Mix de Opiniões: o piloto de Westworld

Quando a HBO aposta, aposta alto. Westworld chega às telinhas cheia de expectativa. Seria este o novo hit do canal? A produção é das grandes, e os nomes, à frente e atrás das câmeras, são do primeiro time. A trama acompanha duas linhas temporais e dois espaços distintos: em uma, temos humanos interagindo com androides em um resort temático do Velho Oeste. Nele, as pessoas pagam um alto preço para ter uma experiência imersiva na realidade da época. Em outra linha, temos os criadores e coordenadores do tal parque, que tentam inovar ao mesmo tempo em que buscam manter tudo funcionando em perfeita ordem. Até onde a inteligência dos androides é artificial? Qual o limite para o Homem brincar de Deus e fazer um semelhante? Westworld é produto inteligente com estilo de blockbuster, coisa típica dos irmãos Nolan.

Continua após as recomendações

westworld-57e9a133e2919

Continua após a publicidade

Colaboradores do Mix de Séries assistiram o piloto e se reuniram para debater sobre a estreia. No fim do post, temos a média das notas dadas pelos participantes e o veredito. Antes de saber o que nossa equipe achou sobre Westworld, entenda o sistema de notas:

sistemadenotas

mix-opinioes-anderson-90

[Anderson Narciso – editor-chefe do Mix]: Westworld não é aquela série fácil de digerir. Eu, por exemplo: entendi um total de zero coisas, mas amei mesmo assim. Sabe aquela série que você simpatiza logo de cara? Talvez seja o conjunto da obra: Jonathan Nolan – um dos roteiristas da Trilogia Cavaleiro das Trevas – como diretor, Anthony Hopkins encabeçando o elenco, e roteiro baseado no livro de Michael Chricton – o mesmo de Jurassic Park, sério, não tem como dar errado. Podemos ter entendido “bulhufas”, mas Westworld merece nosso voto de confiança. Com uma produção impecável e uma fotografia de arrasar, a série entregou pouco de seu enredo, mas já disse a que veio. Poucas respostas para muitas perguntas… É interessante ver o apelo que a HBO tem em histórias de fantasia como essa, injetando um bom investimento financeiro, depositando histórias nas mãos de quem entende do assunto. Westworld pode até não ser a “nova” Game of Thrones, mas certamente é a mais nova série que pretendo assistir por um bom tempo…

 

mix-opinioes-lucas[Lucas Franco – colaborador do Mix]: Um mix intenso de “não tô entendendo nada” com “cadê o próximo episódio?”. Westworld já estreia com uma premissa negativa de substituição à séries veteranas da HBO como Game of Thrones. Não somente negativa como errônea, uma vez que são séries incrivelmente boas e com contextos diversos. O enredo da série é muito bem trabalhado, meio confuso claro, mas ainda assim tem um contexto cronológico dos acontecimentos. A revolução das máquinas, todo o contexto de inteligência artificial criando consciência, por mais que já tenha sido abordado em trabalhos anteriores, vem de uma forma inédita na abordagem de Westworld. A atuação foi impecável, temos grandes nomes como Anthony Hopkins que abrilhanta ainda mais toda a produção. Rodrigo Santoro representa mais uma vez o povo brasileiro em território estrangeiro, e ao meu ver, teve uma atuação brilhante nesse piloto. Por todo o contexto da produção, filmagem, enredo e elenco, só há boas expectativas. Um bom piloto que busca aguçar a curiosidade do telespectador, ao mesmo tempo que deixa claro suas vontades para o futuro da série.

matheus_85[Matheus Pereira – editor do Mix]: Jonathan Nolan e seu time não parecem preocupados em envolver e prender a audiência. Não me entenda mal, pois o piloto de Westworld é ótimo. A questão é que o primeiro capítulo na nova série da HBO não é convencional, não traz aquela forma conhecida, infalível para trazer a audiência de volta no episódio seguinte. Westworld começa complicada, e não tem medo disso; ao contrário, a série parece ser mais complexa do que parece ou é necessário. A trama, se analisarmos friamente ou esperarmos mais uns capítulos, é simples em sua proposta. Demora para o público entrar e entender a colcha de retalhos proposta pelos roteiristas. As idas e vindas no tempo e no espaço, aliadas ao fato de que a história no “Velho Oeste” recomeça várias vezes, complicam a vida do espectador. Além disso, quem é humano e quem é androide? Ao final, as coisas ficam mais claras, e daqui pra frente a promessa é de que a trama flua mais naturalmente. Do ponto de vista técnico e de elenco, Westworld é impecável. Filmada em película, a série tem uma fotografia que salta aos olhos, e uma direção de arte competentíssima. Para completar, Evan Rachel Wood tem tudo para levar a série como legitima protagonista. O piloto é ótimo, mas a série precisa encontrar um padrão e uma abordagem mais acessível; se não, morre logo ali. E na TV, infelizmente, o sistema não resetado.

mix-opinioes-paula-80[Paula Reis – editora do Mix]:Westworld tem tudo para ser uma grande série: Jonathan Nolan e J.J. Abrams na criação; Anthony Hopkins, Evan Rachel Wood, Ed Harris e Rodrigo Santoro no elenco; HBO na produção. Mas, confesso que o começo da estreia ficou bem confuso. Quem assistiu o filme de mesmo nome, que foi inspiração para série, teve mais facilidade para compreender o que é aquele mundo, onde é difícil distinguir quem é robô e quem é ser humano. Percebe-se um roteiro denso, com grandes paradoxos, misturando a realidade com uma vida inventada. Discute-se até onde o homem pode ir nas suas criações. Ford, o criador, é fascinado com seu parque e não enxerga os problemas que tem e os limites que deve ter. Ponto para atuação de Santoro como Hector, o vilão da montanha, para Ed Harris como o homem de preto e a lindíssima Evan como Dolores, o androide mais antigo de Westworld. É uma série diferente, atípica, mas interessante. Não substitui nenhuma série criada, como andam falando – Lost, Game of Thrones, etc -, é única, mas temos experiência de que se deve ter cuidado para a série não se perder na própria história. Bom piloto, me fez querer ver o próximo.

Veredito:

mixopinioesbasevereditowestworld1

E aí? Vai dar uma chance aos androides no Velho Oeste? A equipe do Mix de Séries aprovou a estreia. A série é transmitida todos os domingos, às 23h, na HBO. Confere o trailer abaixo:

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=IuS5huqOND4[/youtube]

Nenhum comentário

Adicione o seu