Mad Men: uma série antiga que vale assistir

Mad Men Série antiga

Mix de Séries indica maratona de Mad Men

O Amazon Prime Video adicionou, recentemente, uma joia rara em seu catálogo: a série Mad Men. Aclamada pela crítica, a série estreou em 2007 e ficou no ar nos Estados Unidos por sete temporadas, exibidas pelo canal AMC.

Infelizmente, ela caiu no esquecimento após o seu final – mas durante sua exibição, foi lembrada pelos prêmios Globo de Ouro e Emmy, por anos seguidos, sendo consagrada a Melhor Série de Drama. Igualmente, Mad Men é reconhecida por sua autenticidade histórica, estilo visual, figurino, atuações, roteiro e direção de qualidades.

Ao todo, são 92 episódios, que você rapidamente poderá maratonar se assistir um ou dois por dia. Certamente, um tipo de atração que não pode ficar de fora da sua listinha de séries para conferir.

Mas por que vale a pena?

Mad Men é estrelada pelo ator Jon Hamm, vencedor do Emmy de Melhor Ator (série dramática) em 2015 pela atração. Na história, ele dá vida ao icônico personagem Don Draper – diretor de criação da Sterling Cooper, uma das agências de publicidade mais famosas em Nova Iorque, na década de 1960. Sim, estamos falando de uma série de época. E é justamente por isso que ela vale sua atenção.

Continua após a publicidade

Logo no primeiro episódio, já vimos que a série tem como foco o dia dia da agência de publicidade naquele período. E o grande problema que dá o ponta pé inicial para a trama é: Draper precisa criar uma campanha publicitária para os cigarros Lucky Strike, em um momento em que o governo está investido pesado em campanhas antitabagismo. Então, ele se vê no dilema: como convencer um consumidor a comprar a marca Lucky Strike, um cigarro que é mais caro, em um momento que autoridades começam uma tentativa de convencer as pessoas a não fumarem de maneira alguma.

Assim, vemos que os artifícios usados por eles tornam-se geniais. É, a cada sacada, principalmente conduzida por Draper, que vemos que a série tem uma reviravolta emocionante para entregar, aos clientes que contratam a Sterling Cooper bem como os espectadores que acompanham Mad Men.

Além disso, a ambientação, mostrada a cada episódio, é deslumbrante. É como que, de certa forma fóssemos transportados para aquela época, durante 45 minutos. Vale ressaltar também que Mad Men toca em assuntos interessantes e necessários, a partir da cultura e da sociedade norte-americana nos anos 1960. Entre os tópicos mais explorados estão o tabagismo, alcoolismo, sexismo, feminismo, adultério, homofobia, racismo e antissemitismo.

Mad Men

Elenco de Mad Men é primoroso e casa com incrível ambientação. Imagem: Divulgação.

Curiosidades interessantes

  • A série quase foi uma produção da HBO, embora o canal premium por anos ignorou este roteiro. A AMC, no entanto, precisava de uma grande série para estrear no ramo de produções e escolheu Mad Men. A escolha foi certeira.
  • O piloto é um dos mais bem avaliados da história das séries. Ele foi filmado na Silvercup Studios e em diversos locais de Nova York; episódios seguintes foram filmados nos Los Angeles Center Studio.
  • Cada episódio tinha um orçamento que variava de 2 a 2,5 milhões de dólares, embora o episódio piloto tenha ultrapassado a marca de 3 milhões.
  • Devido a uma proibição de Los Angeles em que as pessoas não podem fumar em ambiente de trabalho, nas cenas, os atores utilizavam cigarros herbais.
  • A abertura dos episódios, em animação gráfica, mostra um executivo caindo de uma grande altura, cercado por arranha-céus e pôsteres publicitários. Tal trecho é uma homenagem às aberturas repletas de arranha-céus do filme North by Northwest, de Alfred Hitchcock, de 1959.

Ficha técnica

Série: Mad Men.
Temporadas: 7.
Episódios: 92.

Elenco: Jon Hamm (Don Draper), January Jones (Betty Draper), Christina Hendricks (Joan Holloway), Elisabeth Moss (Peggy Olson), John Slattery (Roger Sterling), Vincent Kartheiser (Pete Campbell), entre outros.

Criada por: Matthew Weiner.

Sinopse: Mad Men tem o ponta pé inicial de sua trama na agência Sterling Cooper. Focada no personagem Don Draper (Jon Hamm), diretor de criação da referida agência publicitária, os episódios dão destaques para o processo de criação da publicidade, na década de 1960, frente as mudanças sociais ocorridas nos Estados Unidos nesta época. 

E então, você ficou curioso para assistir? Gostou da nossa dica? Deixe nos comentários. Igualmente, continue acompanhando todas as novidades do mundo das séries aqui no Mix de Séries.

  • Além disso, siga nossas Redes Sociais (InstagramTwitter, Facebook).
  • Baixe também nosso App Mix de Séries para Android no Google Play (Download aqui) e fique por dentro de todas as matérias do nosso site.
Anderson Narciso

Anderson Narciso

Criador, editor e redator do site Mix de Séries, é apaixonado por séries desde sempre. Fã incondicional de One Tree Hill, ER, Friends, e não perde um episódio da Franquia Chicago.

No comments

Add yours