Mix Music #20 – 02/08 a 08/08

mix20

 

Essa edição do Mix Music traz uma infalível mistura de clássicos, novos hits e, como sempre, algumas novidades que poucos ouviram falar. E como no desconhecido reside a possibilidade de se conhecer coisas novas, vem conferir as melhores músicas que garimpamos das séries que foram ao ar essa semana.

 

Continua após a publicidade

[v_icon color=”#444444″ size=”18px” target=”_blank” name=”moon-mic-5″] PLAYLIST DA SEMANA

 

1) Roy Orbison – In Dreams (True Blood, #7×07 “May Be the Last Time”)

Talvez você lembre de Roy Orbison pelo clássico “Oh, Pretty Woman”, mas foi outro de seus sucessos, “In Dreams”, que serviu como trilha para o segundo encontro entre Arlene e Keith em True Blood, como sempre muito bem representada em nossa playlsit.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=HysrQgMOTRo [/youtube]

 

2) Fink – Looking Too Closely (Suits, #4×08 “Exposure”)

E Suits marca presença novamente em nossa coluna, dessa vez com o indie folk do cantor inglês Fink e essa ótima música de seu recém-lançado álbum, Hard Believer. “Looking Too Closely” tocou durante os desencontros de Louis e Harvey pelo escritório, ao fim do episódio.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=qoWRs7lXtYE [/youtube]

 

3) A Great Big World & Christina Aguilera – Say Something (Rookie Blue, #5×11 “Everlasting”)

No episódio mais recente de Rookie Blue, o destaque foi esse hit do duo A Great Big World, com participação de ninguém menos que Christina Aguilera, para o momento em que Juliet desiste de Nick após descobrir que ele é um policial e Marlo aconselha Dov a dar outra chance à Chloe.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=-2U0Ivkn2Ds [/youtube]

 

4) Kongos – Come With Me Now (Satisfaction, #1×04 “…Through Self-Discovery”)

A novata Satisfaction está mesmo caprichando na trilha sonora e o que chamou a atenção no episódio em questão foi a banda sul-africana de rock alternativo Kongos. O maior sucesso da banda, a animada “Come With Me Now”, tocou enquanto Grace estava em uma loja de roupas.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=Gz2GVlQkn4Q [/youtube]

 

5) Ed Sheeran – Give Me Love (Reckless, #1×06 “Family Plot”)

Como sempre Reckless arrasando na trilha e dando espaço para novos e promissores artistas. Não que o já bem-sucedido Ed Sheeran precise de mais espaço, mas deixa claro o foco musical da série. A ótima “Give Me Love” tocou no início do episódio, enquanto Jamie e Roy conversavam no sofá.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=FOjdXSrtUxA [/youtube]

 

6) Sia – Big Girls Cry (Mistresses (US), #2×09 “Coming Clean”)

Mistresses vem desde a semana retrasada tentando recuperar o tempo perdido em nossa coluna e, no episódio dessa semana, trouxe mais uma vez algo digno de entrar nessa seleta lista: “Big Girls Cry”, da cantora australiana Sia. A música tocou na cena em que Toni seduz Dom.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=LRP2TtHFPmQ [/youtube]

 

7) Slayer – Angel of Death (The Leftovers, #1×06 “Guest”)

Acho que nunca antes na história do Mix Music tivemos heavy metal na playlist. Mas para tudo tem uma primeira vez a não consigo pensar em música mais apropriada, tanto pelo gênero quanto pelo título, para o momento em que Angel atira em Nora.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=D1bBGdoRgYU [/youtube]

 

8) The Weepies – Love Doesn’t Last Too Long (Finding Carter, #1×06 “The Fugitive”)

Outra novata que vem apresentando ótimas músicas é o drama teen da MTV Finding Carter. Dessa vez o destaque foi o indie folk do casal The Weepies, presença constante na trilha de seriados. Essa bela música toca quando David recebe uma mensagem de Elizabeth dizendo que vai chegar tarde do trabalho.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=TpdW6XwxUuU [/youtube]

 

9) Mirel Wagner – The Road (Rectify, #2×08 “The Great Destroyer”)

Nos últimos episódios, Rectify diminuiu consideravelmente o ritmo de ótimas músicas indie que vinha apresentando nessa temporada. Porém se redimiu um pouco ao encerrar o último episódio com essa novidade do cenário folk underground, a cantora finlandesa (mas nascida na Etiópia) Mirel Wagner.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=DClZ_kB0MM8 [/youtube]

 

[v_icon color=”#444444″ size=”18px” target=”_blank” name=”moon-mic-5″] MIX VITROLA

 

Meredith Brooks – Bitch (Orphan Black, #1×08 “Entangled Bank”)

Pra você que, ao assistir o episódio, imediatamente jogou no Google a frase “I’m a bitch, I’m a lover” e descobriu que é uma música da Alanis Morissette, sinto informar que não, não é, e se alguma vez na vida ela chegou a cantar essa música foi no karaokê ou no chuveiro. Com isso esclarecido, trago para essa edição do Vitrola esse que talvez seja o único grande hit de Meredith Brooks, que lhe rendeu 15 minutos de fama na segunda metade dos anos 90 e hoje em dia nem o Google lembra da existência. Porém, em 2013, “Bitch” foi devidamente ressuscitada pelo simples fato de definir perfeitamente, sobretudo no refrão, a personagem Alison, um dos clones de Orphan Black. Foi em um momento de libertação, digamos, convenientemente com essa música no rádio de sua minivan, que Alison soltou a voz e assumiu sua condição de bitch, lover, child, mother, sinner, saint, that do not feel ashamed! Se existe uma música mais propícia para a personagem e para o momento, só pode ter sido composta com base nessa exata situação. Relembre a referida cena AQUI. E não sei vocês, mas bateu uma saudade dessa primeira temporada, onde as coisas eram mais simples…

 

[youtube] http://www.youtube.com/watch?v=bv4q4Kk0Qr0 [/youtube]

 

Fique refletindo sobre o quanto tal trecho da música te define e até a próxima!

Equipe Mix

Equipe Mix

Perfil criado para realizar postagens produzidas pela equipe do Mix de Séries.

No comments

Add yours