Mix Music #41 – 17/01 a 23/01

Mix Music 41

Continua após as recomendações

 

Essa edição do Mix Music está indiscutivelmente sensacional. As músicas tiveram um papel crucial em várias séries e essas foram muito bem escolhidas, nos proporcionando uma lista infalível para todos os públicos. Se está duvidando, é só conferir a digníssima seleção abaixo.

Continua após a publicidade

 

[v_icon color=”#444444″ size=”18px” target=”_blank” name=”moon-headphones”] PLAYLIST DA SEMANA

 

01) Willie Nelson – Buddy (Parks and Recreation, #7×04 “Leslie & Ron”)

A cena na qual tocou essa música certamente ficará para sempre como uma das mais marcantes da série, principalmente por representar a reconciliação de uma das melhores duplas, se me permitem afirmar, da história das séries. É difícil que existam muitas amizades entre homens e mulheres que sejam tão legais quanto Leslie & Ron, como vocês podem constatar pela imagem que ilustra esse post. Willie Nelson é o cantor preferido de Ron, aliás, o único que ele gosta, então “Buddy”, inclusive por sua letra, se encaixou perfeitamente à situação.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=IDfLETGv28g [/youtube]

 

02) Billie Joel – We Didn’t Start the Fire (Parks and Recreation, #7×04 “Leslie & Ron”)

“Buddy”, de Willie Nelson, foi a música escolhida por Ron para integrar a Mixtape do escritório, e Jerry (ou Terry), honrando sua condição de piada do grupo, escolheu a desastrosa “We Didn’t Start the Fire”, de Billie Joel, a qual Leslie, numa tentativa bem-sucedida de irritar Ron e fazê-lo conversar com ela, fez questão de cantar sem saber uma palavra da letra. Então por ter rendido tal cena, é claro que merece uma posição de destaque nessa playlist, sendo a segunda de Parks que, como vocês devem ter percebido, teve um episódio sensacional.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=eFTLKWw542g [/youtube]

 

03) Joni Michell – The Circle Game (Parenthood, #6×12 “We Made it Through the Night”)

Mais uma vez Parenthood se destaca na semana, não só por seu lindo penúltimo episódio, mas também no âmbito musical, por isso aparece de novo nessa lista – e, assim como Parks, em dose dupla. A música da vez foi ainda mais especial por ter sido cantada por Lauren Graham (Sarah) e Mae Withman (Amber) – mãe e filha – para relembrar essa que elas chamaram de “nossa música”. Então “The Circle Game” aparece por aqui pela segunda vez, novamente tendo sido interpretada por personagens, então a icônica Joni Mitchell aparentemente tem seu devido reconhecimento também no mundo das séries. E que música linda, minha gente.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=h8pfjNOfBoA [/youtube]

 

04) José González – Every Age (Parenthood, #6×12 “We Made it Through the Night”)

Sim, Parenthood de novo, mas nesse episódio eles apelaram, mesmo. Como se as cenas já não fossem emocionantes o suficiente, sobretudo restando agora um episódio para a série se despedir por definitivo, ainda escolheram a dedo as melhores músicas para potencializar todo o drama. E o teor da música em questão não poderia ser mais propício para a situação, já que tocou durante o nascimento do filho de Amber, estando no recinto, assim, o bebê, a mãe, a avó e os bisavós, ou seja, “every age”, sendo toda a letra condizente não só com o referido momento, mas com muito do que a série sempre pretendeu passar. E José González é mais um excelente e subestimado artista que a série ajuda a receber uma merecida maior atenção.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=I_iY2RQWNzM [/youtube]

 

05) Vanessa Carlton – A Thousand Miles (Glee, #6×04 “The Hurt Locker (1)”)

Tinha até me esquecido da existência de Glee e do quanto ela pode ser útil para essa coluna, mas agora lembrei, então acostumem-se com a presença dela em absolutamente todas as playlists das semanas em que tiver episódio. O destaque da vez foi “A Thousand Miles” (mais conhecida aqui no Brasil como “no meu Crossfox eu vou sair…”), interpretada na série por Rachel, Sam e um piano voador, como vocês podem conferir AQUI.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=Cwkej79U3ek [/youtube]

 

06) Johnny Cash – God’s Gonna Cut You Down (Gotham, #1×12 “What the Little Bird Told Him”)

Eu já disse que amo a trilha de Gotham? Não custa reforçar: realmente amo a trilha de Gotham. Todo esse clima sombrio combinando perfeitamente com a série, agora chega a um nível ainda superior com o mestre Johnny Cash. A excelente “God’s Gonna Cut You Down” tocou na cena em que um jornal flutua ao vento e cai nos pés de Jack Gruber. Nem vi, mas deve ter sido uma linda cena. Dá até vontade de começar a ver a série.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=eJlN9jdQFSc [/youtube]

 

07) Angus & Julia Stone – Grizzly Bear (Revenge, #4×13 “Abduction”)

De novo Angus & Julia Stone e de novo em Revenge, mas nem ligo em me repetir porque é lindeza demais pra uma dupla folk só, então temos que aproveitar sempre que aparecer. Dá vontade deixar essa coluna de lado e ficar ouvindo no repeat eterno. “Grizzly Bear” tocou enquanto Nolan e Louise preparavam o jantar e conversavam sobre a situação de Louise com a mãe.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=JHhV9TPNmTI [/youtube]

 

08) Jack White – I’m Shakin’ (The Vampire Diaries, #6×11 ““Woke Up With a Monster”)

The Vampire Diaries, se tratando de trilha sonora, jamais decepciona e, consequentemente, jamais fica de fora da nossa exigente lista. Dessa vez temos ninguém menos que Jack White e o rock dançante de “I’m Shakin'”, presente no momento em que Stefan acorda e encontra Jeremy fazendo café vestindo só as roupas de baixo, entre outras cenas.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=XkcGuZHPbKk [/youtube]

 

09) Jesse Woods – Gold in the Air (Girls, #4×02 “Triggering”)

Eu nem assisto Girls, mas cheguei a ansiar por seu retorno só porque sabia da qualidade das músicas da série e da consistência dessas com as minhas preferências. E não estava enganada. Já nessa primeira vez que eu tenho a oportunidade de inseri-la aqui, ela proporciona várias opções ótimas, das quais eu destaquei, ignorando qualquer imparcialidade, o indie folk de Jesse Woods, que tocou enquanto Hannah acordava Elijah e eles iam embora da festa, caminhando, antes dos créditos finais. Podem ter certeza que, enquanto a temporada durar, a série aparecerá por aqui.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=V4kygoRRwQQ [/youtube]

 

10) David Bowie – Heroes (American Horror Story, #4×13 “Curtain Call”)

Como vocês sabem, essa quarta temporada de American Horror Story está meio Glee, cheia de interpretações de músicas conhecidas feitas pelo elenco, então é um prato cheio para a nossa coluna, que agora pode contar com as duas, para deleite do nosso excelentíssimo público. Parece que a personagem de Jessica Lange é realmente fã do mito David Bowie, porque depois de “Life on Mars?”, agora foi a vez do clássico “Heroes” ganhar uma mais do que digna versão feita por ela, que vocês podem conferir AQUI. E assim encerramos mais uma edição da nossa playlist.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=Tgcc5V9Hu3g [/youtube]

 

[v_icon color=”#444444″ size=”18px” target=”_blank” name=”moon-headphones”] MIX VITROLA

 

Bob Dylan – Forever Young (Parenthood, #1×01 “Pilot”)

 

Uma das minhas séries preferidas, um dos meus cantores preferidos e apenas dois dias até que eu nunca mais veja os dois juntos em um episódio inédito novamente. Os 103 episódios dessa série linda que se encerra para sempre nessa quinta-feira, se iniciaram com esse hino do ícone Bob Dylan. A escolha da otimista “Forever Young” como música de abertura, intenciona mostrar um pouco do que a série preza, que é a busca pela felicidade dos vários integrantes da família Braverman, sobretudo das famílias formadas pelos quatro irmãos, todas com problemas distintos e que causam imediata identificação por parte do público, o que faz com que a série nos toque de uma forma que pouquíssimas conseguem. A música tanto significa para a série, que não serviu só como abertura, mas esteve lá também no episódio piloto, nas cenas do jogo de basquete. Considerando isso tudo, além da oportunidade de lembrar do seu início  agora que estamos tão perto do seu fim, não poderia ser outra música a escolhida para vir aqui honrar essa excelente série que logo se despede de nós por definitivo. Então fica aqui nossa adeus a Parenthood, que entre tantos feitos, foi de extrema importância para que essa coluna lhes proporcionasse tantas músicas lindas, assim como proporcionou aos seus fãs tantos episódios igualmente lindos. Portanto obrigada, Parenthood, por tudo.

Obs: Como eu não encontrei no YouTube a versão de “Forever Young” usada na abertura, decidi deixar aqui esse clipe com cenas lindas da série, pra deixar a gente com mais saudade ainda. A versão é interpretada por John Doe & Lucy Schwartz.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=QUr5v2aWijw [/youtube]

 

E por hoje é isso, até a próxima!

Equipe Mix

Equipe Mix

Perfil criado para realizar postagens produzidas pela equipe do Mix de Séries.

No comments

Add yours