, o cavalheiro ladrão e mestre do disfarce Arsène Lupin.

Continua após publicidade

No entanto, Lupin não é o personagem principal da série. Na verdade, Omar Sy protagoniza a história como Assane Diop, um megafã do personagem Lupin que pega o que aprendeu nos romances e contos de Maurice Leblanc sobre o personagem e usa os mesmos truques presentes no livro em sua própria vida.

Lupin revela a trágica história de Assane nos primeiros episódios, mas, enquanto alguns fãs estavam bastante envolvidos, outros notaram um erro impossível de ignorar. E um artigo do Looper ressaltou o problema.

Continua após publicidade

Erro grave começou no episódio 4

A matéria do Looper ressalta que durante a maior parte da série, Assane é retratado como invencível. Ele escapa de todas as dificuldades em que se encontra por causa de seu planejamento cuidadoso e capacidade de ver como as coisas podem acontecer antecipadamente. No entanto, isso acaba mudando ao final da parte 1.

No quarto episódio, Assane rastreia um jornalista que já havia tentado derrubar Hubert Pellegrini (Hervé Pierre), o homem que Assane acredita ter incriminado seu pai e, portanto, a pessoa que é mais ou menos responsável por sua morte.

Depois que os dois recuperaram uma fita VHS antiga que apresenta evidências contra Pellegrini, Assane planeja lançar o vídeo no Twitter. Mas o que ele faz é apenas dar uma dica sobre o conteúdo da fita no Twitter. Ele então contata uma estação de TV, e Assane, totalmente maquiado de velho, aparece no programa, pronto para derrubar Pellegrini de uma vez por todas.

Imagem: Divulgação.

Mas isso não acontece, porque a fita foi editada pela TV, uma vez que Pellegrini comprou o âncora do programa. Então, como um homem que se mostra esperto e inteligente deixou isso acontecer?

Ele já poderia, de antemão, ter publicado o vídeo no Twitter, mas preferiu ir numa emissora de TV, com a única cópia do vídeo. Um erro de amador, não acham?

Não seria ruim se Assane tivesse pensado antes de fazer uma cópia da fita, mas ele não fez. Com isso, a evidência ficou perdida.

Fãs detonaram, fato!

Os usuários do Fórum Reddit começaram a apontar o quão ridículo esse desenvolvimento foi, diante de toda a esperteza que a série passa ao longo dos episódios.

Um fã escreveu, “A trama da fita de vídeo não faz absolutamente nenhum sentido. É algo que eu não conseguia imaginar acontecendo, até mesmo nas redes mais cafonas de TV (sic) de décadas atrás. Ele claramente tem habilidades para hackear e entende muito bem de tecnologia e internet, mas ele é burro demais para não fazer uma cópia da fita?”

Outro usuário completou que Assane deveria estar 10 passos à frente de todos os outros, mas que seu plano mestre desmoronou “porque ele não se deu ao trabalho de fazer uma cópia digital das evidências cruciais que são a peça central de seu plano.”.

Entendemos que furos de roteiro podem acontecer, mas este realmente acabou ficando bem discrepante de todo o conteúdo da série.

E você, o que achou do erro? Deixe nos comentários e, igualmente, continue acompanhando as novidades do mundo das séries aqui no Mix de Séries.

  • Além disso, siga nossas Redes Sociais (InstagramTwitter, Facebook).
  • Baixe também nosso App Mix de Séries para Android no Google Play (Download aqui) e fique por dentro de todas as matérias do nosso site.
Criador do Mix de Séries, atua hoje como redator e editor chefe do portal. Especialista em SEO e construção de textos para internet, também atua como webwriter com foco em textos para o Google. Autor na internet desde 2011, passou pelos portais TeleSéries e Box de Séries. Fã de carteirinha de Friends, ER e One Tree Hill, é aficionado pelo mundo dos seriados. Também é fã de procedurais, sabendo tudo sobre o universo das séries Chicago, Grey's Anatomy, e séries de sucesso como La Casa de Papel e Lucifer. Também é fã da DC Comics, e acompanha produções inspiradas em personagens da editora, como Titans e até o mais recente produto da editora, Sweet Tooth.