A marcante abertura da franquia Law and Order

Dick Wolf consolidou um império na TV há alguns anos, quando no dia 13 de setembro de 1990 uma certa vinheta tocou pela primeira vez. Estamos falando de Law & Order, série que instalou um novo conceito de se produzir drama em uma época de ouro da telinha.

Continua após a publicidade

Seguindo o jeito de inovador de praticamente ter duas produções em uma (relembramos essa dinâmica no Memória em Série – clique aqui), os produtores tiveram o cuidado de casar a introdução com a fórmula da série, trazendo a ela uma importância enfática.

 

lo2

 

A abertura do show mostrava, assim como a história, mostrava os dois lados da história – o dos policiais e dos advogados. E como as histórias eram, praticamente todas, baseadas em histórias reais, a narração logo no começo trazia a ela um ar documental ainda maior.

 

“No sistema judiciário criminal, o povo é representado por dois grupos distintos porém igualmente importantes: a polícia, que investiga os crimes, e os promotores de justiça que processam os autores. Estas são as suas histórias.”

 

Quando o tema composto por Mike Post – o mesmo de Magnum P.I. – começava a tocar, parecia que estávamos acabando de abrir a famosa sessão de “casos policiais” dos jornais oitentistas norte-americanos. Fotos em preto em branco ficavam em contraste com os atores, adicionando o tom realista que a série exigia.

 

A Lei e a ordem frameA lei e a ordem expressas em frames preto e branco que lembram páginas policiais de jornais. 

Na abertura, os créditos dos atores também eram divididos. O time policial ganhava formato de tela azul, enquanto os advogados ganham o mesmo molde na cor vermelha. A introdução se encerrava com o time andando em frente a câmera, momento esse que virou marca registrada da franquia. Confira a primeira abertura:

 

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=TzJm9vTCff8[/youtube]

 

Futuramente, os seus spin-offs seguiram o mesmo molde. Law & Order: Criminal Intent e Law & Order: Los Angeles criaram suas variações, tanto de tema – baseado na score de Post – quanto de frames, que ganharam mais cores.

 

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=8A02Nyt8Pf8[/youtube]

 

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=UsH_Rrkmwi0[/youtube]

Porém, Law & Order: Special Victims Unit optou por ser mais tradicional, criando uma abertura que se assemelha e muito a da série original. A narração introdutório é:

 

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=uzddgJtt0aM[/youtube]

 

“No sistema judiciário criminal, crimes de caráter sexual são considerados especialmente hediondos. Na cidade de Nova Iorque, os dedicados detetives que investigam esses terríveis delitos são membros de um esquadrão de elite, conhecido como a Unidade de Vítimas Especiais. Estas são suas histórias.”

 

Com uma variação do tema, composta desta vez pelo próprio Mike Post, SVU captou a mesma dinâmica de explorar fotos em preto branco como páginas de jornais, mas desta vez dando destaque para o tema que a série abordava: os crimes sexuais.

 

SVU FrameAs ruas de Nova Iorque dão espaço para os casos sexuais de SVU.

SVU Frame 2

Uma notável diferença na abertura é o seu frame final, que ao invés de mostrar os personagens interagindo e andando pelos cenários, coloca-os em uma pose de frente para a câmera.

Por usar os mesmos aspectos utilizados pela série original no começo dos anos 1990,a abertura de SVU tem um ar nostálgico, de uma época em que as emissoras se preocupavam em aplicar originalidades em suas aberturas, ou simplesmente aproximar o espectador de seus atores e produtores.

Esse foi o primeiro, e mais bem sucedido, spin-off de Law & Order, estando na ativa até hoje. Confira a introdução:

 

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=__t4x5CGfuU[/youtube]

Anderson Narciso

Anderson Narciso

Mestre em História, apaixonado por mídias, é o editor responsável e idealizador do Mix de Séries. Eterno órfão de Friends, One Tree Hill e ER, acompanha séries desde que se entende por gente. No Mix é editor de colunas e de notícias, escreve a coluna 5 Razões e resenha a série Gotham.

No comments

Add yours