Mix de Opiniões: o piloto de Galavant

A fantasia chega em 2015 de maneira notável. Galavant, nova série da ABC, foi vista por mais de 7 milhões de espectadores em sua estreia no último domingo (04).

Continua após as recomendações

Criada por Dan Fogelman (The Neighbors), a série apresenta em tom de fábula a história de Galavant, vivido por Joshua Sasse (Rogue), um homem honesto e exímio com a espada que descobre ter perdido o amor de sua vida para o Rei Richard. A jovem preferiu se casar com um homem rico a passar o resto da vida ao lado de um pobretão. Mas, quando quando a Princesa Isabella, filha do Rei de Valência, busca sua ajuda para libertar seu reino do domínio de Richard, Galavant vê a oportunidade de se vingar dele. O elenco ainda inclui participações especiais de vários rostos conhecidos, como Vinnie Jones, John Stamos, Ricky Gervais e Rutger Hauer.

 

Continua após a publicidade

galavant-pilot

 

Para a nossa já tradicional coluna, alguns de nossos colaboradores se reuniram para assistir ao episódio e comentar o que acharam desta estreia.

Lembrando para quem não conhece… No Mix de Opiniões, cada colaborador, além de fazer sua mini crítica, escolhe uma nota, entre 0 e 100, para qualificar o objeto de debate, de acordo com o quadro a seguir:

 

tabela-mix-de-opinioes

 

 

mix-opinioes-alex[Alex Fonseca, colaborador do Mix]: O que podemos esperar de uma comédia romântica ambientada em uma época medieval e que ainda por cima é um musical? De certa forma, uma infantilidade sem igual. Entretanto, o que ninguém esperava era que essa infantilidade fosse o ponto certo da produção. Não tenho um apreço grande por comédias, fazendo com que conte nos dedos as que realmente me fizeram rir. Mas tem como se controlar com um grupo de personagens que em tudo, absolutamente tudo, soltam umas frases rimadas e cantadas? Então quer dizer que, para você, a única diferença de Galavant das demais séries é isso? Não. A produção de Dan Fogelman para ABC é um verdadeiro conto de fadas da Disney, remetendo, em várias cenas, clássicos do estúdio. Junto com tudo isso, a irreverência e peculiaridade de cada personagem ali descrito é sensacional. Quer uma verdadeira comédia e se acabar de rir? Galavant! Quer algo mais leve para assistir, enquanto seus dramas e procedurais estão em hiatus? Galavant! Quer somente mais uma série para acompanhar? Galavant!

 

 

mix-opinioes-didi[Diógenes Ternero, colaborador do Mix]: Essa é aquela típica série que faz muita gente “pagar a língua”. Eu sou uma dessas pessoas, pois quando vi o promo, achei horrível. Fui conferir o piloto e acabei sendo surpreendido, afinal ri durante diversas cenas e no fim do episódio fiquei com uma vontade de ver mais daquela insanidade. Galavant é uma série musical do melhor dos contos de fadas da Disney. Todos os conceitos estão presentes, principalmente o humor, que causa um alívio, deixando tudo mais leve. A série é um prato cheio para os fãs dos filmes da Disney, de histórias que o príncipe precisa salvar a princesa, mas de uma forma voltada para os adultos. O humor é bem pastelão e com cenas bizarras. Timothy Omundson é o grande destaque, fazendo o papel do rei maligno, porém na verdade é um molenga que não consegue nem chutar alguém. Ele é hilário e proporciona momentos impagáveis. A série tem tantas tosquices que faz você rir muito. E essa é a dica: abra a mente, deixe de lado sua parte exigente e apenas curta os 20 minutos de episódio.

 

 

 

mix-opinioes-matheus[Matheus Pereira, colaborador do Mix]: Caso alguém ainda tenha dúvida de que a TV é um dos maiores celeiros criativos da indústria e de que a TV aberta norte-americana ainda pode tomar decisões corajosas, este alguém precisa assisti Galavant. E não é necessário gostar da nova série da ABC, afinal, a comédia/musical de época tem uma série de problemas. É necessário, porém, aceitar que Galavant é uma aposta corajosa de qualquer perspectiva que se olhe. Como comédia, a série funciona muito bem, passando a ideia de que todos os envolvidos (seja na frente ou atrás das câmeras) estão se divertindo com a produção. É forte a sensação de que o show pretende satirizar as comédias e os musicais, saindo-se relativamente bem quando tenta fazer chacota de produções do gênero. Como musical, Galavant também surpreende de maneira positiva: ainda que as primeiras canções pareçam musicalmente muito semelhantes entre si, as letras são divertidas, ágeis e inteligentes. A dúvida – cruel – que fica é: a série teria fôlego para mais de uma temporada? Musicais tendem a perder o ritmo depois de um tempo, e o mesmo pode acontecer com a série. De todo modo, os primeiro episódios (de um total de oito) de Galavant mostram uma ótima mistura de comédia, musical e conto de fadas.

 

 

[skillbar title=”RESULTADO: Crítica Favorável” level=”78″]

 

 

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=asKKwxGRlag[/youtube]

 

Vocês já conferiram o piloto de Galavant? Conte para nós…

Equipe Mix

Equipe Mix

Perfil criado para realizar postagens produzidas pela equipe do Mix de Séries.

No comments

Add yours