Mix Music #43 – 31/01 a 06/02

Mix Music #43

 

Primeiro Mix Music desse mês carnavalesco e a coluna já chega sambando. Mas as séries gringas não foram feitas de samba, então ficaremos só com o sentido conotativo do termo, porque se tratando de música, o que mais rolou por aqui foi rock e alguns inesquecíveis e indispensáveis clássicos. Aproveitem.

 

Continua após a publicidade

[v_icon color=”#444444″ size=”18px” target=”_blank” name=”moon-headphones”] PLAYLIST DA SEMANA

 

1) Jackie DeShannon – What the World Needs Now (Glee, #6×06 “What the World Needs Now”)

Esse belíssimo e absoluto clássico, composto por Hal David e Burt Bacharach e popularizado na voz de Jackie DeShannon, já ganhou versões de tudo que é tipo e agora foi a vez do elenco de Glee fazer sua própria, e ainda levar o nome da canção como título do episódio. A versão da série fez tanto sucesso que foi um sacrifício achar um vídeo da música no YouTube que não fosse relacionado a ela, mas achei. Confira a digna versão de Glee para essa obra-prima AQUI, com uma propícia sequência de cenas de confraternização do grupo.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=Fahg2q9IrAs [/youtube]

 

2) Jamey Johnson – You Are My Sunshine (Banshee, #3×05 “Tribal”)

Mais um clássico incontestável e excelente, “You Are My Sunshine” também já ganhou infinitas versões, sendo que a escolhida para tocar no final do referido episódio de Banshee foi a de Jamey Johnson. Enquanto a música tocava, corpos eram mostrados por baixo de lençóis brancos. Me parece tarde demais para “don’t take my sunshine away”, mas ainda assim a música é perfeitamente apropriada para esse tipo de situação e deve ter elevado a cena para um nível dramático muito superior. Não me lembro de Banshee aparecendo por aqui antes, mas uma música dessa é uma excelente forma de começar e fazer com a série sempre seja considerada futuramente.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=TgIBGK_K_cU [/youtube]

 

3) Simon & Garfunkel – April Come She Will (The Mindy Project, #3×14 “No More Mr. Noishe Guy”)

Sim, mais clássicos, não tanto a música quanto a dupla, mas ainda assim não é todo dia que temos a oportunidade de colocar os lendários Simon & Gardfunkel nessa humilde coluna. A belíssima “April Come She Will” tocou durante as cenas de despedida de Peter e também deve ter aperfeiçoado essa que já deve ter sido naturalmente um tanto emocionante. Mindy não aparece com tanta frequência por aqui, mas quando o faz é sempre em grande estilo. Continue assim.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=xH-9H75A0Tk [/youtube]

 

4) Olivia Newton-John & John Travolta – Summer Nights (The Flash, #1×12 “Crazy For You”)

Falando em clássicos, Grease é inegavelmente um dos musicais mais clássicos que existem e essa música é provavelmente o maior clássico dos karaokês. Perdi a conta de quando vezes vi desastrosas interpretações disso em filmes e séries. E agora foi a vez de The Flash entrar para essa longa lista. Parece que o episódio dessa semana da série quis dar uma de Glee, mas usufruindo da cantoria forçada de karaokê, que nunca perde a graça e sempre terá um lugar reservado nessa coluna. Caitlin foi realmente um desastre, mas Barry se saiu perfeitamente bem como John Travolta, como você pode conferir AQUI. É até compreensível como sua relutância foi pouquíssimo convincente.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=ZW0DfsCzfq4 [/youtube]

 

5) Jetta – Feels Like Coming Home (Grey’s Anatomy, #11×10 “The Bed’s Too Big Without You”)

Grey’s Anatomy pode durar pra sempre que nunca vai deixar de me impressionar com a excelência de sua trilha sonora. Por vezes a série garimpou artistas que só a mãe deles ouviu, só pra colocar a música perfeita pra cada momento. E agora foi a vez de Jetta cumprir majestosamente essa função com a ótima “Feels Like Coming Home”. A música tocou naquelas usuais sequências de cena que mostram um apanhado geral dos personagens no momento, sempre com uma música desse tipo para acompanhar.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=_xnq0Wez4To [/youtube]

 

6) The Brothers Bright – Blood On My Name (The Blacklist, #2×09 “Luther Braxton”)

The Blacklist sempre se saiu bem na trilha sonora, e dessa vez trouxe um os maiores destaques musicais da semana, a ótima “Bood On My Name”, da praticamente inexistente The Brothers Bright. A música aparentemente tocou em várias cenas de ação, que como eu não assisto à série nem vou me arriscar a descrever, mas de fato foram muitas, ao que parece em duas ocasiões diferentes e de bastante importância para o episódio. E com isso comemoramos a recém anunciada renovação da série, que ainda pode ter muita música boa a nos apresentar.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=xz5Mx3a8kRw [/youtube]

 

7) The Who – Magic Bus (The Blacklist, #2×09 “Luther Braxton”)

Parece que nessa semana The Blacklist estava mesmo disposta a pisar na cara das inimigas no que diz respeito a trilha sonora. Tanto que ela aparece por aqui novamente com nada menos que uma das maiores bandas de rock da história: The Who. “Magic Bus” tocou durante a transmissão televisiva da captura de Red. The Blacklist, você está de parabéns.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=CXDAIBvI48w [/youtube]

 

8) James Gang – Ashes, the Rain and I (Supernatural, #10×12 “About a Boy”)

Uma música bem ao estilo Supernatural, que sempre teve seu foco musical muito bem definido e vem sendo fiel a isso desde então, apesar de eu ter visto uma Taylor Swift suspeita ali na lista de músicas que tocou no episódio, mas deixemos para lá. James Gang é uma daquelas típicas bandas meio country rock dos anos 70, com os integrantes cabeludos montados numa moto, ou seja, mais cara de banda pra trilha de Supernatural impossível. “Ashes, the Rain and I” tocou enquanto Dean pesquisava sobre Mark of Cain e Sam contava a Dean sobre um novo caso que ele encontrou.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=2Hghp7L4Bvc [/youtube]

 

9) Fly Bi Nights – Found Love (Shameless, #5×04 “A Night to Remem… Wait, What?”)

Shameless sempre nos proporcionou uma trilha sonora vasta e propícia ao seu estilo, e nessa quinta temporada não está sendo diferente. A única dificuldade é encontrar no Google um rastro de qualquer uma das vinte bandas que geralmente aparecem na série. Mas diferente do usual garage rock underground dos anos 2000 do qual a série se utiliza, no episódio em questão tivemos um exemplo de como esse tipo de música era feita nos anos 70. E claro, a banda não é menos desconhecida que suas semelhantes contemporâneas, mas é uma one hit wonder, então ao menos temos o clipe de seu único sucesso, “Found Love”, com o qual o episódio se encerrou.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=-bcjrJWcqes [/youtube]

 

10) Bachman Turner Overdrive – Takin’ Care of Business (New Girl, #4×14 “Swuit”)

“Takin’ Care of Business” é a típica música que sempre toca em algum lugar, todo mundo diz que odeia, mas não consegue evitar cantar junto. E foi exatamente nessas condições que ela foi apresentada em New Girl. Coach comentou o quando odiava a música e, inevitavelmente, ele, Winston, Nick e Schmidt imediatamente começaram a canta-la. Típica cena de final de episódio no bar, com a Jukebox ligada. Já aviso que quem der play no vídeo vai se juntar a mim e passar o resto da semana com esse “taaakin’ care of business” na cabeça.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=aJprEyXMrIk [/youtube]

 

[v_icon color=”#444444″ size=”18px” target=”_blank” name=”moon-headphones”] MIX VITROLA

 

Mika – Any Other World (The Good Wife, #2×23 “Closing Arguments”)

 

Já que The Good Wife tem sido a responsável pelo atraso de absolutamente todas as séries que eu acompanho, achei apropriado homenageá-la no Mix Vitrola da semana, já que é praticamente a única série na minha vida atualmente. E tendo finalizado a quarta temporada e partindo para a tão elogiada quinta, venho lembra-los, agora que está aparentemente acabado por definitivo, da fatídica cena do elevador no último episódio da segunda temporada que finalmente fez Will & Alicia acontecer, por menos que tenha durado. A música foi perfeita para a ocasião, tanto por sua melodia quanto – e principalmente – por sua letra, e intensificou essa que deve ser a cena mais memorável da série, ao concretizar da melhor forma possível o que muitos aguardavam desde o piloto. Uma boa música de Mika e uma série que certamente entrou para as minha preferidas. É muito amor pra um Vitrola só.

 

[youtube] https://www.youtube.com/watch?v=c2By5i3eeUc [/youtube]

 

E é com esse drama toda que o Mix Music da semana se despede. Até a próxima!

Equipe Mix

Equipe Mix

Perfil criado para realizar postagens produzidas pela equipe do Mix de Séries.

No comments

Add yours